terça-feira, 15 de maio de 2012

O perfil de um
  líder cristão exemplar

- O livro de Atos dos apóstolos faz uma síntese da vida de Barnabé, um dos maiores líderes da igreja cristã, nos seguintes termos: “Porque era homem bom, cheio do Espírito Santo e de fé…” (At 11.24).

 Há três verdades sobre Barnabé que devemos aqui destacar:

1. Um líder cristão deve investir sua vida na vida dos outros.

- Ser líder é ser servo; ser grande é ser pequeno; ser exaltado é humilhar-se.

- Barnabé é o único homem da Bíblia chamado de bom. E por que? É porque quase sempre, ele está investindo sua vida na vida de alguém.

- Em Atos 4.36,37 ele está investindo recursos financeiros para abençoar pessoas.

- Em Atos 9.27 ele está investindo na vida de Saulo de Tarso, quando todos os discípulos fecharam-lhe a porta da igreja não acreditando que ele fosse convertido.

- Em Atos 11.19-26, a igreja de Jerusalém o vê como o melhor obreiro a ser enviado para Antioquia e quando ele vê a graça de Deus prosperando naquela grande metrópole, mais uma vez ele investe na vida de Saulo e vai buscá-lo em Tarso.

- Em Atos 13.2 o Espírito o separa como o líder regente da primeira viagem missionária.

- Em Atos 15.37-41 Barnabé mais uma vez está investindo na vida de alguém; desta feita na vida de João Marcos.

- Precisamos de líderes que sejam homens bons, homens que dediquem seu tempo e seu coração para investir na vida de outras pessoas.

2. Um líder cristão deve esvaziar-se de si para ser cheio do Espírito Santo.

- Barnabé era um homem cheio do Espírito Santo. Sua vida, suas palavras e suas atitudes eram governadas pelo Espirito de Deus.

- Um líder cheio do Espirito tem o coração em Deus, vive para a glória de Deus, ama a obra de Deus e serve ao povo de Deus.

- Barnabé é um homem vazio de si mesmo, mas cheio do Espírito Santo.

- A plenitude do Espírito não é uma opção, mas uma ordem divina. Não ser cheio do Espírito é um pecado de negligência.

- Precisamos de líderes que transbordem do Espírito, homens que sejam vasos de honra, exemplo para os fiéis, bênção para o rebanho de Deus.

- Quando os líderes andam com Deus, eles influenciam seus liderados a também andarem com Deus. Por isso, a vida do líder é a vida da sua liderança.

- Deus está mais interessado em quem o líder é do que no que o líder faz. Vida com Deus precede trabalho para Deus. Piedade é mais importante do que performace.

3. Um líder cristão deve colocar seus olhos em Deus e não nas circunstâncias.

- Barnabé era um homem cheio de fé. Ele vivia vitoriosamente mesmo diante das maiores dificuldades, porque sabia que Deus estava no controle da situação.

- A fé tira nossos olhos dos problemas e os coloca em Deus que está acima dos problemas.

- A fé é certeza e convicção. É certeza de coisas e convicção de fatos (Hb 11.1).

- É viver não pelo que vemos ou sentimos, mas na confiança de que Deus está no controle, mesmo que não estejamos no controle.

- A fé sorri diante das dificuldades, não porque somos fortes, mas porque embora sejamos fracos, confiamos naquele que é onipotente.

- Barnabé é um exemplo de um líder que deve ser seguido.

- Precisamos de líderes que vejam o invisível, creiam no impossível e toquem o intangível.

- Precisamos de líderes que ousem crer no Deus dos impossíveis e realizar coisas para ele.

- Precisamos de líderes que olhem para a vida na perspectiva de Deus, que abracem os desafios de Deus e realizem grandes projetos no reino de Deus.

AUTOR: Rev. Hernandes Dias Lopes


++++
+++++
++++++
+++++++
++++++++
++++++++++
++++++++++++
++++++++++++++

+++++++++++++++++++++++ +++++++++++++++++++++++ +++++++++++++++++++++++

Nenhum comentário:

Postar um comentário