quinta-feira, 6 de junho de 2013

"O que rouba as minhas oportunidades"

 

"O que rouba

as minhas oportunidades"

 

Introdução:

 

- Saibam que Deus quer abençoar a todos os seus filhos, porém muitas vezes Deus nos dá as oportunidades, Ele as põe diante de nós, porem o inimigo busca a forma de sacá-las e roubá-las de nós, ficando com aquilo que é nosso.

- Muitas vezes como o povo de Israel, Deus tem colocado diante de seu povo a porta da benção, porém justo quando necessitamos de um ato de fé, um ato de confiança em Deus para receber essa bênção, o diabo trata de por dúvida no coração, temor em nossos corações para frear-nos e fazer de nós um povo que desperdiça as bênçãos de Deus, as oportunidades que Deus dá.

- O diabo se coloca de uma forma para que de alguma maneira possa nos paralisar, nos frear e não nos deixar conquistar aquilo que é nosso e que por direito nos pertence porque Jesus o ganhou na cruz do Calvário.

- O diabo deseja que nós não confiemos em Deus justo no momento em que necessitamos conquistar, no justo momento que necessitamos nos apropriar do que Deus nos tem dado e dessa maneira, rouba nossas melhores oportunidades, nos paralisa, nos leva a desconfiar de Deus e uma arma que o diabo está utilizando alcançar isso conosco chama-se temor.

Texto (1):

1 Samuel 17:11: “Ouvindo, então, Saul e todo o Israel estas palavras do filisteu, desalentaram-se, e temeram muito”. Vs. 24 “E todos os homens de Israel, vendo aquele homem, fugiam, de diante dele, tomados de pavor”.

1. Paralisados Pelo Medo.

- Israel vê este homem tão grande, guarda silêncio e nenhum só homem sai para a batalha.

- Golias lhe diz: Eu sou o campeão dos filisteus, tragam vocês agora o seu campeão, que peleje contra mim. E, não havia ninguém, por uma razão simples: eles haviam sido invadidos pelo medo. Sabiam que a palavra medo vem do termo grego fobos que significa “ter desejo de fugir, ter angustia por algo”; porém sobretudo isto foi o que mais me impactou, é que temor significa “intimidar-se frente ao adversário”.

1.1. Engrandeceram O Problema.

- Sabem por quê os israelitas se encheram de medo?

- Porque começaram a engrandecer a Golias, a falar coisas excelentes de Golias, se vocês lerem agora o verso 24, vocês verão que a reação que tiveram foi como que admiração, estavam admirados de Golias e obviamente como lhe agradavam ao coração, foram se enchendo de temor.

- Vocês sabem o que significa a palavra louvor? Significa falar bem de alguém. Porém as vezes nós ao invés de louvarmos a Deus, falar bem de Deus no momento da adversidade, as vezes começamos a louvar o problema:

- “É que este problema é muito grande”! “É muito complicado e não faço a mínima idéia de como vou solucioná-lo”. “É o problema mais difícil que jamais tive que enfrentar em toda a minha vida”!

- Só faltando ficar de joelhos e dizer: - oh! Problema! Eu lhe adoro, eu lhe bendigo! Por que você é maior do que tudo que eu possuo. E por isto muitos se sentem diminuídos e humilhados frente as dificuldades. Porém nós devemos entender que o único que merece louvor e adoração é Deus.

Nossos problemas estão diante de nós para que os vençamos, os solucionemos e sigamos em diante em o nome de Jesus – Você pode dar uma salva de palmas ao Senhor?!

1.2. Desenvolvendo Uma Fé Negativa.

- Quando começamos a falar bem dos problemas, fazendo propaganda deles, atirando flores sobre eles, começamos a crer que eles não têm solução, começamos a crer que as coisas não vão dar certas.

- Desenvolvemos assim uma fé negativa, uma fé que confessa derrota em lugar de vitória, uma fé que diz: não posso, em lugar de dizer que tudo pode naquele que lhe fortalece.

- E obviamente ficamos paralisados pelo medo, e assim paralisados, as bênçãos poderão passar diante de nós e não vamos poder tomá-las, porque o diabo nos tem paralisado com o temor.

2. O Medo Desperdiça as Oportunidades.

Vejam o que diz o verso 25,: “Diziam os homens de Israel: Vistes aquele homem que subiu? pois subiu para desafiar a Israel. Ao homem, pois, que o matar, o rei cumulará de grandes riquezas, e lhe dará a sua filha, e fará livre a casa de seu pai em Israel”.

- Sabiam que a vinda de Golias era para a benção? Ali estava a oportunidade, qualquer de Israel que tivesse se atrevido a se arriscar teria dito: “Eu quero essa oportunidade para mim”, teria pelejado com Golias, porém ainda que tivessem essa oportunidade de bênção, ninguém se atreveu a tomá-la, por quê? Porque tinham medo. Era uma excelente oportunidade, quem sabe alguém ali estivesse sonhando com a filha do rei e imaginando o que precisaria para casar-se com ela, mas só de ver Golias passou a achá-la a mulher mais feia da face da terra. Talvez alguém tivesse necessidades econômicas e queria ter prosperidade, mas bastou ver Golias e achar: “não, eu nasci para ser pobre mesmo”! Imagino que até mesmo no acampamento onde estavam, ficaram todos doentes quando viram a Golias, o rei lhes diziam: “vamos a guerra!” e eles lhe respondiam: -Não rei, estamos passando mal não vamos hoje; inventaram desculpas, aceitaram a enfermidade, aceitaram a pobreza como uma boa opção – “melhor viver com baixa condição, melhor ser pobre do que ter que enfrentar Golias”. E, ali estava a bênção! Ali estava a oportunidade para que qualquer um a pudesse tomá-la.

2.1. Decidindo a Não se Deixar Dominar pelo Medo.

Até que chegou um homenzinho, jovem, de boa aparência, levando pelo cabestro um burro. Ele se chamava Davi. E chega Davi e vai procurar por seus irmãos e está falando com eles quando de repente sai este gigante dizendo: “Quem vai lutar? Vocês não têm um campeão? Se o tem, manda-o pelejar comigo e não sejam como galinhas! Venham a peleja”! Davi como qualquer ser humano, também sentia medo de algumas coisas, também sentiu medo de Golias em um primeiro momento. Porém ele decidiu que não ia se deixar dominar pelo temor, e eu lhes digo isto: o problema não é sentir medo, porque medo todos nós estamos sujeitos a sentir. O problema é deixar-se dominar por ele e Davi decidiu que não iria se deixar vencer pelo medo e, por isso ele decidiu enfrentar a Golias e matá-lo e quando ele venceu o temor, veja o que ele recebeu!

3. O Medo Acomoda as Pessoas.

Verso 51: “Correu, pois, Davi, pôs-se em pé sobre o filisteu e, tomando a espada dele e tirando-a da bainha, o matou, decepando-lhe com ela a cabeça. Vendo então os filisteus que o seu campeão estava morto, fugiram”.

- Alguns crentes pensam também assim. Na hora da conquista chegam até mesmo colocar alguns sinais diante do senhor, mas exigem que tudo lhes sejam servido em bandeja de prata – dizem: “Senhor, eu quero comprar um terreno. Porém eu lhe peço que meu chefe aumente o meu salário, minha sogra libere a (minha) herança e, que minha firma me dê o material para iniciar as obras. Aí Senhor, eu vou entender que é a sua vontade que eu vá e compre este terreno, porque se não for assim eu vou entender que não é da sua vontade que eu more naquilo que é meu”. Outros vão dizer: Senhor, eu estou gostando de fulana de tal, e quero me casar com ela, se esta é a sua vontade lhe peço, ainda que ela não me conheça, que ela venha até a mim hoje e me cumprimente e, me dê um beijo e um presente, se assim acontecer, saberei que esta é a sua vontade.

3.1. As Maiores Bênçãos de Deus se Apresentam em Meio as Batalhas.

- Existem pessoas demasiadamente cômodas. Que crêem que as bênçãos de Deus sempre lhe virão de maneira fácil.

- Porém para vencer o temor, precisa se compreender que as melhores bênçãos de Deus se apresentam em meio às batalhas e dificuldades, em meio a adversidade.

- Você talvez esteja passando por lutas, por dificuldades, em meio de adversidades – Mas eu quero incentivá-lo a dizer: “Este problema que enfrento é só o papel do presente que Deus tem para mim! Eu vou rasgá-lo e tomar posse de minha herança”! Destruindo este obstáculo eu vou me encontrar com a melhor benção que Deus tem para a minha vida. Não veja o problema como sendo uma dificuldade impossível de se solucionar, mas como um desafio a ser transposto!

O temor se vence com ações , e não de braços cruzados, e não se deixando tomar com atitudes de queixas, pelo contrário! Agir imediatamente, mover-se em fé.

Ilustração:

Certa feita um casal chegou até a nós e nos disseram que não esperavam mais nada da vida, pois estavam completamente falidos e endividados. Que não podiam prosperar porque não tinham mais crédito. Então lhes perguntei vocês já procuraram os seus credores? E eles nos responderam, não adiantaria – eles querem dinheiro, e isso não temos. E tornei a lhes perguntar: vocês procuraram conversar com eles? Não, por isso estamos lhes procurando para que Deus faça um milagre! E eu lhes perguntei mais uma vez, vocês não fizeram nada em relação a esses credores? Disseram então: não. E lhes dissemos então: - vocês precisam fazer alguma coisa, moverem-se em fé. E lhes orientamos a irem até ao dentista a quem deviam, a escola dos filhos, aos fornecedores... Quando chegaram àquele dentista se apresentaram e ele já não lembrava direito da história. Aí eles deixaram escapar que agora eram crentes, e o dentista disse: - que alegria saber que Jesus é também o Senhor da vida de vocês, e assim como Ele perdoou os meus pecados eu os perdoou dessa dívida, vocês não me devem mais nada. Foram até a escola, e eram freiras católicas – e elas lhes disseram: faça o seguinte, vamos parcelar em um ano o que vocês nos devem, e vamos dar uma bolsa de estudos para seus filhos. Foram até aos seus fornecedores e conseguiram renegociar suas dívidas e voltaram a produzir. O marido conseguiu um emprego fixo, a esposa abriu uma loja, os filhos foram para a faculdade e eles ainda compraram um carro novo e reformaram a sua antiga casa. Estavam diante da bênção, mas fugiam do confronto da batalha!

Conclusão:

Quando alguém age em fé, pode ver o milagre. Porém o temor paralisa. A fé age, a fé se move, a fé crê e por isso avança! Quando você sentir que algo está lhe oprimindo o peito, que tem angústia, não se deixe paralisar pelo medo, comece a mover-se, faça algo, ore, comece a louvar a Deus, repreenda o desânimo, chame seu discipulador e faça uma confissão de fé, porem não se deixe ficar paralisado pelo medo, a ação vence o temor – TEM QUE AGIR!

Sabia que quando alguém vence o medo, vence também seu inimigo? Podemos colocar em fuga todo um exército, quando vencemos o medo. Davi passou em um só momento, de uma pessoa completamente desconhecida à um herói nacional, porque soube aproveitar a oportunidade, não se deixou vencer pelo medo e conquistou em o nome do Senhor. E isto ocorre da mesma maneira conosco: o diabo está roubando bênçãos, nos está roubando oportunidades, porque quando vem a oportunidade para se conquistar algo, nós sentimos medo e a perdemos. Porém irmãos, hoje vamos tomar uma decisão: não vamos deixar nada mais para o diabo, porque vamos conquistar tudo, vencendo o temor em o nome de Jesus.

“No amor não há medo antes o perfeito amor lança fora o medo; porque o medo envolve castigo; e quem tem medo não está aperfeiçoado no amor.” I Jo.4:18

 

Palavra Ministrada Pelo Pr. César Castellanos,
traduzida e complementada pelo Pr.Vladimir Soares

 

===============================

===============================

===============================

===============================

Nenhum comentário:

Postar um comentário