sexta-feira, 31 de maio de 2013

O Socorro Divino na Vida dos Aflitos

 

O Socorro Divino

na Vida

dos Aflitos

Texto: Salmos 40:1-3

 

 

 

INTRODUÇÃO

 

1. Quem dera todos nos confiássemos em Deus como uma criança confia nos seus pais.

O colo dos pais dá segurança contra as intempéries. Todos nós desejaríamos um lugar como o colo dos nossos pais onde pudéssemos encontrar socorro.

2. Em Deus todos nós podemos encontrar socorro para nossas aflições. A sua Palavra nos garante que ele é socorro certo para os que nele confiam.
De que forma aqueles que confiam em Deus podem experimentar o seu socorro?

O salmista Davi nos mostra alguns efeitos do socorro de Deus em sua vida.

O primeiro efeito do socorro de Deus foi:

I. A libertação da perdição.

1. Davi se via liberto da perdição como alguém que estava preso num atoleiro (v.2 “Tirou-me de um poço de perdição, de um tremedal de lama”).

- As palavras dele referem-se à prisão que todos os homens estão enquanto estão sem Deus.

- Quando somos socorridos pelo Senhor ele nos tira do lamaçal do pecado. O socorro de Deus resgata a alma do homem da condenação do Pecado (cf. João, 8:32).

- Davi expressou o que sentiu quando Deus o resgatou da morte. A libertação é o socorro mais urgente que nossas almas precisam.

O segundo efeito do socorro de Deus foi:

II. A segurança para prosseguir na vida.

1. Deus firmou Davi numa rocha segura onde sua alma experimentava a segurança eterna(v. 2b “... colocou-me os pés sobre uma rocha e me firmou os passos”).

- Os “pés” (“passos” – NVI) faz menção aos caminhos dessa vida em que o salmista poderia seguir seguro, pois o Senhor havia firmado os seus passos.

- Quem é socorrido por Deus tem os seus caminhos trilhados por ele. Por isso anda seguro. O socorro divino ilumina os lugares escuros dessa vida. Assim podemos andar na segurança da luz.

Ilustração:

Jesus é a luz do mundo (João 8:12) – quem segue os seus passos tem a segurança divina em sua vida.

- O salmista Davi estava seguro porque estava em Deus. O socorro do Senhor nos dar segurança.

O terceiro efeito do socorro de Deus foi:

III. O Louvor pela sua Graça.

1. A ação de Deus na vida de Davi produziria louvor em seus lábios (v.3 “E me pôs nos lábios um novo cântico, um hino de louvor ao nosso Deus”).

- A ação de quem recebe o socorro do Senhor é gratidão pela sua ajuda.

- O salmista expressaria os feitos do Senhor em sua vida através de um cânticos de gratidão. Todos nós temos muito que agradecer ao Senhor. Ele nos elegeu para a salvação, tirou toda culpa que havia sobre nós, nos deu uma nova vida.

- Como temos agradecido? Não podemos ser ingratos ao Deus que nos socorreu de forma tão tremenda.

Ilustração:

Salmo 116:12 – “Que darei eu ao Senhor [...]”
O louvor brotaria dos lábios de Davi por causa do livramento que o Senhor lhe deu.

Por fim, o quarto efeito do socorro de Deus em Davi foi:

IV. O testemunho da ação de Deus para o mundo.

1. A experiência de libertação divina na vida do salmista Davi resultaria em testemunho da bondade do Senhor para o mundo (v. 3b “[...] muitos verão essas coisas, temerão e confiarão no Senhor”).

- Há muita gente precisando ouvir da obra maravilhosa de libertação que Deus tem operado em nossas vidas.

- São muitos os que estão sofrendo nessa vida por colocarem a sua confiança no lugar errado.

- Precisamos testemunhar o que experimentamos do Senhor quando ele estendeu a sua mão e nos libertou do domínio da mentira, dos vícios, da prostituição. Assim muitos saberão que em Deus podem confiar.

CONCLUSÃO

- Todo cristão experimentou o socorro de Deus através de Cristo. Por isso devemos louvar a ele com tudo o que somos e testemunhar aos perdidos da sua misericórdia.

- Portanto, você que estar sem esperança, confie naquele que estar pronto a socorrer os que nele confiam! Amém!

 

Autor: Rev. Leonardo José Nunes Félix

 

++++++++++++++++++++++++++++++++++++

++++++++++++++++++++++++++++++++++++

++++++++++++++++++++++++++++++++++++

++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Nenhum comentário:

Postar um comentário