segunda-feira, 25 de junho de 2012

TEMOS UMA
RESPONSABILIDADE:
LEVAR NOSSA CIDADE
AOS PÉS DE
 JESUS CRISTO!

(II Crônicas 28:1)

- TINHA Acaz vinte anos de idade, quando começou a reinar, e dezesseis anos reinou em Jerusalém; e não fez o que era reto aos olhos do SENHOR, como Davi, seu pai. (II Crônicas 28:2)

- Antes andou nos caminhos dos reis de Israel, e, além disso, fez imagens fundidas a Baalins. (II Crônicas 28:3)

- Também queimou incenso no vale do filho de Hinom, e queimou a seus filhos no fogo, conforme as abominações dos gentios que o SENHOR tinha expulsado de diante dos filhos de Israel. (II Crônicas 28:4)

- Também sacrificou, e queimou incenso nos altos e nos outeiros, como também debaixo de toda a árvore verde. Com certeza, as cidades estão no coração de Deus. Desde o início da história humana as cidades tem sido o foco de sua atenção. As cidades são o centro das civilizações onde se desenvolve todo o caminho do ser humano na Política, religião, cultura, lazer, conflitos, tragédias escravidão, idolatrias e feitiçarias. Nínive com 120 mil habitantes era uma cidade muito importante aos olhos de Deus. Jesus percorreu cidades e aldeias anunciando que o Reino de Deus havia chegado. E o próprio Jesus enviou seus discípulos às cidades dizendo: (Lucas 10:1)

- E DEPOIS disto designou o Senhor ainda outros setenta, e mandou-os adiante da sua face, de dois em dois, a todas as cidades e lugares aonde ele havia de ir. (Lucas 10:2)

 - E dizia-lhes: Grande é, em verdade, a seara, mas os obreiros são poucos; rogai, pois, ao Senhor da seara que envie obreiros para a sua seara. OFEREÇA A PAZ DO SENHOR NESTAS CASAS: (Lucas 10:5)

- E, em qualquer casa onde entrardes, dizei primeiro: Paz seja nesta casa. CUREM OS ENFERMOS, OFEREÇA ALÍVIO, AJUDA: (Lucas 10:9)

- E curai os enfermos que nela houver, e dizei-lhes: É chegado a vós o reino de Deus. POR FIM ANUNCIA-LHES O REINO DE DEUS: Quando Jesus enviou os setenta discípulos, ele reprovou com tristeza algumas cidades por causa da dureza de coração: (Mateus 11:21)

- Ai de ti, Corazim! ai de ti, Betsaida! porque, se em Tiro e em Sidom fossem feitos os prodígios que em vós se fizeram, há muito que se teriam arrependido, com saco e com cinza. Hoje o clamor de Jesus para as grandes e pequenas cidades continua o mesmo (Ai de ti Mauá...)

- Eu e você somos responsáveis por esta cidade. Deus nos colocou como vigias desta cidade. Infelizmente o que temos visto é um povo amaldiçoando a nossa cidade, as autoridades e não temos orado e chorado diante de Deus por esta cidade. DEUS AMA O POVO DE MAUÁ! A conquista de Mauá depende do povo que se encontra aqui. Deus quer usar sua vida para conquistar Mauá para Ele.

- Neste texto que lemos, vemos que Acaz foi um rei que levou a cidade de Jerusalém e o reino de Judá à falência e a destruição espiritual, moral e material.

- ECONOMICAMENTE a cidade empobreceu, o povo ficou na miséria e a Casa do Senhor foi saqueada.

- SOCIALMENTE as famílias estavam destruídas, o desemprego tomou conta da cidade, as viúvas e os órfãos estavam chorando por toda a parte, a violência explodia em cada esquina da cidade.

- ESPIRITUALMENTE o povo abandonou o verdadeiro Deus. Começaram a adorar deuses estranhos e espalharam todas as abominações por toda a cidade. (II Crônicas 28:24)

- E ajuntou Acaz os utensílios da casa de Deus, e fez em pedaços os utensílios da casa de Deus, e fechou as portas da casa do SENHOR, e fez para si altares em todos os cantos de Jerusalém. (II Crônicas 28:25)

- Também em cada cidade de Judá fez altos para queimar incenso a outros deuses; assim provocou à ira o SENHOR Deus de seus pais. Ofereciam seus filhos em sacrifícios aos outros deuses A Casa do Senhor foi profanada Deus não fazia mais parte da vida deles Deus não era mais o Senhor daquela Cidade O povo aderiu a outros padroeiros e padroeiras sobre suas vidas. Por 16 anos a Cidade ficou debaixo desta maldição.

- A CONQUISTA DE JERUSALÉM Após a morte de Acaz, o seu filho Ezequias,(que milagrosamente escapou de ser sacrificado por seu pai a outros deuses) reinou em seu lugar. (II Crônicas 29:1)

- TINHA Ezequias vinte e cinco anos de idade, quando começou a reinar, e reinou vinte e nove anos em Jerusalém; e era o nome de sua mãe Abia, filha de Zacarias. (II Crônicas 29:2)

- E fez o que era reto aos olhos do SENHOR, conforme a tudo quanto fizera Davi, seu pai. Ezequias não perde tempo, mas promove a conquista de Jerusalém para o Senhor.

Ezequias tomou alguns passos importantes para conquistar a Cidade para Deus:

1º PASSO:
TOUXE A PRESENÇA DE DEUS PARA A CIDADE: (II Crônicas 29:3)

- Ele, no primeiro ano do seu reinado, no primeiro mês, abriu as portas da casa do SENHOR, e as reparou. O povo precisava de Deus.

- A presença de Deus precisava voltar para a Igreja.

- Abrir as portas da Casa do Senhor é levar o povo a orar e se humilhar perante o Senhor.

2º PASSO:
CONVOCOU O REMANESCENTE FIEL PARA QUE SANTIFICASSEM E PURIFICASSEM A CASA DO SENHOR: (II Crônicas 29:4)

- E trouxe os sacerdotes, e os levitas, e ajuntou-os na praça oriental, (II Crônicas 29:5)

- E lhes disse: Ouvi-me, ó levitas, santificai-vos agora, e santificai a casa do SENHOR Deus de vossos pais, e tirai do santuário a imundícia.

REMANECENTE FIEL = Aqueles que não abandonaram o Senhor mesmo diante de total apostasia do povo.

- Mesmo diante das perseguições, depravações da Cidade, esse grupo permaneceu fiel ao Senhor. Foi o primeiro grupo que o rei convoca.

PRAÇA ORIENTAL = Era um lugar conhecido por grandes e decisivas manifestações. (Veja o que aconteceu no Egito)

SANTIFICASSEM E PURIFICASSEM A CASA DO SENHOR = (II Crônicas 29:15)

- E ajuntaram a seus irmãos, e santificaram-se e vieram conforme ao mandado do rei, pelas palavras do SENHOR, para purificarem a casa do SENHOR. (II Crônicas 29:16)

- E os sacerdotes entraram na casa do SENHOR, para a purificar, e tiraram para fora, ao pátio da casa do SENHOR, toda a imundícia que acharam no templo do SENHOR; e os levitas a tomaram, para a levarem para fora, ao ribeiro de Cedrom. (II Crônicas 29:17)

 - Começaram, pois, a santificar no primeiro dia, do primeiro mês; e ao oitavo dia do mês vieram ao alpendre do SENHOR, e santificaram a casa do SENHOR em oito dias; e no dia décimo sexto do primeiro mês acabaram. A santificação deveria começar pelos líderes, pastores e depois na Casa do Senhor, a igreja. A Liderança e a igreja precisavam ser libertos de todas as amarras para só depois a Cidade ser liberta.

3º PASSO:
EXPANDIU O REMANESCENTE FIEL: (II Crônicas 29:28)

- E toda a congregação se prostrou, quando entoavam o canto, e as trombetas eram tocadas; tudo isto até o holocausto se acabar. (II Crônicas 29:29)

- E acabando de o oferecer, o rei e todos quantos com ele se achavam se prostraram e adoraram. (II Crônicas 29:30)

- Então o rei Ezequias e os príncipes disseram aos levitas que louvassem ao SENHOR com as palavras de Davi, e de Asafe, o vidente. E o louvaram com alegria e se inclinaram e adoraram. (II Crônicas 29:31)

- E respondeu Ezequias, dizendo: Agora vos consagrastes a vós mesmos ao SENHOR; chegai-vos e trazei sacrifícios e ofertas de louvor à casa do SENHOR. E a congregação trouxe sacrifícios e ofertas de louvor, e todos os dispostos de coração trouxeram holocaustos. Houve um concerto, uma aliança do povo com Deus.

4º PASSO:
PREPAROU O POVO PARA INVADIR O TERRITÓRIO DO INIMIGO:

- Ezequias enviou mensageiros para se infiltrarem em todo o território de Judá e de Israel. Cada aldeia e tribo precisava receber um convite para adorar a Deus. (II Crônicas 30:1)

- DEPOIS disto Ezequias enviou mensageiros por todo o Israel e Judá, e escreveu também cartas a Efraim e a Manassés para que viessem à casa do SENHOR em Jerusalém, para celebrarem a páscoa ao SENHOR Deus de Israel. (II Crônicas 30:10)

- E os correios foram passando de cidade em cidade, pela terra de Efraim e Manassés até Zebulom; porém riram-se e zombaram deles.

5º PASSO:
HOUVE O ATAQUE E A DESTRUIÇÃO DO INIMIGO: (II Crônicas 31:1)

- E ACABANDO tudo isto, todos os israelitas que ali se achavam saíram às cidades de Judá e quebraram as estátuas, cortaram os bosques, e derrubaram os altos e altares por toda Judá e Benjamim, como também em Efraim e Manassés, até que tudo destruíram; então tornaram todos os filhos de Israel, cada um para sua possessão, para as cidades deles.

- Depois que o povo fez uma Aliança com Deus e recebeu a cura, eles saíram por todas as cidades quebrando estátuas e derrubando os altares do inimigo. Todas as fortalezas do inimigo foram destruídas.

6º PASSO:
TOMOU POSSE DO TERRITÓRIO QUE ANTES ERA DOMINADO PELO INIMIGO: (II Crônicas 31:2)

- E estabeleceu Ezequias as turmas dos sacerdotes e levitas, segundo as suas turmas, a cada um segundo o seu ministério; aos sacerdotes e levitas para o holocausto e para as ofertas pacíficas, para ministrarem, louvarem, e cantarem, às portas dos arraiais do SENHOR. Onde cantavam e dançavam para satanás, agora é festa e culto para Deus.

- Ezequias tampou as fontes que serviam de provisão para o inimigo.

- Restaurou os muros que estavam derrubados

- Colocou FARÓIS sobre toda a cidade para vigiá-la. Se apropriou de armas e escudos em abundância

- Levantou oficiais de guerra Fez atos proféticos sobre toda a cidade Deus quer levantar um exercito poderoso em Mauá.

VAMOS TOCAR AS TROMBETAS PARA QUE O POVO DE DEUS DESPERTE E VAMOS ANUNCIAR: QUE CHEGOU A HORA DE CONQUISTARMOS A CIDADE DE MAUÁ PARA JESUS! QUE APESAR DE OUTROS DEUSES, JESUS CRISTO É O SENHOR DA NOSSA CIDADE DE MAUÁ! QUE O AMBIENTE ESPIRITUAL DE MAUÁ SERÁ MUDADO PARA A GLÓRIA DE DEUS! QUE SÓ EXISTE UMA IGREJA EM MAUÁ, A IGREJA DE JESUS CRISTO! QUE OS PASTORES SÃO CHAMADOS PARA PASTOREAR A CIDADE INTEIRA! QUE CADA CRISTÃO TEM A RESPONSABILIDADE DE PASTORAR A CIDADE! QUE CADA CRISTÃO É UM INTERCESSOR DAS FAMÍLIAS DESTA CIDADE! PARA QUE O POVO DE DEUS PROFETIZE QUE AS PESSOAS ESTÃO ABERTAS AO EVANGELHO EM NOME DE JESUS! PARA QUE CADA LAR SEJA UM FARÓL SOBRE A CIDADE DE MAUÁ!


AUTOR: Pr. Maucir Lehn


=
==
===
====
=====
======
=======
========
=========
==========

Nenhum comentário:

Postar um comentário