sábado, 18 de maio de 2013

Três Chaves para o Sucesso

 

Três Chaves

para o Sucesso

Malaquias 3.9

Com maldição sois amaldiçoados, porque a mim me roubais, vós, a nação toda.

 

 

Introdução:

- Para que serve uma chave? Para abrir e para fechar.

- A questão toda da vida cristã é que a gente sempre fala de chave como um instrumento para abrir portas. Mas a Bíblia quando fala de chaves, fala de um instrumento que serve tanto para abrir quanto para fechar.

Apocalipse 3:7

Ao anjo da igreja em Filadélfia escreve: Estas coisas diz o santo, o verdadeiro, aquele que tem a chave de Davi, que abre, e ninguém fechará, e que fecha, e ninguém abrirá:

      Existem pelo menos três chaves de Deus para a prosperidade financeira na vida do crente, mas essas três chave podem tanto abrir quanto fechar as portas na vida dele.

Vejamos pois cada uma delas.


F.T.: A primeira chave é...

I – DÍZIMOS – Ml.39-10)

1.1. O profeta Malaquias diz que o povo estava vivendo debaixo de maldição porque havia deixado de lado a prática dos dízimos estabelecido pelo Senhor – Ml. 3.6-9

6  Porque eu, o SENHOR, não mudo; por isso, vós, ó filhos de Jacó, não sois consumidos.

7 ¶ Desde os dias de vossos pais, vos desviastes dos meus estatutos e não os guardastes; tornai-vos para mim, e eu me tornarei para vós outros, diz o SENHOR dos Exércitos; mas vós dizeis: Em que havemos de tornar?

8  Roubará  o homem a Deus? Todavia, vós me roubais e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas.

9  Com maldição sois amaldiçoados, porque a mim me roubais, vós, a nação toda.

1.2. Mas o que vem a ser o dízimo?

Vejamos o que a Palavra de Deus diz:

      a) Todos os dízimos são do Senhor: Levítico 27:30  Também todas as dízimas da terra, tanto dos cereais do campo como dos frutos das árvores, são do SENHOR; santas são ao SENHOR.

Ilust.: Se eu pego algo que já pertence a uma pessoa e dou para ela, isso faz de mim uma pessoa generosa? Não! Se eu pego algo que é de um outra pessoa e retenho comigo, isso faz de mim um LADRÃO.

  • Portanto, a pessoa que somente devolve os seus dízimos ao Senhor, ao significa que ela seja uma pessoa generosa. Ela não está dando na verdade nada. Ela não está fazendo nada demais.
  • De quem são os dízimos? Do Senhor!

b) Não há maior nem menor dizimista na igreja do Senhor: Malaquias 3.10 - Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro.

  • Outro erro muito comum é alguém pensar que ele é o maior dizimista da igreja. A palavra dízimo significa DEZ POR CENTO de toda renda ou colheita que uma pessoa recebe.
  • Portanto o dízimo de 100 é 10. E o dízimo de 10 é 1. Tanto quem dá um quanto quem dá 10 está dando a mesma coisa. Porque ambos estão dando 10%.

c) O dízimo é uma prática da lei que não se aplica a nós hoje: Isso é o que muitos pensam.  Mas nós vamos ver que na Bíblia há existia a prática dos dízimos ante da lei. Depois Deus apenas legitimou na lei, e Jesus respaldou depois. Inclusive a igreja primitiva praticava os dízimos.

            * Antes da Lei: Gn.14.20 - e bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus adversários nas tuas mãos. E de tudo lhe deu Abrão o dízimo.

   * Abraão deu o dízimo 500 anos antes da lei. Ninguém tinha pregado sobre o dízimo para ele. Mas ele teve um Encontro com Deus.

            * Por isso, toda pessoa que converte de verdade ela logo que saber como faz para dar o seu dízimo.

            * Gn.20.20-22: Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for comigo, e me guardar nesta jornada que empreendo, e me der pão para comer e roupa que me vista, de maneira que eu volte em paz para a casa de meu pai, então, o SENHOR será o meu Deus; e a pedra, que erigi por coluna, será a Casa de Deus; e, de tudo quanto me concederes, certamente eu te darei o dízimo.

    * Jacó estava apenas seguindo o exemplo do seu avô Abraão. 470 anos antes da Lei. Ele sabia que funcionou com Abraão e ele sabia que funcionaria com ele.

            * O Dízimo na lei: Levítico 27:30  Também todas as dízimas da terra, tanto dos cereais do campo como dos frutos das árvores, são do SENHOR; santas são ao SENHOR.

            * Israel possuía 12 tribos, quando Deus repartiu as terras, deixou a tribo de Levi, que foi escolhida para o ofício sacerdotal sem herança, e estabeleceu na lei, que as outras 11 tribos receberiam terra, cultivariam e trariam os dízimos para sustentar a tribo de Levi. Isso aconteceu mais de 400 anos depois da primeira citação dos dízimos na Bíblia.

Números 18:21  Aos filhos de Levi dei todos os dízimos em Israel por herança, pelo serviço que prestam, serviço da tenda da congregação.

Números 18:24  Porque os dízimos dos filhos de Israel, que apresentam ao SENHOR em oferta, dei-os por herança aos levitas; porquanto eu lhes disse: No meio dos filhos de Israel, nenhuma herança tereis.

    • Os dízimos eram utilizados só para sustentar os que trabalhavam no templo. Não era usado para pagar aluguel, nem fazer construção nem pagar as contas da igreja.
    • Toda obra era feita através de ofertas.
    • Exemplo:

                  a) A construção do tabernáculo: Êx. 25.1

                  b) A construção do templo de Jerusalém: I Cr. 29.1-9

                  c) A reconstrução do templo: Ag. 1.3-8

            * O Dízimo após a lei: Vemos a prática dos dízimos tanto no tempo de Jesus, quando depois que ele já havia se assunto aos céus.

* Mt. 23.23 - Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque dais o dízimo da hortelã, do endro e do cominho e tendes negligenciado os preceitos mais importantes da Lei: a justiça, a misericórdia e a fé; DEVÍEIS, PORÉM, FAZER ESTAS COISAS, sem omitir aquelas!

* Hb. 7.2  para o qual também Abraão separou o dízimo de tudo (primeiramente se interpreta rei de justiça, depois também é rei de Salém, ou seja, rei de paz;

            5  Ora, os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm mandamento de recolher, de acordo com a lei, os dízimos do povo, ou seja, dos seus irmãos, embora tenham estes descendido de Abraão;

            8  Aliás, aqui são homens mortais os que recebem dízimos, porém ali, aquele de quem se testifica que vive.

A Carta de Hebreus foi escrita 70 anos d.C, para os ensinar aos Cristãos primitivos, que assim como antes e durante a Lei os dízimos foram recolhidos e o sacerdote que recebia representava Cristo. Quando você entrega os dízimos aqui na terra, Deus os recebe nos céus.

1.3. A Bíblia diz que enquanto o povo foi fiel a Deus, na devolução dos dízimos Deus os abençoava. Ao entregar 10% o todo era santificado pelas primícias.

1.4. Por isso é que malaquias exorta a nação infiel, dizendo, vocês estão debaixo de maldição, porque estão roubando ao senhor.

      * Portanto, se você está com problemas na área financeira de sua vida. A primeira coisa que você deve considerar é  se você está sendo fiel ao Senhor, nos dízimos.

      * Se você não estiver sendo fiel, não adianta orar. Porque só  o ração não resolve o problema de devorador na vida do crente.

      * Vejamos o que a Bíblia diz: Ml.3.10,11

Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós bênção sem medida.

11  Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.

1.5. Da mesma forma quando Aça tocou nos dízimos do Senhor, na tomada de Jericó, que foi a primeira cidade a ser tomada pelos filhos de Israel, a Bíblia diz que a maldição alcançou a vida do povo.

1.6. Josué queria resolver o problema orando, mas Deus disse que ele só poderia resolver devolvendo o que fora roubado. Js.7.10-13:

10 ¶ Então, disse o SENHOR a Josué: Levanta-te! Por que estás prostrado assim sobre o rosto?

11 Israel pecou, e violaram a minha aliança, aquilo que eu lhes ordenara, pois tomaram das coisas condenadas, e furtaram, e dissimularam, e até debaixo da sua bagagem o puseram.

12  Pelo que os filhos de Israel não puderam resistir aos seus inimigos; viraram as costas diante deles, porquanto Israel se fizera condenado; já  não serei convosco, se não eliminardes do vosso meio a coisa roubada.

13  Dispõe-te, santifica o povo e dize: Santificai-vos para amanhã, porque assim diz o SENHOR, Deus de Israel: Há  coisas condenadas no vosso meio, ó  Israel; aos vossos inimigos não podereis resistir, enquanto não eliminardes do vosso meio as coisas condenadas.

* Devolva a Deus o que é Deus e a paz reinará  sobre a sua casa. E a bênção do senhor alcançará  sua família, seus filhos. Porque Aça foi morto, porque roubos os dízimos e toda sua descendência foi eliminada da face da terra.


F.T.: A segunda chave para o sucesso são...

II – AS OFERTA:

2.1. Mas alguém ainda pode dizer: “Pastor eu sou um dizimista fiel, mas ainda assim não estou prosperando. Qual é o problema?”

2.2. Na verdade o dízimo não tem a função de fazer prosperar. Porque os dízimos já são do Senhor. A função do dízimo é repreender o devorador que age nas finanças das pessoas. É claro que só do diabo não tocar naquilo que é seu já haverá um crescimento.

2.3. Todavia, o que abre as janelas dos céus para trazer bênçãos na área financeira são as ofertas. Por isso Malaquis 3.8 fala:

Roubará  o homem a Deus? Todavia, vós me roubais e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas.

2.4. Há mais de 600 versículos na Bíblia que falam sobre a prática de ofertar ao Senhor. Quando dizimamos devolvemos ao Senhor o que é dele. Mas quando ofertamos damos a ele o que é nosso.

2.5. Vejamos alguns exemplo de oferta na Bíblia:

a) Deus mesmo ordena que o povo traga oferta: Ex.25.1-2 - Disse o SENHOR a Moisés: 2  Fala aos filhos de Israel que me tragam oferta; de todo homem cujo coração o mover para isso, dele recebereis a minha oferta.

    b) O primeiro homicídio foi por causa de oferta: Gn.4.2-8

Depois, deu à luz a Abel, seu irmão. Abel foi pastor de ovelhas, e Caim, lavrador.

3 ¶ Aconteceu que no fim de uns tempos trouxe Caim do fruto da terra uma oferta ao SENHOR.

Abel, por sua vez, trouxe das primícias do seu rebanho e da gordura deste. Agradou-se o SENHOR de Abel e de sua oferta;

ao passo que de Caim e de sua oferta não se agradou. Irou-se, pois, sobremaneira, Caim, e descaiu-lhe o semblante.

6 ¶ Então, lhe disse o SENHOR: Por que andas irado, e por que descaiu o teu semblante?

7  Se procederes bem, não é certo que serás aceito? Se, todavia, procederes mal, eis que o pecado jaz à porta; o seu desejo será contra ti, mas a ti cumpre dominá-lo.

8 ¶ Disse Caim a Abel, seu irmão: Vamos ao campo. Estando eles no campo, sucedeu que se levantou Caim contra Abel, seu irmão, e o matou. 

* Os primeiros homens gerados após a queda, sentiram a necessidade de oferta a Deus. Ninguém lhes tinha ensinado sobre oferta. Mas nessa primeira oferta já houve uma diferença. Uma oferta deus aceitou e outra Deus rejeitou não só a oferta como ao ofertante também. Por que?

      * Porque um ofertou o seu melhor e o outro jogou qualquer oferta sobre o altar. 

* O interessante é que Caim matou Abel, todavia Abel vive enquanto Caim morreu.

* Você conhece alguém que se chama Caim? Mas, quantos conhecem alguém que se chama Abel?

* Veja o que a Bíblia fala sobre Abel: Hb.11.4 - Pela fé, Abel ofereceu a Deus mais excelente sacrifício do que Caim; pelo qual obteve testemunho de ser justo, tendo a aprovação de Deus quanto às suas ofertas. Por meio dela, também mesmo depois de morto, ainda fala.  

* O que Abel fez para que estivesse na lista dos heróis da fé de Hebreus 11? Ele deu uma oferta! Isso mostra o quanto Deus valoriza nossas ofertas.

* Há muitas pessoas que entraram para a memória eterna por causa da oferta:

a) A viúva que ofertou tudo o que tinha.

b) A mulher que ofertou um perfume caro a Jesus

c) O homem que ofertou uma sepultura nova

Ilust.: Joel mostra o que aconteceu com o povo quando eles cortaram a oferta da casa do Senhor: Joel 1.1-9

3  Narrai isto a vossos filhos, e vossos filhos o façam a seus filhos, e os filhos destes, à outra geração.

9 Cortada está da Casa do SENHOR a oferta de manjares e a libação; os sacerdotes, ministros do SENHOR, estão enlutados.

10  O campo está assolado, e a terra, de luto, porque o cereal está  destruído, a vide se secou, as olivas se murcharam.

11  Envergonhai-vos, lavradores, uivai, vinhateiros, sobre o trigo e sobre a cevada, porque pereceu a messe do campo.

12  A vide se secou, a figueira se murchou, a romeira também, e a palmeira e a macieira; todas as árvores do campo se secaram, e já não há alegria entre os filhos dos homens.

13  Cingi-vos de pano de saco e lamentai, sacerdotes; uivai, ministros do altar; vinde, ministros de meu Deus; passai a noite vestidos de panos de saco; porque da casa de vosso Deus foi cortada a oferta de manjares e a libação

  • Exatamente o que o povo cortou da casa de Deus, Deus cortou da vida do povo. A oferta de libação(azeite), a oferta de manjar (o trigo e o vinho)
  • Deus valoriza muito mais as nossas ofertas do que nós imaginamos. Nossa ofertas falam do nosso coração, do nosso amor pelo Senhor e pela sua obra. Os dízimos não medem a nossa generosidade, mas as ofertas.
  • No primeiro dia da semana(domingo), cada um de vós ponha de parte, em casa, conforme a sua prosperidade(conforme o que cada um ganhou), e vá juntando, para que se não façam coletas quando eu for.(ICo.16.2)
  • As nossas ofertas devem ser dadas na mesma medida em que temos sido abençoados pelo Senhor.

F.T.: A terceira chave para o sucesso é...

III – O VOTO:

      3.1. A prática do voto foi muito usada por Israel em sua jornada pelo Egito e continua a ser usada, depois que entraram na terra da promessa.

      3.2. O que é um voto? Voto é uma aliança entre duas pessoas, é um tipo de contrato onde cada um se compromete a cumprir sua parte e caso uma das partes quebre o acordo desobriga a outra de cumprir o acordado.

      3.2. O primeiro voto na Bíblia foi o voto de Jacó:  Gn.28.20-22:

Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for comigo, e me guardar nesta jornada que empreendo, e me der pão para comer e roupa que me vista,

21  de maneira que eu volte em paz para a casa de meu pai, então, o SENHOR será o meu Deus;

22  e a pedra, que erigi por coluna, será  a Casa de Deus; e, de tudo quanto me concederes, certamente eu te darei o dízimo.

      * Como o dízimo não era ma Lei. Jacó fez um voto de ser um dizimista. Hoje não precisamos fazer voto de dizimista, porque o dízimo é uma obrigação dos filhos de deus para com o Senhor.

      * Passados 30 anos, Deus se manifesta a Jacó para cumprir a última parte do voto que eles fizeram, que era Jacó voltar em paz para a casa de seus pais, porque Jacó tinha cumprido a parte dele, Deus também cumprira a sua.

Gn.31.13

Eu sou o Deus de Betel, onde ungiste uma coluna, onde me fizeste um voto; levanta-te agora, sai desta terra e volta para a terra de tua parentela.

3.3. Voto é algo muito sério. Muitas vezes quando oramos e jejuamos e não vemos nada acontecer um voto ao Senhor é o recurso mais recomendável para quem tem urgência em obter a resposta de Deus.

O voto de Jacó

3.4. A Bíblia adverte severamente  aqueles que fazem votos e não cumprem: Ec. 5.4,5

Quando a Deus fizeres algum voto, não tardes em cumpri-lo; porque não se agrada de tolos. Cumpre o voto que fazes.

3.5. A prior amarração na vida financeira é não cumprir votos ao Senhor: Ec.5.6

Não consintas que a tua boca te faça culpado, nem digas diante do mensageiro de Deus que foi inadvertência; por que razão se iraria Deus por causa da tua palavra, a ponto de destruir as obras das tuas mãos?

3.6. Quando nós fazemos um foto e não cumprimos Deus vai requerer de nós: Dt.23.21,22

Quando fizeres algum voto ao SENHOR, teu Deus, não tardarás em cumpri-lo; porque o SENHOR, teu Deus, certamente, o requererá  de ti, e em ti haverá pecado.

22  Porém, abstendo-te de fazer o voto, não haverá pecado em ti.

  • Precisamos hoje, colocar nossa vida na luz do Senhor e ver se não tem algo amarrado em nossa vida, por causa de votos não cumprimos.
  • Não são poucas as pessoas que trazem causas diante de Deus para serem oradas e liberadas, fazendo votos de oferta tanto por cento, e quando ganham suas causas, não cumpre o voto. Elas pagam o advogado, pagam as contas, fazem investimento, mas não pagam os votos ao Senhor.
  • Quantos que pedem emprego e dizem: “eu vou dar o primeiro salário todo ao Senhor”E depois se esquecem. Enquanto esse voto não for cumprido Deus o  requererá de ti.
  • Quantos que fazem voto de oferta na obra, da uma cadeira, pagar um encontro, e depois se esquecem. Mas Deus ouviu o que você falou e vai requerer de ti.
  • Quantos que pegam os envelopes de oferta, oferta de gratidão, oferta das primícias, oferta de sacrifício e ao invés de trazer sua oferta, levam para casa e fazem coleção. Deus vai requerer de você.
  • Deus quer nos abençoar e nos prosperar nesse tempo. Mas a mesma chave que abre as portas, é a mesma que fecha. Tudo depende da maneira que você está usando na sua vida.

Conclusão:

Deus tem nos trazido luz sobre essa questão, é tempo de fazer um conserto com Deus. Precisamos sair daqui disposto a colocar nossa vida diante do Senhor.

  • Muitos precisam se consertar na área dos dízimos;
  • Muitos precisam se consertar na área das ofertas;
  • Muitos precisam fazer acerto de votos que votaram a Deus e deixaram pra trás.

 

Fonte: Pr. Ricardo Guimarães

 

++++++++++++++++++++++++++++++++++

++++++++++++++++++++++++++++++++++

++++++++++++++++++++++++++++++++++

++++++++++++++++++++++++++++++++++

Um comentário:

  1. Grande bençao esta semente esta palavra. Jesus obrigado pela mensagem

    ResponderExcluir