terça-feira, 25 de setembro de 2012

TRÊS LEIS PARA 
O DISCÍPULO DE CRISTO 

 - O discípulo não está acima do seu mestre, nem o servo, acima do seu senhor. Basta ao discípulo ser como o seu mestre, e ao servo como seu senhor – Mt 10.24 

 - O discípulo não esta acima do seu mestre; todo aquele, porem, que for bem instruído será como o seu mestre – Lc 6.40 

 - O Senhor Jesus em seu imortal ensino, deixou para os seus discípulos, leis que visam o bom desempenho do ministério que Ele confiou a cada um daqueles que foram chamados por Deus para a sua obra. 

 AS LEIS DEIXADAS POR CRISTO PARA OS SEUS DISCÍPULOS 

 1. A LEI DA LIMITAÇÃO: O MESTRE É O LIMITE 

- O discípulo não está acima do seu mestre, assim Jesus enunciou o principio que rege a vida do professor e do aluno ou do mestre e seu discípulo. 

- O máximo que um discípulo pode chegar, depois de aprender tudo é ser igual ao seu mestre. Entendemos com isso que o mestre e o limite de desenvolvimento do discípulo. 

- Jesus mesmo disse: Aprendei de mim. 

 2. A LEI DA IMITAÇÃO: O MESTRE COMO O VERDADEIRO EXEMPLO 

“Porque eu vos dei o exemplo, para que como eu fiz, façais vós também. Em verdade, em verdade vos digo que o servo não e maior que o seu senhor, nem o enviado maior do aquele que o enviou. Ora, se sabeis estas coisas, bem-aventurados sois se as praticardes” (Jo 13.15-17) 

 - O exemplo deixado por Cristo deve ser seguido por todos aqueles que diz ser seu discípulo. 

 - Paulo, um exemplo a ser imitado – I Co 11.1 

- Pedro nos exorta a seguir as pisadas do Mestre – I Ped 2.21-23 

- O apostolo João assim nos orienta: 
“aquele que diz que permanece nele(em Cristo), deve andar como Ele (Cristo) andou” I Jô 2.6 

- O exemplo belíssimo da igreja de Tessalônica deve chamar a nossa atenção, veja:
”Com efeito, vos tornastes imitadores nossos e do Senhor, tendo recebido a palavra, posto que em meio de muita tribulação, com alegria do Espírito Santo, de sorte que vos tornastes o modelo para todos os crentes na Macedônia e na Acaia.” I Ts 1.6,7. 

- Mirem-se nestes exemplos e serás um discípulo de muito valor. 

 - Exemplos de mestres a não serem seguidos: Ai deles! Porque prosseguiram pelo caminho de Caim, e, movidos de ganância, se precipitaram no erro de Balaão, e pereceram na revolta de Core – Jd v.11 

 Aqui esta um quadro de mestres a não serem imitados: 

- O caminho de Caim – símbolo de traição, avareza, concupiscência 

- O erro de Balaão – símbolo de cobiça, avareza, ganância, uso indevido dos dons espirituais, um típico profeta de aluguel, um mercadejador da fé - A revolta de Core – representa a cisma, a usurpação da autoridade legitima e a revolta. 

- Mestres assim geram filhos espirituais da pior qualidade.

Veja os filhos espirituais de Core: 
Alexandre, o Latoeiro – II Tm 4.14; 
Himineu – I Tm 1.20; 
Janes e Jambres – II Tm 3.8; 
Diotrefes – III Jô v.9 

 3. A LEI DA PARTICIPAÇÃO: O MESTRE É A CONSEQUÊNCIA 

- São palavras do Senhor Jesus: 
“lembrai-vos da palavra que vos disse: não e o servo maior do que seu senhor. Se me perseguiram a mim, também perseguirão a vos outros; se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa” (Jô 15.20) 

- Advertência e Privilegio. O discípulo participa da vida e obra do mestre. Na verdade o discípulo é a continuidade da obra do mestre. 

- Como discípulos de Cristo temos muitos privilégios, mas temos uma grande responsabilidade.

Vejamos a luz da Bíblia alguns privilégios e responsabilidades que nos conferiu o nosso amado Mestre: 

 PRIVILÉGIOS: 

“Fiel e Deus, pelo qual fostes chamados a comunhão de seu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor” I Co 1.9 

“Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que nos tem abençoado com toda sorte de benção espiritual nas regiões celestiais em Cristo” Ef 1.3 

 “Vos, porem, sois a geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de anunciar as obras daqueles que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz” I Ped 2.9 

RESPONSABILIDADES: 
 “Assim, pos, importa que os homens nos considerem como ministros de Cristo e despenseiros dos mistérios de Deus. Ora, alem disso, o que se requer dos despenseiros e que cada um deles seja encontrado fiel” – I Co 4.1,2

 “Pois assim me disse o Senhor:Vai, põe o atalaia, e ele que diga o que vir.Quando vir uma tropa de cavaleiros de dois a dois, uma tropa de jumentos e uma tropa de camelos, ele que escute diligentemente com grande atenção.Então, o atalaia gritou como um leão: Senhor, sobre a torre de vigia estou em pe continuamente durante o dia e de guarda me ponho noites inteiras.” Is 21.6-8 

 “Esta voz me disse: Filho do homem, põe-te em pé, e falarei contigo. Mas tu lhes dirás as minhas palavras, quer ouçam quer deixem de ouvir, pois são rebeldes” Ez 2.1,7. 

 Conclusão: 

- Que o Senhor Jesus na sua infinita graça, sabedoria e amor, nos ajude a sermos cumpridores das leis que Ele nos deixou, para que naquele grande dia possamos receber nosso inteiro galardão. 

A Ele a honra e Glória não só hoje como no dia da eternidade. Amem!. 



 Por: José Carlos Alexandre Ass. de Deus Parque Amorim - Rio de Janeiro “Ao Rei consagro o que fiz” Sl 45.1






++++++++++++++++
+++++++++++++++++
++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++
++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++



Nenhum comentário:

Postar um comentário