quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Anseios da Alma: Propósito

 

a76dabef-aeac-4ba5-9395-144e3f48feeb_640x334

Anseios da Alma:
Propósito
Eclesiastes 3.1-8
 
Introdução
- O ser humano precisa de um propósito para continuar vivendo. Dentro de um propósito maior de existência, ele precisa de propósitos. Não dá para viver sem propósitos, sem objetivos, sem metas. Contudo, o que mais se torna impossível para qualquer pessoa é viver sem uma função. É nesse sentido de propósito que iremos trabalhar nessa reflexão.
- Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.
Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou;
Tempo de matar, e tempo de curar; tempo de derrubar, e tempo de edificar;
Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de dançar;
Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar;
Tempo de buscar, e tempo de perder; tempo de guardar, e tempo de lançar fora;
Tempo de rasgar, e tempo de coser; tempo de estar calado, e tempo de falar;
Tempo de amar, e tempo de odiar; tempo de guerra, e tempo de paz.

Eclesiastes 3:1-8
- Tudo tem um tempo determinado e um propósito debaixo do céu. Imagine o ser humano!
- Vamos ver algumas áreas importantes da vida humana em que você, para conseguir existir como ser humano, precisa cumprir sua função, o seu propósito.
I. O seu propósito como ser humano
- O ser humano sem Deus vive a se perguntar “De onde viemos? Para onde vamos?”. São as perguntas da moda que são respondidas com várias teorias, a maioria delas afasta qualquer propósito divino. É uma pena!
- Tudo isso que existe, uma mera obra do acaso que irá se extinguir, sem propósito para ter começado, sem propósito para terminar?
- Mas aqueles que tem fé em Deus não acreditam assim.
- A Bíblia diz: “Nele fomos também escolhidos, tendo sido predestinados conforme o plano daquele que faz todas as coisas segundo o propósito da sua vontade, a fim de que nós, os que primeiro esperamos em Cristo, sejamos para o louvor da sua glória”. (Efésios 1:11-12).
- Se você “espera em Cristo”, seu propósito como ser humano é existir para o “louvor da glória de Deus”. Esse o seu propósito primordial. Há, contudo, outros propósitos na sua vida. Veremos a seguir.
II. O seu propósito na família
- As famílias estão se desfazendo e as pessoas estão infelizes porque os homens não cumprem suas funções de homens, as mulheres não vivem dentro do propósito da esposa e os filhos não respeitam os pais que estão perdidos em suas identidades.
- São lares cada vez mais disfuncionais porque as pessoas não cumprem seus propósitos.
O apóstolo Paulo definiu bem esses propósitos:
Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo. (Ef 5.21)
Mulheres, sujeitem-se a seus maridos, como ao Senhor, (Ef 5.22)
Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se a si mesmo por ela... (Ef 5.25)
Filhos, obedeçam a seus pais no Senhor, pois isso é justo (Ef 6.1)
- Os modernos modelos de família em que pais e mães são tudo a mesma coisa, não é o padrão bíblico. Isso não mudou com os novos tempos!
III. O seu propósito na igreja
- Como cristão você tem um propósito na igreja. Não há um crente contemplativo, sem dons, que apenas observa enquanto os outros servem ao Senhor com as capacidades que o Espírito Santo lhes concedeu.
- Assim como cada um de nós tem um corpo com muitos membros e esses membros não exercem todos a mesma função, assim também em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros. Temos diferentes dons, de acordo com a graça que nos foi dada. (Romanos 12:4-6)
- Você precisa descobrir (ou redescobrir) quais são os seus dons, as suas funções, pelo menos uma, dentro do corpo de Cristo e colocar em ação. Se não fizer isso estará em rebeldia contra Deus e prejudicando o desenvolvimento da igreja. Converse com o seu pastor a respeito disso.
IV. O seu propósito no mundo
- Você não está aqui por acaso. Este mundo precisa de você. Jesus afirmou que os seus discípulos tinham uma função, um propósito neste mundo. Lembre-se do que ele disse:
"Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, para ser jogado fora e pisado pelos homens. "Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte. E, também, ninguém acende uma candeia e a coloca debaixo de uma vasilha. Pelo contrário, coloca-a no lugar apropriadocomo restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto , e assim ilumina a todos os que estão na casa. Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus". (Mateus 5:13-16)
- Se você não cumprir o seu propósito, nas palavras do próprio Jesus, você “para nada mais presta”! O que você vai fazer a respeito?
Conclusão
- Como em uma máquina todas as engrenagens tem uma função específica, assim você também tem o seu propósito na sua existência, na sua família, na igreja, no mundo. Sem propósito você perde a razão de viver.
- Muitas pessoas que desistem de seus propósitos desistem também de continuar vivendo. Você deve tomar uma decisão de voltar a viver com propósitos, e fazer isso dentro da vontade de Deus. Amém.
 
 
AUTOR: Davi Liepkan, pastor na Igreja Batista Central de Nova Odessa.

 

 

++++++++++++++++

+++++++++++++++++

++++++++++++++++++

+++++++++++++++++++

“Anseios da Alma”: Redenção

 

4dbdcfbf-2d7e-48a6-bdfb-a33f66eb2115_640x341

“Anseios da Alma”:
Redenção
 
 
 
Introdução
- Na nossa última mensagem da série “Anseios da Alma” vamos falar do anseio que acompanha o ser humano desde a queda: o anseio de redenção.
- Mas o que é redenção?
Busquei em alguns dicionários seculares e encontrei definições que expressam muito bem esse anseio, essa necessidade da alma humana. Veja:
 
Re.den.ção =
1 Ato ou efeito de remir.
2 Indulgência, misericórdia.
3 Expiação, perdão.
4 Dir. Perdão, liberação graciosa de uma dívida.
5 Auxílio que livra alguém de transe aflitivo.
6 Libertação, proteção, salvação, socorro.
7 Resgate
- Mesmo que você não saiba ou tente se enganar, você quer, precisa, anseia, tem fome de redenção. Quer misericórdia. Deseja auxílio divino. Precisa de libertação. Espera por resgate. Almeja proteção, socorro, libertação. A busca do ser humano pelo espiritual, pelo divino, mesmo que em lugares e formas erradas é produto desse anseio por redenção. A consciência do pecado faz com que o homem queira redenção.
1. Quando é que o ser humano começou a ansiar por redenção?
- Antes de pecar, o homem não precisa de redenção. Mas depois que o pecado entrou no mundo o desejo de resgatar aquele relacionamento perdido com Deus começou a perturbar o homem. E isso é muito importante.
- Veja como Paulo resume isso: “...Portanto, da mesma forma como o pecado entrou no mundo por um homem, e pelo pecado a morte, assim também a morte veio a todos os homens, porque todos pecaram...” Rm 5.1-2.
- Todos nós pecamos juntos co o primeiro homem que pecou. Somos tão culpados quando Adão, em resumo. É por isso que precisamos de redenção, ansiamos por redenção.
2. Como é que o ser humano tem buscado por redenção?
* Por obediência à Lei ou por mera religiosidade.
Isso funcionou por algum tempo, mas apenas para apaziguar a consciência do pecador. Isso não funciona junto a Deus. O salmista sabia disso:
“Pois não desejas sacrifícios, senão eu os daria; tu não te deleitas em holocaustos.
Os sacrifícios para Deus são o espírito quebrantado; a um coração quebrantado e contrito não desprezarás, ó Deus”.
Salmos 51:16-17
* Por auto-justificação.
As pessoas tentar se redimir sendo justas por si mesmas. Fazem coisas que façam com que elas sejam consideradas justas. São as boas obras. Mas a Bíblia afirma que a Salvação é pela graça, não por obras: é presente de Deus. Veja: “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.Não vem das obras, para que ninguém se glorie; Efésios 2:8-9
* Negação
As pessoas simplesmente resolvem o problema do anseio por redenção negando o tenha. Simples assim! Isso não resolve. Cedo ou tarde essa necessidade aflora e a crise aparece, de uma forma ou de outra.
3. Como é que o ser humano pode alcançar redenção?
O anseio, a necessidade de redenção é um fato. Mas como resolver isso? Essa é a maior questão da existência humana. Nada é mais importante do que isso. Essa é a resposta que selará o destino da sua alma e você não quer pensar nisso? A Bíblia tem a resposta.
A redenção e alcançada pela fé em Jesus Cristo. Veja o que a Bíblia diz:
“Nele temos a redenção por meio de seu sangue, o perdão dos pecados, de acordo com as riquezas da graça de Deus, a qual ele derramou sobre nós com toda a sabedoria e entendimento. E nos revelou o mistério da sua vontade, de acordo com o seu bom propósito que ele estabeleceu em Cristo, isto é, de fazer convergir em Cristo todas as coisas, celestiais ou terrenas, na dispensação da plenitude dos tempos”.  Ef 1:7-10
Foi naquela cruz, quando Jesus Cristo derramava o seu sangue que ele redimia os pecadores, resgatava o perdido e isso inclui você!
Conclusão
De todos os anseios que vimos nessa série de mensagens, esse é o principal. Se este não for resolvido, não fará diferença suprir os outros anseios vistos nas mensagens anteriores, pois a alma do indivíduo estará perdida.
Um último texto bíblico resume bem esta mensagem de esperança:
“Pois ele nos resgatou do domínio das trevas e nos transportou para o Reino do seu Filho amado, em quem temos a redenção, a saber, o perdão dos pecados”.  Colossenses 1:13-14
Creia no senhor Jesus Cristo para a sua redenção. Amém!
 
 
Autor: Davi Liepkan, pastor na Igreja Batista Central de Nova Odessa
IBCNO © 2012
 
++++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++
++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++