sábado, 27 de outubro de 2012



DIAS EXTRAORDINÁRIOS 



 Texto: Mateus 17:24-27 


Introdução:

 - Jesus desafiou a Pedro a viver um dia extraordinário, pois ele era um pescador profissional, e agora teria que experimentar o impossível. 

- A vontade do Senhor é que recebamos um suprimento fruto de um milagre. A maneira que o milagre acontece, é sempre algo que confronte aquilo que é natural. 

O encontro com JESUS nos dá a habilitação para viver o sobrenatural: 

- É ter a provisão aonde ninguém tem
- É viver as liberações aonde a probabilidade é nula 

- O Peixe simboliza não somente o crescimento e o desenvolvimento da Igreja. Mas também, o poder supridor que existe no corpo de Jesus Cristo, indo muito além de uma compreensão natural. O corpo de Jesus Cristo é auto-suficiente, inclusive no aspecto financeiro e material. 

Uma dimensão a ser explorada na sua plenitude.

 1. Não viva pela lógica humana. 

V.27 “o primeiro peixe que fisgar, tira-o; e, abrindo-lhe a boca, acharás um estáter” 

- O normal em meio a crise é tomar atitudes precipitadas, que muitas vezes aumentam a dificuldade, como tomar dinheiro emprestado para pagar dívidas, tornando assim o que era uma solução rápida num longo problema, ou seja, a dívida continua só que agora maior. 

- A obediência da palavra nos habilita a viver milagres e soluções,muitas vezes que nunca imaginamos. Não podemos viver como os outros vivem, pois somos diferenciados pela palavra profética, e devemos buscar a resposta da boca de Deus. 2 Corintios 5:7 “visto que andamos por fé, e não pelo que vemos.”

 2. Praticar a palavra com todas as suas forças. 

V.27 “vai ao mar, lança o anzol, e o primeiro peixe que fisgar, tira-o;” 

- Pedro olhou para Jesus – onde estava sua provisão. - Assim será nossa vida, se haviam situações que estavam enfraquecendo nossas finanças, o Senhor fortalecerá nossas mãos e aonde todos viam a vergonha, o Senhor nos dará a dupla honra.

 - A dificuldade financeira vem para tirar as forças do homem natural,criando um ciclo de miséria e dívidas que não tem fim, é a rotina da dificuldade, que aliás só muda para pior. 

3. Desejar viver os milagres. 

V.27 “e o primeiro peixe que fisgar, tira-o; e, abrindo-lhe a boca, acharás um estáter. Toma-o e entrega-lhes por mim e por ti.” 

- O desprendimento de Pedro precedeu aquilo que nunca havia acontecido antes. As situações mais loucas desta terra vão se manifestar em nossas vidas. 

Conclusão: 

Creia que você viverá dias extraordinários em sua vida, é possível… 




 Autor: Kemuel Stefano





===========
============
=============
==============
===============
================
=================
==================
===================


Nenhum comentário:

Postar um comentário