segunda-feira, 6 de maio de 2013

POR TRÁS DE UM GRANDE FILHO TEM UMA GRANDE MÃE

 

POR TRÁS DE
UM GRANDE FILHO
TEM UMA
GRANDE MÃE

 

 

INTRODUÇÃO:

Texto bíblico principal: Êxodo 2:1-11

1. Joquebede e Anrão, pais de Moisés: Ambos da família de Levi. Seus nomes não aparecem no texto que mais fala sobre o nascimento de Moisés, devido a que eles não tinham nenhum destaque na sociedade; apenas em Êxodo 6:20 descobrimos seus nomes. Diante de terríveis desafios, miséria e angústia se casaram e tiveram filhos.

2. Joquebede, numa época difícil de ser mãe: Com quase quatrocentos anos no Egito o povo de Israel crescia muito, tanto que trouxe medo aos egípcios a ponto de sancionar uma lei declarando a morte de todo bebê que nascer do sexo masculino. Nestas circunstâncias, Joquebede teve sua terceira gravidez, era um filho.

3. Joquebede, uma mãe heroína: Pela sua determinação, fé e ousadia ela se torna um modelo de mãe em épocas de crises, uma heroína do passado que inspira as mães do século XXI.  Veja o que se pode aprender com ela:

I. A MÃE DEVE ARRISCAR A SUA VIDA PARA PROTEGER DO MAL A INFÂNCIA DE SEU FILHO – Êxodo 2:1-4

Quando não havia esperança, o futuro era incerto e a vida era impregnada de sofrimento, Joquebede tornou-se mãe e investiu em seu filho a fim de que se tornasse um herói para aquele tempo. Ela arriscou a vida escondendo-o da sentença de morte procedente de faraó. Assim, surgem princípios que caracterizam uma grande mãe:

1. A mãe que desafiar os poderes negativos dos primeiros meses da vida do bebê terá um excelente filho: Joquebede desafiou o poder político, social e econômico ao proteger seu filho caçula.

2. A mãe que enfrentar com fé e perseverança as situações críticas terá um filho que lhe trará alegria e honra: Joquebede não desistiu jamais da vida do filho, mesmo correndo risco de morte. Ela via o impossível, ela agiu por fé (Hebreus 11:23) colocando Moisés num cesto dentro do Rio Nilo, o rio onde eram mortos os recém nascidos do sexo masculino.

3. A mãe que desenvolver um projeto de vida para seu filho nos primeiros três meses e investir sabiamente nele terá sucesso: Diferente de Joquebede, as mães sem projetos deixam seus filhos ao léu; acreditando no destino, os deixam sob a tenebrosa influência da TV e dos desenhos demoníacos.

II. A MÃE DEVE SER OUSADA NA EDUCAÇÃO ESPIRITUAL DE SEUS FILHOS ATÉ OS SETE ANOS – Êxodo 2:5-9

Enquanto muitas crianças vivem na miséria, órfãs, abandonadas, sem orientação, sem proteção, jogando videogames, a mãe que investe na vida espiritual dos filhos será grandemente recompensada. Joquebede cria na importância da educação nos primeiros sete anos; por isso ela não aceitou que a princesa educasse seu filho, ainda que junto à princesa, Moisés teria luxo e conforto longe da miséria da escravidão.

1. Deus deu a responsabilidade da educação à mãe, a qual não deve transferir a ninguém: Joquebede não aceitou que a princesa, por mais rica a culta que fosse, exercesse influência na educação de Moisés nos primeiro anos. A mãe que educa e não transfere a outros sua responsabilidade é heroína e nunca terá seu filho na cocaína.

2. Deus deu habilidades à mulher de ser mãe e ao confiar nEle terá grande sucesso na educação: Com ousadia Joquebede pediu a sua filha Miriã que observasse o cesto onde estava seu irmãozinho. A ousadia da mãe fez com que Miriã fosse ousada quando a princesa encontrou o cesto e o menino chorando. Ela ofereceu a própria mãe da criança para a princesa a fim de cuidar do menino tirado das águas. Assim a Joquebede foi mãe e babá de Moisés, recebendo salário para cuidar do próprio filho.

3. Deus anseia ver mães ousadas o suficiente para ver Seus filhos nos braços do Salvador: Em tempos de crises Deus espera que as mães projetem seus filhos para ser líderes, exemplos, heróis e tementes ao Senhor. Em face do relativismo e do pluralismo religioso os pais devem ensinar diligentemente os princípios absolutos da Palavra de Deus aos seus filhos antes de completarem sete anos de idade.

III. A MÃE DEVE FAZER TUDO O QUE ESTÁ AO SEU ALCANCE PARA ENVIAR SEU FILHO A FAZER A DIFERENÇA NO MUNDO – Êxodo 2:10-11

Muitas mães são protetoras demais. Nunca confiam que seus filhos podem caminhar sozinhos. Criam-nos para si mesma. Na verdade, essas mães duvidam de sua frágil educação. Joquebede criou seu filho para ser uma potência de influência positiva, e aos sete anos ela o deixou sob a responsabilidade da filha de Faraó conforme combinado.

1. A mãe que investe bem nos sete primeiros anos de vida do filho verá que nem a cultura e a religião pagã o podem corromper: Joquebede viu o resultado de seus esforços, seu empenho e dedicação no caráter de Moisés. Ele se tornou conhecido mundialmente.

2. A mãe que investe na formação do caráter do filho confia que mesmo longe dela ele lutará pelo que é certo: Já grande, quando atacou e matou o egípcio, Moisés estava defendendo seu povo. Ainda que estivesse fazendo justiça com as próprias mãos, demonstrava interesse pelo povo de Deus, o qual ele pertencia (Êxodo 2:11).

3. A mãe que prepara o filho para Deus verá Deus agindo por meio dele com poder: Moisés foi preparado pela sua mãe para Deus; e, Deus o usou poderosamente para arrancar o povo de Israel do tormento de uma trajetória de opressão e terrível escravidão. Atrás de um grande filho tem uma grande mãe.

CONCLUSÃO:

O dia das mães é feliz para uma mãe apenas quando:

1. Feliz é a mãe que planeja a salvação de seus filhos antes do nascimento deles.

2. Feliz é a mãe que enfrenta todos os desafios para ver o sonhado projeto espiritual concretizado na vida de seus filhos.

3. Feliz é a mãe que se esforça para educar seus filhos sem deixar sob influência de outras pessoas nos primeiros anos de vida.

4. Feliz é toda mãe que, como Joquebede, investe sua sabedoria, tempo e vida na formação do caráter de seus filhos.

5. Feliz é a mãe que, no dia das mães, é honrada pela conduta e comportamento de seus filhos.

6. Feliz é a mãe que, olhando para o presente, vê seus nobres sonhos concretizados na vida de seus filhos reconhecendo que valeu a pena todo esforço empreendido neles.

 

AUTOR E FONTE: Pr. Heber Toth Armí / http://portal-biblico.blogspot.com.br/2012/04/por-tras-de-um-grande-filho-tem-uma.html

 

===================================

===================================

===================================

===================================

 

A MÃE DE TODAS AS MÃES DO MUNDO

 

A MÃE DE
TODAS AS MÃES
DO MUNDO

 

 

INTRODUÇÃO:

Texto bíblico principal: Gênesis 3:20

1. Quem inventou a mãe?

2. Quem teve a idéia de chamar a mulher com filhos de mãe?

3. Quem foi a primeira mãe da história do mundo?

I. A ORIGEM DA PALAVRA “MÃE” – Gênesis 3:20

1. Deus deu nome ao homem, Adão – que significa terra vermelha, mas Deus não deu nome à mulher.

2. Deus deu oportunidade para o homem escolher o nome de sua esposa.

3. Deus fez o homem e a mulher, Deus põe nome no homem, Adão; e, o homem põe nome na mulher, Eva:

a) “Eva” significa “mãe de todos os viventes”.

b) “Eva” foi escolhido porque Adão acreditou na promessa de Deus (Gênesis 3:15).

c) “Eva” foi um nome baseado na fé na vinda do Filho de Deus que nasceria de mulher e resgataria a vida de todos os seres viventes que fora sentenciado à morte por causa do pecado.

II. A ORIGEM DA MÃE – Gênesis 3:20

1. A mãe tem sua origem na criação de Deus no Jardim do Éden; portanto, mãe é uma invenção de Deus.

2. A palavra mãe surge após o pecado, mas gerar filhos era uma das características de toda mulher no plano de Deus para o mundo perfeito (Gênesis 1:28).

3. A mãe se tornou fruto da misericórdia de Deus, pois mesmo depois do pecado Deus deu oportunidade à mulher poder de gerar vida:

a) Eva foi primeira mulher a ser mãe, ela é a mãe de todas as mães.

b) Eva foi a mulher que deu origem a todas as pessoas do mundo.

c) Eva é a mãe de todos as clãs, de todos os povos, de todas as raças.

III. A PRIMEIRA MÃE DO MUNDO – Gênesis 3:20

1. A primeira mãe do mundo recebeu o nome de mãe antes mesmo de ter um filho.

2. A primeira mãe do mundo foi Eva, a qual experimentou a primeira dor de parto, mas foi a primeira mulher e ter o privilégio de gerar vida, por isso se diz que “deu à luz” (Gênesis 4:1-2).

3. A primeira mãe teve muitos filhos e filhas. A Bíblia fala de Cain, Abel e Sete, mas também fala de “filhos e filhas” de Adão e Eva (Gênesis 5:3-4).

CONCLUSÃO:

1. Eva, palavra da língua hebraica Jawwah, sem etimologia exata, mas que se parece com Jayyah que quer dizer “vivente”.

2. Eva, nome que surge quando Adão escolhe o nome para sua esposa, logo depois de ter recebido o seu diretamente de Deus.

3. Eva, palavra da da transliteração Jawwah do hebraico para a Septuaginta em grego Eua, de onde vem a palavra “Eva”.

APELO:

1. Valorize a mãe, pois foi uma invenção de Deus.

2. Respeite a mãe, pois ela é fruto da misericórdia de Deus.

3. Ame a sua mãe, pois ela deu à luz, gerou vida e você é prova disso.

 

 

AUTOR E FONTE: Pr. Heber Toth Armí / http://portal-biblico.blogspot.com.br/2011/05/mae-de-todas-as-maes-do-mundo.html

 

 

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++

VOCÊ PODE TER MAIS HONRA DO QUE SER MÃE DE JESUS

 

VOCÊ PODE TER
MAIS HONRA
DO QUE SER
MÃE DE JESUS

 

 

 

INTRODUÇÃO:

 

Texto bíblico principal: Lucas 11:27-28

1. Pensar que ter sido contemporâneo de Jesus teria mais proveito para a fé é ilusão: Muitos viram, ouviram e tocaram em Jesus e continuaram incrédulos.

2. Pensar que ser parente de Jesus seria uma vantagem para a crença nEle é utopia: Jesus teve irmãos e irmãs (Mateus 13:55-56) e isso não os favoreceu na fé (João 7:1-5).

3. Pensar que ter concebido e amamentado Jesus implica ser mais bem-aventurado é falso: Em Lucas 11:27-28 descreve uma mulher desconhecida que, impressionada com Jesus, exclamou em alta voz:

“‘Felizes as entranhas que te trouxeram e os seios que te amamentaram!’ Ele, porém, respondeu: ‘Felizes, antes, os que ouvem as Palavras de Deus e a observam”’ (Bíblia de Jerusalém).

I. BEM-AVENTURADO É SER BOA MÃE: HOMENS NUNCA TERÃO ESSA HONRA – Lucas 11:27-28

1. Feliz é a mulher que é excelente mãe: Jesus ouviu o elogio da mulher; imediatamente Ele fez uma declaração, sem contrariá-la. Pois, toda boa mãe é digna de elogio; mas, Jesus declarou que antes de ser boa mãe é importante ouvir e guardar a Palavra de Deus.

2. Feliz é a mãe que tem um excelente filho: O elogio à mãe também incluía Jesus, insinuando que ele era o filho que toda mulher sonha ter. É certo que a mãe de um bom filho é realizada e feliz. Por isso, Jesus não aprova, nem desaprova suas declarações, apenas eleva para uma visão mais nobre.

II. BEM AVENTURADO É TER SIDO MÃE DE JESUS: UMA MULHER TEVE ESSA HONRA – Lucas 11:27-28

1. Abençoada foi Maria por ter sido escolhida para ser mãe de Jesus: Nem todas as excelentes mulheres puderam ser mãe de Jesus, apenas Maria; porém, não havia necessidade de inveja ou ciúmes, pois o fato de ter Cristo nascido no mundo abençoaria a todos.

2. Abençoada não é só Maria, pois bênçãos não são exclusivas: Jesus sugeriu à mulher que ela poderia ser tão honrada e privilegiada quanto Sua mãe, caso aceitasse Suas Palavras.

III. MAIS BEM-AVENTURADO DO QUE SER MÃE DE JESUS É OUVI-LO E OBEDECER-LHE: TODOS PODEM TER ESSA HONRA – Lucas 11:28

1. Ouvir a Palavra de Deus é mais importante que ser mãe de Jesus: Apenas o entusiasmo por Jesus é insuficiente.Ele deseja a prática de Suas palavras e não elogios por Suas palavras. É bom ouvir a Palavra de Deus; porém, apenas ouvi-la não satisfaz plenamente.

2. Guardar a Palavra de Deus é ainda melhor que apenas ouvi-la: Ficar deslumbrado por Jesus não é suficiente para experimentar a mais profunda felicidade. A Palavra de Deus precisa ser praticada a fim de obter a maravilhosa experiência de ser bem-aventurado.

CONCLUSÃO:

1. Bem-aventurado é receber Jesus no coração: Conceber Jesus ou amamentá-lO não foi sinônimo de tê-lO no coração. Antes de ser chamada agraciada, Maria praticava a Palavra de Deus.

2. Bem-aventurada mais do que ser mãe de Jesus é a pessoa que ouve e pratica a Palavra de Deus: Jesus queria ensinar àquela mulher e a nós que, embora seja privilégio ouvir-Lhe, são verdadeiramente bem-aventurados aqueles que além de ouvir, observama Palavra de Deus.

3. Bem-aventurado é mais aquele que tem intimidade espiritual com Jesus do que quem teve intimidade carnal: O parentesco espiritual com Jesus é mil vezes mais respeitável que o parentesco carnal. Temos a mais profunda intimidade com Jesus quando ouvimos, guardamos no coração e reproduzimos na vida Suas maravilhosas e orientadoras Palavras.

APELO:

1. Seja Bem-aventurado ouvindo a Palavra de Deus (a Bíblia).

2. Seja Bem-aventurado praticando a Palavra de Deus diariamente.

3. Adquira a Bem-aventurança da intimidade espiritual com Cristo.

 

 

AUTOR E FONTE: Pr. Heber Toth Armí  / http://portal-biblico.blogspot.com.br/2012/03/voce-pode-ter-mais-honra-do-que-ser-mae.html

 

 

#######################################

#######################################

#######################################

#######################################