quarta-feira, 4 de abril de 2012



Cultivando os
Sonhos de Deus

Ezequiel 36:9




- Depois de aprendermos, à luz das Escrituras, da necessidade de estabelecermos alvos para nós e nossa família, lançarmos as sementes certas para se preparar para uma boa e grande colheita e esperarmos o tempo certo para que venha dar frutos, Deus também deseja compartilhar quais são os seus sonhos para nós – povo de Deus- para o ano de 2008 e por toda a nossa vida.

- Assim como Ele se preocupou com o futuro do povo de Israel, em lhes dar um fim glorioso, assim Ele também se preocupa conosco e quer que deixemos ser conduzidos por Ele para este fim.

I – O Contexto de Israel

Israel estava sofrendo uma terrível crise nacional: grande parte do povo havia sido deportada para Babilônia e a minoria ficara em Jerusalém e na Palestina, que haviam sido queimadas e devastadas.

O livro de Ezequiel trata das causas desta destruição (cap. 1 a 22), do juízo de Deus aos inimigos de Israel (cap. 23 a 32) e da promessa de restauração (cap. 33 a 48).

A mensagem central é esta: a despeito das circunstâncias que vivemos, Deus não deixou de investir em nós!

O sonho de Deus para Israel era um tempo de crescimento (Ez 36: 37), renovo (Ez 36: 26), restauração (Ez 36:35) e avivamento (cap. 37). A partir de então o profeta passa a explicar como Deus pretende alcançar estes sonhos e a mostrar algumas verdades que precisavam estar na mente do povo.

II – A Presença de Deus

O Senhor disse : “eis que estou convosco...”. Deus iria levar a cabo seus sonhos para Israel através de sua presença. O próprio nome do profeta significa “ O Senhor está aqui” (NVI)

A presença de Deus é a necessidade de todo homem, porque é pecador (Rm-. 3:23)

Mesmo sendo um expert do deserto, Moisés não abriu mão dela (Êx. 33: 15)

Depois de Ter alcançado seu sonho – ocupar o mais alto cargo da nação – o rei Davi tinha sede pela presença de Deus (II Sm 6:9/ Sl. 63:1)

A presença de Deus traz descanso e refrigério (Êx. 33:14/ Sl. 23:3); alegria (Sl. 16:11); proteção (Gn 35:2 a 5); direção (Nm. 9:22,23) e ânimo (Jos. 1:9)

Quem pertence a Jesus desfruta da presença de DEUS, pois o seu nome é EMANUEL (Mt. 1:23)

Ele está presente onde estão, pelo menos, duas pessoas reunidas em seu nome (Mt 18:18)

Ele prometeu que estaria conosco como parceiro no cumprimento de nossa missão, até a consumação dos séculos (Mt 28:19,20)

III – A Atenção de Deus

“...e me voltarei para vós...” – melhor que contar com a presença de Deus é poder contar com sua atenção, com a manifestação de sua presença. • O rei Salomão, em sua oração para edificação do templo, deixou bem clara sua necessidade pela presença e pela manifestação de Deus a favor de Seu povo (II Crônicas 6:19,20,21, 25,27, 30,33,35)

Deus ouviu sua oração e lhe atendeu (II Crônicas 7:1,2,12)

A tempestade no mar só cessou quando os discípulos clamaram pela ação de Jesus ao seu favor (Mc. 4:35 a 41)

A sogra de Pedro foi curada, não somente por causa da presença de Jesus em sua casa, mas principalmente, porque Ele voltou sua atenção à sua necessidade (Lc. 4:37 ss)

Deus não quer apenas estar em sua casa, em seu trabalho, conhecer suas necessidades, seus desafios, Ele quer também participar da sua vida e levar a cabo seus planos para você e sua família.

IV – O Tratamento de Deus

Em atenção ao povo de Israel e à sua família, Ele quer participar como Agricultor: “sereis lavrados e semeados...”. Sempre nesta ordem! Ele não vai semear em um solo que ainda não é fértil!

Ele tem autoridade para fazer isto porque Ele é o nosso Agricultor (João 15:1), nós somos seu campo de lavoura (I Coríntios 3:9) e plantação do Senhor (Isaías 61:3)

“Lavrar” significa cultivar, remexer com o arado! Como um agricultor trabalha a terra, desmatando, tirando os tocos, as pedras, os espinhos, queimando o restolho, passando o correntão para nivelar, tombando a terra, lançando o calcário e o adubo, assim Deus quer fazer em nós, trabalhando em nossos corações, a fim de viver os sonhos dEle em nossa vida.

Jesus passou por este processo (Sl. 129:3/ Is. 53:3 a 5), Jerusalém (Jr. 26:18) e o apóstolo Paulo (II Coríntios 6:4,5)

Quais são os tipos de arado que Deus usa? Enfermidade (Jó 1:1 a 7), fome (Rute 1:4 a 7), prisão (rei Manassés, II Crônicas 33:11 a 13), deserto (Moisés, Êx. 2:15), moinha (Sansão, Juízes 13:21)

Não despreze o tratamento de Deus (Hebreus 12:5 a 8)

A semente que Deus usa é a Palavra que sai de sua boca (Gn 1:3 / Lucas 5:4,5 / Isaías 55:10,11). Ele é muito sábio e não vai desperdiçar sua semente. Ele só vai semear em você os Seus sonhos quando você estiver preparado, quando você estiver pronto!

Deus tem um grande sonho para você e sua família ainda este ano! Tal qual com o povo de Israel, Ele deseja seu renovo, sua restauração, seu crescimento e seu avivamento. Porém, nada vai acontecer sem antes você passar pelo tratamento de Deus. Depois de lavrar a sua alma e de sua família, Ele vai lançar a Sua semente e ela vai frutificar, porque a palavra que sai de sua boca não voltará vazia!


FONTE: http://www.pibmarilia.org.br/sermoes.php?ida6_sermoes=147






++++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++
++++++++++++++++++++++

++++++++++
++++++++++
++++++++++
++++++++++

++++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++
++++++++++++++++++++++++

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.