terça-feira, 13 de novembro de 2012



DEUS ESTÁ 
NO CONTROLE 


 INTRODUÇÃO 

-  Nestes dias de tantas tribulações, muitas pessoas perderam a fé e não mais acreditam que Deus está no controle de todas as coisas. Mas aquele que é servo fiel continua de pé, confia inteiramente no Senhor, previne-se contra as astutas ciladas do inimigo, crendo que o Deus que a tudo controla o fará vitorioso. 

 CONTROLAR É: Dominar, governar, exercer fiscalização sobre as atividades das pessoas, ou algum órgão, departamento ou produto, a fim de que não haja quebra das normas preestabelecidas. É também ter auto domínio físico e psíquico. 

 1. PRINCÍPIO FUNDAMENTAL PARA ENTENDER A DIMENSÃO DO CONTROLE DE DEUS SOBRE TUDO: 

Somente Deus poderá interferir em todos os momentos de nossa vida. 

Ele controla: 

 1.1 — Satanás e os demônios 

- O Senhor permitiu que Satanás destruísse tudo quanto era de JÓ, mas não permitiu tocar na vida deste patriarca (Jó 1.12). João, o evangelista, viu as chaves do abismo nas mãos do anjo. Cristo prendeu o dragão, a antiga serpente (Apocalipse 20.1 ,2). 

 1.2 — Os Seus anjos 

- Os anjos são os mensageiros de Deus. Eles são usados como agentes nos negócios divinos (l Crônicas 2 1.15) e comparados como ministros (Hebreus 1.6,7). 

 1.3 — O universo 

- Deus criou o mundo pelo poder de Sua vontade (Isaias 45.12). 

- A palavra “criou”, no primeiro capítulo de Gênesis, é traduzida pelo hebraico “barah”, que significa dar existência àquilo que previamente não tinha existência. 

 1.4 — A história 

- Deus mudou o rumo da história de Jacó, Moisés, Davi, Jó e de muitos outros homens da Bíblia, porém, uma das mais emocionantes é a de José, descrita nos sete últimos capítulos de Gênesis. Este jovem superou todas as dificuldades e conseguiu tornar-se governador do Egito. 

 1.5 — O homem 

- Deus rege do modo criador e ativo o desenvolvimento da vida humana. Ele pessoalmente cuidou do homem desde o primeiro momento de vida deste. 

 II. SE DEUS ESTÁ NO CONTROLE: 

 2.1 — Ele permite a tribulação, mas pode também dar a vitória (Oséias 6.1) 

- As tribulações acontecem em nossa vida para nos amadurecer espiritualmente. Elas nos colocam mais perto de Deus. 

 2.2 — Basta uma palavra dEle, e as janelas do céu se abrirão (Lucas 7.7) 

- O centurião de Cafarnaum creu nas palavras de Jesus. Por isso, o seu criado foi curado. Nós também devemos crer e obedecer à Sua Palavra. 

 2.3 — O crente deve lançar sobre Ele toda a sua ansiedade (1 Pedro 5.7). O apóstolo Pedro nos exorta a confiar e descansar no Senhor, pois, Ele tem cuidado de nós. 

 2.4 — O crente deve entregar o seu caminho ao Senhor (Salmos 37.5). A Bíblia nos manda lançar os nossos cuidados sobre o Senhor. Igualmente também o nosso caminho, ou seja, o nosso estilo de vida deve seguir as determinações da Palavra de Deus. 

 III. POR DEUS ESTAR NO CONTROLE: 

 3.1 — O crente deve esperar e descansar no Senhor (Salmo 40.1) Muitas vezes, as nossas orações não são respondidas de imediato porque Deus quer provar a nossa paciência, fidelidade e insistência. 

3.2 — O crente deve deleitar-se no Senhor (Salmo 37.4) Após sermos respondidos, devemos deleitar-nos no Senhor, por termos sido beneficiados com a Sua graça. 

3.3 — O crente deve adorá-lo e glorificá-lo (2 Samuel 12.20) Devemos também adorá-lo com nosso espírito, nossa alma e nosso corpo, oferecendo-lhe um culto racional e tendo a mente transformada pela renovação do Espírito Santo. 

CONCLUSÃO 

 O homem tem o direito de escolher. Ou entrega o seu caminho ao Senhor, deixa Deus dirigir e controlar sua vida, e alcança a vitória sobre todos os seus problemas, ou ele mesmo toma a direção, e será vencido pelas ansiedades. 


 Autor:Pr. Silas Malafaia Livro: Pregando poderosamente a palavra de Deus


==============
===============
================
=================


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.