quinta-feira, 17 de novembro de 2011



“Porque é tão difícil
ter sucesso
na vida espiritual”

Texto: Mt. 14:22-33

“E logo ordenou Jesus que os seus discípulos entrassem no barco, e fossem adiante para o outro lado, enquanto despedia a multidão. E, despedida a multidão, subiu ao monte para orar, à parte. E, chegada já a tarde, estava ali só. E o barco estava já no meio do mar, açoitado pelas ondas; porque o vento era contrário; Mas, à quarta vigília da noite, dirigiu-se Jesus para eles, andando por cima do mar. E os discípulos, vendo-o andando sobre o mar, assustaram-se, dizendo: É um fantasma. E gritaram com medo. Jesus, porém, lhes falou logo, dizendo: Tende bom ânimo, sou eu, não temais. E respondeu-lhe Pedro, e disse: Senhor, se és tu, manda-me ir ter contigo por cima das águas. E ele disse: Vem. E Pedro, descendo do barco, andou sobre as águas para ir ter com Jesus. Mas, sentindo o vento forte, teve medo; e, começando a ir para o fundo, clamou, dizendo: Senhor, salva-me! E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o, e disse-lhe: Homem de pouca fé, por que duvidaste? - E, quando subiram para o barco, acalmou o vento. Então aproximaram-se os que estavam no barco, e adoraram-no, dizendo: És verdadeiramente o Filho de Deus.”





Introdução

- A ênfase da palavra sucesso é associada à idéia de prosperidade. A palavra de Deus não muda e o importante é que tenhamos sucesso na vida espiritual, e isto não é fácil. E é sobre estas dificuldades que trataremos agora. Portanto vamos entrar nos pontos do estudo que fala da mudança de posição que tem que ocorrer em nós.

Is. 55:8 e 9 (“Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.”)

Estaremos discutindo então porque é tão difícil o sucesso na vida espiritual.

1) - “É difícil porque tem que ter obediência” Mt. 14:22 (“E logo ordenou Jesus que os seus discípulos entrassem no barco, e fossem adiante para o outro lado, enquanto despedia a multidão.”)

 A primeira dificuldade encontrada é esta: “Só vence quem obedece”

 O obediente não questiona uma ordem recebida. “O desobediente já apresenta logo uma argumentação”. – “Ah, eu não obedeço por isso.” - “Ah, eu não obedeço por aquilo.”

 Muitas vezes ocorre o mesmo conosco em relação às ordens de Deus, e nos tornamos desobedientes.

 Fazer o que o Senhor manda resulta em bênçãos e em vitória.

 Podemos ver o exemplo da obediência de Abraão. Gn. 12:1 e 4 (“Ora, o Senhor disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. Assim partiu Abrão como o Senhor lhe tinha dito, e foi Ló com ele; e era Abrão da idade de setenta e cinco anos quando saiu de Harã.”)

 Podemos ver o exemplo da viúva se Sarepta. IRs. 17:13-16 (“E Elias lhe disse: Não temas; vai, faze conforme à tua palavra; porém faze dele primeiro para mim um bolo pequeno, e traze-mo aqui; depois farás para ti e para teu filho. Porque assim diz o Senhor Deus de Israel: A farinha da panela não se acabará, e o azeite da botija não faltará até ao dia em que o Senhor dê chuva sobre a terra. - E ela foi e fez conforme a palavra de Elias; e assim comeu ela, e ele, e a sua casa muitos dias. Da panela a farinha não se acabou, e da botija o azeite não faltou; conforme a palavra do Senhor, que ele falara pelo ministério de Elias.”)

 É isso que Deus quer, obediência. I Sm. 15:22 (“Porém Samuel disse: Tem porventura o Senhor tanto prazer em holocaustos e sacrifícios, como em que se obedeça à palavra do Senhor? Eis que o obedecer é melhor do que o sacrificar; e o atender melhor é do que a gordura de carneiros.”)

2) - “É difícil porque exige esforço” Mt. 14:24a (“E o barco estava já no meio do mar, açoitado pelas ondas;”)

 Muitas pessoas pensam que a vida cristã é como mágica, enganam-se:

 É preciso entrar no barco e remar bastante.

 Nossa vida é como um barco de pedalinho, se quiser vencer tem que pedalar.

 Se você quer alcançar sucesso terá de se esforçar.

 É com esforço que se consegue vencer.

 É com oração que se consegue vencer.

 É com muita leitura bíblica que se consegue vencer.

 É perseverando, é esforçando diante das provações que se consegue vencer.

 É procurando pelo esforço que o crente alcançando um bom testemunho cristão terá prosperidade na fé.

 Um homem de Deus não se faz da noite para o dia. Pv. 4:18 (“Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito.”)

 Você não pode querer queimar as etapas no seu desenvolvimento cristão.

 Primeiro tem que entrar no barco, remar bastante, enfrentar o mar, se chegar do outro lado aí pode dar a ele a condição de vitorioso.

3) - “É difícil porque temos de enfrentar os ventos contrários” Mt. 14:24b (“porque o vento era contrário”)

 Às vezes, alguém diz que fazemos tudo certo, mas não conquistamos vitória.

 Há uma força que nos impede de avançar. Mt. 14:24 b (“Porque o vento era contrário”)

 O profeta Daniel passou por esta experiência. Dn. 10:12-13 (“Então me disse: Não temas, Daniel, porque desde o primeiro dia em que aplicaste o teu coração a compreender e a humilhar-te perante o teu Deus, são ouvidas as tuas palavras; e eu vim por causa das tuas palavras. Mas o príncipe do reino da Pérsia me resistiu vinte e um dias, e eis que Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu fiquei ali com os reis da Pérsia.”)

 A vitória sempre é do servo do Senhor, mas há ventos contrários.

 Por causa disto Paulo nos advertiu em Ef. 6:10-13 (“No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes.”)

 Além dos ventos contrários visíveis ainda existe os invisíveis.

 Se quisermos chegar do outro lado não podemos ignorar os ventos contrários.

 Lembre-se quando não puder vencer as ondas e nem resistir os ventos clame por Jesus, Ele está contigo no barco.

4) - “É difícil porque temos de enfrentar os próprios temores” Mt. 14:26 (“E os discípulos, vendo-o andando sobre o mar, assustaram-se, dizendo: É um fantasma. E gritaram com medo”)

 Muitas vezes lutamos contra nós mesmos.

 Passar para outro lado, ter sucesso espiritualmente implica em nossos próprios temores, traumas.

 Às vezes o medo, a desconfiança é tanta que nem reconhecemos Jesus. Mt. 14:25 e 26 (“Mas, à quarta vigília da noite, dirigiu-se Jesus para eles, andando por cima do mar. E os discípulos, vendo-o andando sobre o mar, assustaram-se, dizendo: É um fantasma. E gritaram com medo.”)

 Muitos cristãos criam seus próprios fantasmas; vivem com medo, e aí temem muitas coisas como: ser rejeitado, perder o emprego, adoecer e até morrer.

 Tem pessoas que por qualquer coisa criam fantasmas. Exemplos:

 Há crentes que fazem do Pastor da igreja um fantasma em sua vida.

 Há crentes que fazem da própria igreja um fantasma em sua vida.

 Há crentes que fazem do seu próprio cônjuge um fantasma em sua vida.

 E há crentes que fazem do seu emprego, do seu patrão, da sua cidade os fantasmas de sua vida.

 São temores variados provenientes de suas visões.

 Temores diante das provações e tribulações – só vencemos quando temos confiança em Deus e esperança nEle.

 Mesmo que você esteja vendo fantasma, Jesus veio te libertar.

5) - “É difícil porque temos que administrar a pressão da opinião dos outros” Mt. 14:27 (“Jesus, porém, lhes falou logo, dizendo: Tende bom ânimo, sou eu, não temais.”)

 Às vezes nos preocupamos muito com a opinião dos outros, suas críticas e etc.

 Deus através da experiência de Paulo nos dá uma palavra. ICo. 4:3 (“Todavia, a mim mui pouco se me dá de ser julgado por vós, ou por algum juízo humano; nem eu tampouco a mim mesmo me julgo.”)

 Paulo enfrentou a desconfiança dos irmãos quanto a sua conversão. At. 9:13 e 14 (“E respondeu Ananias: Senhor, a muitos ouvi acerca deste homem, quantos males tem feito aos teus santos em Jerusalém; E aqui tem poder dos principais dos sacerdotes para prender a todos os que invocam o teu nome.”)

 Se dependesse do homem, dos crentes a vida cristã de Paulo não iria a frente. Paulo foi rejeitado quando quis unir a igreja. At. 9:26 (“E, quando Saulo chegou a Jerusalém, procurava ajuntar-se aos discípulos, mas todos o temiam, não crendo que fosse discípulo.”)

 Mas Paulo encontrou alguém que lhe entendeu a mão, Barnabé. Você também encontrará.

 Algumas pessoas exigem demais de si mesmas.

 Vamos aprender a lidar com a pressão que vem sobre nós.

 Aprendamos! Com Jesus tudo dá certo.

 Se pra você não deu certo da primeira vez, tente de novo.

6) - “É difícil porque temos que vencer as tempestades” Mt. 14:30a (“Mas, sentindo o vento forte, teve medo;”)

 Só conseguiremos chegar do outro lado se vencermos a tempestade.

 Os discípulos estavam a sós no mar e Jesus no monte.

 O que para nós é tempestade, para Ele não é nada. Ele diz: Sou Eu não temas!

 Pedro andou sobre as águas.

 Para termos sucesso na vida cristã temos que olhar só para Jesus. Nunca para as ondas, para a tempestade.

 Mesmo que sua vida esteja atribulada, não precisa temer, confie em Deus e Ele te dará a vitória.

7)- “É difícil por causa das mudanças que temos que efetuar em nós” Mt. 14:31 (“E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o, e disse-lhe: Homem de pouca fé, por que duvidaste?”)

 É preciso mudar de rumo. Temos que mudar, não podemos continuar teimando, sendo negligente, insistindo no mesmo erro.

 Deus sempre dá um sinal da necessidade da mudança.

 É preciso efetuar as mudanças necessárias.

 Pequenas mudanças trazem grandes resultados.
 Palavras

 Gestos

 Hábitos

 Atitudes e etc.

“MUDE ANTES QUE SEJA TARDE DEMAIS”.
Se mudarmos naquilo que temos condições de mudar, Deus mudará tudo o que for necessário para nosso sucesso espiritual.

Conclusão

Que Deus possa abençoar cada um de nós e que possamos ter prosperidade na vida espiritual.



AUTOR: Pr. José Vandelô de Almeida Lara




+++++++++++++++++++++
++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++


ANDAR COM DEUS
É DESTAQUE NUMA
GERAÇÃO CORRUPTA




INTRODUÇÃO:


Texto Bíblico: Gênesis 6:5-14

1. Deus estende a todos a Sua preciosa graça, porém poucos a aceitam.

2. Deus usa quem aceitou Sua preciosa graça para convidar outros a aceitá-la.

3. Deus tem Seus servos em cada geração, colocados em lugares estratégicos para que Seus planos sejam concretizados.

I. ANDAR COM DEUS IMPLICA EM SER JUSTO NUMA GERAÇÃO COM TANTAS INJUSTIÇAS:

- Ele teve coragem, ousadia e, mais importante, teve fé para fazer a vontade de Deus quando outros se rebelaram.


- Ele não foi influenciado pelas pessoas de sua época, mas por Deus.


- Ele não vivia a injustiça, nem a imoralidade que as pessoas viviam em sua geração.

1. Enquanto a injustiça se multiplicava sobre a terra, Noé era um homem justo.

2. Enquanto toda a imaginação dos pensamentos humanos era continuamente para o mal, o coração de Noé estava voltado para a justiça de Deus e a proclamava.

3. Enquanto a maioria dos jovens, adultos e velhos de uma geração pratica a injustiça, os que andam com Deus vivem e ensinam a justiça:

Ø Quem anda com Deus não tem medo de fazer o certo quando todos fazem o errado.

Ø Quem anda com Deus não desiste de proclamar a justiça mesmo que não vê resultados.

Ø Quem anda com Deus transmite a justiça não apenas com palavras, mas com a vida e as atitudes.

Como a injustiça domina nossa geração é preciso ser como Noé: viver e falar sobre justiça, principalmente a justiça de Deus encontrada na Bíblia.

II. ANDAR COM DEUS IMPLICA EM SER ÍNTEGRO EM MEIO À CORRUPÇÃO MORAL, SOCIAL E ESPIRITUAL:

Há muitos justiceiros que não são íntegros, moralistas que não são morais. Noé era justo e íntegro.


- “Íntegro” significa fiel, verdadeiro, honesto e sincero diante de todos. Noé não era falso, não mentia e nem lograva as pessoas. Noé falava a verdade e vivia o que falava, ele era íntegro.

1. Enquanto toda a geração de Noé corrompia-se no pecado, a vida de Noé era íntegra, fiel e sincera diante de Deus e dos homens.

2. Enquanto toda a terra enchia de violência, o coração de Noé ousou permanecer firme na justiça de Deus.

3. Enquanto todas as pessoas corromperam seu caminho, Noé se destacou como homem justo e íntegro em suas gerações.

Ø Quem anda com Deus se destaca como o melhor elemento de uma geração corrupta.

Ø Quem anda com Deus não se deixa contaminar pela corrupção que infecta a vida e o coração das pessoas.

Ø Quem anda com Deus não se isola de todos, mas destaca-se no meio de todos pela integridade.

Integridade é não colar na prova quando todos estão colando; é devolver o dinheiro que o vendedor deu a mais na hora do troco; é falar a verdade, quando parece ser mais fácil mentir; é ser justo quando parece mais vantajoso ser injusto; é ser servo de Deus mesmo que ninguém esteja por perto.

III. ANDAR COM DEUS É POSSÍVEL UNICAMENTE PELA GRAÇA DE DEUS (Gênesis 6:8-9):

- Deus estava indignado com tanta maldade na época de Noé como está hoje. Por causa de o pecado ter impregnado o mundo todo, tudo que havia no mundo seria destruído. Porém, havia um que vivia em meio à maldade, imoralidade e injustiça e ainda permanecia justo e íntegro pela graça de Deus. É só pela graça que alguém, num mundo corrompido pelo pecado, pode andar com Deus.

1. Quando todas as pessoas haviam virado as costas a Deus, Noé andou com Deus.

2. Quando todas as pessoas de sua geração se afastaram de Deus, Noé mais e mais se aproximou Dele destacando-se da multidão.

3. Quando ninguém se importava com Deus, Noé ouviu de Deus um pedido para construir uma grande arca para se salvar de uma inundação mundial (Dilúvio).

Ø Andar com Deus é andar na contramão da maioria. É só pela graça!

Ø Andar com Deus é opor-se à pressão exercida pelos amigos dos prazeres mundanos. É só pela graça!

Ø Andar com Deus é dispor-se a seguir as instruções de Deus mesmo que todos critiquem. É só pela graça!

CONCLUSÃO E APELO:

1. Por andar com Deus, praticar a justiça e viver em integridade, Noé recebeu um plano de Deus para se salvar do Dilúvio – se você tivesse vivido naquele tempo você estaria do lado de Noé?

2. Por andar com Deus Noé teve forças para pregar e convidar as pessoas para entrar na arca, que era o único meio de salvar-se do dilúvio – você está disposto a ser como Noé em nossa geração para dizer às pessoas que Jesus é o único meio de libertar do pecado e da morte?

3. Por andar com Deus e obedecer as Suas orientações Noé tornou-se um grande herói e Deus o salvou do dilúvio com toda sua família – você quer andar com Deus desde agora para fazer a diferença em tua família, em tua escola, em teu bairro, em tua cidade em tua geração?

AUTOR E FONTE: Pr. Heber Toth Armí / http://portal-biblico.blogspot.com/search/label/SERM%C3%83O%20EXPOSITIVO





###################
####################
#####################


Curando Feridas




- Quanto mais vivemos longe de Jerusalém, mais corremos riscos de feridas profundas. Estas feridas visam nos matar.

- Satanás é o único interessado nisto. Essas feridas nos impedem de continuar caminhando, nos impedem de ter comunhão com a família e os amigos...

- A lei do Senhor é perfeita, e refrigera a alma; o testemunho do Senhor é fiel, e dá sabedoria aos simples. Salmos 119:7

I. O judeu e sua tradição semanal do Shabat

A introdução semanal deste ritual em nosso lar marca o fim das preocupações materiais e compromissos do cotidiano. Apenas ao término (com o completo anoitecer do sábado), o Shabat terá exercido a influência desejada sobre cada um: curará feridas, aliviará preocupações e dará maior vitalidade para enfrentar a próxima semana. O ciclo se repetirá, assegurando à nós uma maior qualidade de vida, física e espiritual.” AS FERIDAS SÃO SETAS MALIGNAS

II. Acompanhe a passagem de Lucas 10 (vs 30-34):
'Jesus, prosseguindo, disse: Um homem descia de Jerusalém a Jericó, e caiu nas mãos de salteadores, os quais o despojaram e espancando-o, se retiraram, deixando-o meio morto.'
(vs 30)

- Passamos a correr muitos perigos quando deixamos Jerusalém, que representa o lugar da adoração. Esta é a razão verdadeira das feridas em nós.

- Jericó, por sua vez, quer dizer “sua Lua, sua doce fragrância" – ENCANTAMENTO/ATRAÇÃO
'31 Casualmente, descia pelo mesmo caminho certo sacerdote; e vendo-o, passou de largo. 32 De igual modo também um levita chegou naquele lugar, viu-o, e passou de largo.' Lucas 10.31-32

- Um sacerdote ou um levita, fazendo este caminho, se tornará insensível às feridas dos outros.

'Mas um samaritano, que ia de viagem, chegou perto dele e, vendo-o, encheu-se de compaixão;' Lucas 10.33

- A palavra usada no original para designar compaixão é splagchnizomai – o mesmo sentimento de Jesus quando via as multidões. – Spleen sympatheric

'e aproximando-se, atou-lhe as feridas, deitando nelas azeite e vinho; e pondo-o sobre a sua cavalgadura, levou-o para uma estalagem e cuidou dele.' Lucas 10.34

- AZEITE – Presença do Espírito Santo
- VINHO – Alegria verdadeira que flui do Senhor
- ESTALAGEM – Lugar de descanso, cuidado - IGREJA/COMUNHÃO/CORPO DE CRISTO

'No dia seguinte tirou dois denários, deu-os ao hospedeiro e disse-lhe: Cuida dele; e tudo o que gastares a mais, eu to pagarei quando voltar.' Lucas 10.35

Dois diasAlusão aos dois mil anos, ou dois primeiros estágios desta era da graça. Ele voltaria no terceiro dia, o milênio.

- Quanto mais vivemos longe de Jerusalém, mais corremos riscos de feridas profundas
Estas feridas visam nos matar – Satanás é o único interessado nisto.
Estas feridas nos impedem de continuar caminhando.
Estas feridas nos impedem de ter comunhão com os da família e amigos.

III. Mas Jesus é o dono da estalagem - I Pedro 2:21 a 25


'21 Porque para isso fostes chamados, porquanto também Cristo padeceu por vós, deixando-vos exemplo, para que sigais as suas pisadas. 22 Ele não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano; 23 sendo injuriado, não injuriava, e quando padecia não ameaçava, mas entregava-se naquele que julga justamente; 24 levando ele mesmo os nossos pecados em seu corpo sobre o madeiro, para que mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados. 25 Porque éreis desgarrados, como ovelhas; mas agora tendes voltado ao Pastor e Bispo das vossas almas.'

- Voltando a Jesus – Adoração, comunhão, Palavra, Igreja/Corpo de Cristo!
- Quais são as minhas feridas?

- Quanta coisa tenho sido impedido de realizar, prosseguir, por causa das feridas.

- Que caminho tenho tomado, para sofrer tantas feridas?

O que fazer para tomar o caminho de volta a Jerusalém, fugindo dos perfumes, atrações de Jericó e seu comércio?


Autor: Pr. Sóstenes Mendes






+++++++++++

++++++++++++

+++++++++++++