quarta-feira, 7 de março de 2012





Em Tempos
de Vale,
Faça Covas!

II Reis 3:5-25







- O nosso Deus é um Deus de alianças e quando analisamos as escrituras sagradas percebemos o zelo que Ele tem por todos os seus servos.

- Todos aqueles que O buscam e confiam em SEU agir, até mesmo nos vales, irão provar de Sua provisão extraordinária e triunfar sobre todos os seus inimigos.

- Meditando nesta Palavra percebemos algumas atitudes que fizeram com que Josafá, homem de Deus, recebesse direção, provisão e vitória da parte de Deus mesmo passando por vales em tempos de guerra.

1. Manter a atitude de buscar ao Senhor, pois uma Palavra Profética muda qualquer circunstância (vs 11,12)

- Precisamos vigiar nossas atitudes, pois muitas vezes escolhemos os nossos próprios caminhos e quando nos deparamos com os desertos e vales da vida temos a tendência de reclamar e culpar a Deus como fez Jorão.

- É certo que todos nós, em algum momento da nossa caminhada, passaremos por desertos e vales, porém, seja conduzido pelo Espírito Santo ou como fruto de escolhas precipitadas não podemos ficar paralisados (esperando a morte chegar) ou confundidos.

- Não fomos chamados para ficar perambulando em um deserto espiritual como fez o povo de Israel quando saiu do Egito ou como estava o rei Jorão neste vale.

- Precisamos agir como Josafá, um líder que conhecia a Deus e diante do vale, da escassez e ameaça de vida buscou ao Senhor e Ele mudou sua sorte e de todo seu exército.

- Líderes como Josafá não são ignorados, quando buscam o favor de Deus o céu e a terra se movem em seu favor.

- A adoração atrai o poder de Deus e a atitude de fé canaliza o sobrenatural aos vales de nossas vidas. (vs.15,18)

- A adoração do profeta Eliseu liberou a Palavra profética, isto é tremendo! No entanto, houve uma atitude de fé da parte do rei Josafá e daqueles que estavam embaixo de sua liderança.

- Todas as semanas temos recebido da parte de Deus alimento e treinamento liberados em nossas vidas através dos nossos apóstolos, também temos sido ensinados e acrescentados nos nossos secretos com o Pai, porém ainda há algo a ser feito: CAVAR!!

“Assim diz o Senhor: fazei, neste vale, covas e covas”. Cavar fala de atitudes e ações práticas.

- Cavamos espiritualmente quando oramos, jejuamos, adoramos e lemos a bíblia. Aleluia!!!!

- Mais ainda é possível cavar mais covas: SONHE, PROJETE, FAÇA ORÇAMENTOS, “Porque assim diz o SENHOR: Não sentireis vento, nem vereis chuva; todavia, este vale se encherá de tanta água, que bebereis vós, e o vosso gado, e os vossos animais”.

- Não fomos chamados para andar por vistas ou sentimentos e sim pela fé na Palavra de Deus. Em tempos de vales: faça covas!

- Ainda que nossos olhos não vejam e nossa alma não sinta, confiaremos no Senhor.

- Prepare-se! O aguaceiro vai descer na sua casa, na sua célula, nas suas finanças e onde houver necessidade do agir de Deus em sua vida. Todos em sua volta beberão dessa água que flui do Trono de DEUS.

2. Depois de cavar: plante! (v.20)

- É incrível o registro do aguaceiro fluindo no vale ao apresentarem a oferta de manjares.

- Sem dúvida nenhuma nossa oferta em tempos de crise é um detonador poderoso do sobrenatural de Deus em nossa direção.

- Lembremos da colheita extravagante de Isaque que semeou em tempos de fome (sob a Palavra de Deus) e ativou a benção da prosperidade, recolheu cento por um, porque o Senhor o abençoava (Gn 26.12).

- Interessante é que começamos falando de aliança e fechamos falando em aliança, pois a oferta de manjares (Lv 2) é uma oferta de cereais composta da melhor farinha (sem fermento), azeite e incenso que deveria ser temperada com sal (que representa a aliança do nosso Deus).

- A palavra ainda diz que “é uma oferta queimada, de aroma agradável ao Senhor”.

- Em tempo de vales vamos cavar segundo a Palavra de Deus e ofertar o nosso melhor, porque o nosso Deus de aliança, nunca, jamais nos desamparará.

Conclusão:

- Deus coloca águas no deserto e rios no ermo, para dar de beber ao povo da sua aliança (Is 43.20).

- Jesus disse que aquele que bebesse da água que Ele lhe desse nunca mais teria sede (Jo 4.14), tudo que temos que fazer é permanecer aliançados e em obediência a sua Palavra e Ele nos abençoará até mesmo nos desertos e vales de nossas vidas.


AUTORA: Suely Mello (12 da 1º geração Apª. Fabiane)








++
+++
++++
+++++
++++++
+++++++
++++++++
+++++++++
++++++++++
+++++++++++
++++++++++++
+++++++++++++
++++++++++++++
+++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++
++++++++++++++
+++++++++++++
++++++++++++
+++++++++++
++++++++++
+++++++++
++++++++
+++++++
++++++
+++++
++++
+++
++
+


DEUS SE
IMPORTA CONOSCO

Êxodo 3:1-10





- É algo espetacular, magnífico e tremendo sabermos que Deus se importa conosco, vê as nossas lutas, dificuldades e aflições, ouve o nosso grito pedindo socorro, ajuda e proteção, e conhece o nosso sofrimento.


- Deus ao vê a nossa aflição, ouvir o nosso grito e conhecer o nosso sofrimento, vem para nos livrar! Essa foi a experiência do povo de Israel no cativeiro egípcio e tem sido a experiência de muitos em nossos dias, inclusive a nossa própria experiência.

- Quantas vezes Deus já te socorreu?

- Quantas vezes Ele já te ouviu? – Nem dá para contar todas essas vezes e isso sem falar naquelas intervenções divinas que nós nem tomamos conhecimento.

- Se você está aflito, se você está vivendo alguma dificuldade, se você está sofrendo, convido-o agora a se apresentar diante de Deus, do nosso Deus, um Deus que se importa com cada um de nós, um Deus que se importa com o seu povo, com todos aqueles que se voltam para Ele!

I. DEUS VÊ A NOSSA AFLIÇÃO

“Disse o Senhor: Vi a aflição do meu povo...” (Êxodo 3:7).

- Deus vê toda e qualquer aflição que acontece aqui na terra. Ele vê quando uma criança está sendo maltratada, quando uma família está sendo destruída, quando as pessoas estão sendo vítimas de algum crime etc.

- Ele quer estender a mão para ajudar, para socorrer, mas muitas vezes aqueles que estão em aflição não estendem a mão para receber a ajuda de Deus, não o reconhecem como o Único e Verdadeiro Deus ou não o buscam de todo o coração.

- Israel, estando em aflição, sempre buscava a Deus e recebia livramento, restauração, perdão e salvação.

- Você está vivendo alguma aflição?

- Talvez você esteja aflito pelo seu emprego, finanças, saúde, família etc.

- Deixe Deus te ajudar agora.
- Abra o seu coração para Jesus!

- Ele mesmo nos disse que se estivéssemos aflitos, Ele nos daria alívio (Mateus 11:28-30).

- Quer vir a Jesus agora? Quer entregar-se a Jesus agora?

II. DEUS OUVE O NOSSO CLAMOR

“... ouvi o seu clamor...” (Êxodo 3:7).

- Os ouvidos do Senhor estão atentos ao clamor do seu povo, dos seus filhos, de todos aqueles que clamam a Ele.

- O Salmista no Salmo 40 nos conta que quando estava numa terrível aflição, ele clamou a Deus e Deus o ouviu e o socorreu.

- Deus age assim com todos os que nEle confiam! Nenhum grito de aflição passa despercebido por Deus!

- Deus “desceu para livrar o seu povo quando ouviu o seu clamor”.

- Se você clamar a Deus, Ele te ouvirá e virá te socorrer! “Clama a mim e responder-te-ei...” (Jr 33:3).

- Clame agora a Deus, abra o seu coração e peça a Ele para te ajudar, te socorrer e te salvar.


- Clame a Deus pela sua salvação, pela sua vida eterna e Jesus te ouvirá e te salvará!

III. DEUS CONHECE O NOSSO SOFRIMENTO

- O povo de Deus estava sofrendo com a escravidão imposta pelo Egito, pelo Faraó. Eles trabalhavam duro e mal podiam se alimentar. Viviam em grande aflição, sofrimento e miséria, sem nenhuma esperança de mudança. Então clamaram a Deus e Deus os ouviu e desceu para libertá-los.

- Muitos vivem numa escravidão, pois trabalham muito e ganham pouco e às vezes é tão pouco que não dá para o seu sustento ou o sustento digno da sua família.

- Outros nem conseguem trabalho para o seu sustento.
- Outros vivem numa escravidão imposta, não por Faraó, mas por Satanás que escraviza suas vítimas no Pecado, nas Drogas, nos Vícios, nas Doenças etc.

- Convido você que está sofrendo a contar tudo para Jesus, pois Ele veio para destruir as obras do Diabo (I João 3:8), Ele veio para que tenhamos Vida... (João 10:10).

- O que você está esperando para entregar a sua vida a Jesus e ser liberto?

- Deus disse que “conhecia o sofrimento do seu povo” e por isso veio para livrá-lo, usando Moisés como libertador.

Hoje Deus deixou Jesus como nosso Libertador e Salvador. Basta clamarmos por Ele, recebê-Lo como nosso Libertador e Salvador e Ele virá em nosso socorro!


DEUS ABENÇOE;


AUTOR: Apóstolo Alexandre Bastos.





###########################
##########################
#########################
########################
#######################
######################
######################
#######################
########################
#########################
##########################
###########################