domingo, 31 de julho de 2011



INTIMIDADE
NA ADORAÇÃO




INTRODUÇÃO

- Trata-se de um tema extremamente popularizado no meio evangélico em todo o mundo, requer no entanto, um reflexão mais aprofundada a fim de percebermos em que direção estamos levando a adoração a Deus.

- Nesta mensagem abordaremos o assunto em tres aspectos:

Primeiro, uma reflexão sobre o que tem sido a intimidade na adoração em nossos dias.

Segundo, o que a bíblia ensina sobre a intimidade na adoração.

Terceiro, e por último, as lições que aprendemos com estas reflexões.

I – UMA REFLEXÃO SOBRE O QUE TEM SIDO A INTIMIDADE NA ADORAÇÃO.

Quando observamos a intimidade na adoração ensinada e praticada em nossos dias, percebemos três problemas.

1. O Problema de Conteúdo
“Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos”
(Jo 4.22)

- Percebemos que muito da intimidade na adoração que se prega hoje, encontra-se reduzido a meros sentimentos, rápidos momentos litúrgicos e pouco conhecimento daquile que se adora.

2. O Problema de Relacionamento

“Este povo se aproxima de mim com a sua boca e me honra com os seus lábios, mas o seu coração está longe de mim” (Mt 15.8).

- Observe o que o próprio Adorado falou sobre a adoração que lhe era dada, “aproxima de mim com a sua boca”, era algo discursivo, verborréico, mas desprovido de verdade.
- É possível interpretar um papel bíblico sem, no entanto crer nas verdades que interpreta.

3. O Problema de Autoridade

“E tu, Cafarnaum, que te ergues até aos céus, serás abatida até aos infernos; porque, se em Sodoma tivessem sido feitos os prodígios que em ti se operaram, teria ela permanecido até hoje” (Mt 11.23).

- A cidade de Cafarnaum foi a cidade que maior intimidade desfrutou no ministério público com Jesus, vendo milagres que converteriam até as piores cidades, entretando, tal convivênvia produziu certa vaidade e profundo orgulho que condenou Cafarnaum como cidade impenitente.

II – O QUE A BÍBLIA ENSINA SOBRE A INTIMIDADE NA ADORAÇÃO.

- Adoração segundo a bíblia tem significados bem mais profundos do que usualmente percebemos naquilo que se pratica e se chama de adoração.

Vejamos as principais lições bíblicas sobre adoração.

1. A INTIMIDADE NA ADORAÇÃO TRANSFORMA O ADORADOR.
“Mas todos nós, com rosto descoberto (intimidade), refletindo como um espelho a glória do Senhor (adorando), somos transformados(transformação) de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor”
(2 Co 3.18).

2. A INTIMIDADE NA ADORAÇÃO TEM CONTEÚDO
“Ó SENHOR Deus de Abraão, de Isaque e de Israel” (1 Re 18.36)

3. A INTIMIDADE NA ADORAÇÃO É EXTENSÃO DE VIDA
“Aquele que me curou, ele próprio disse: Toma o teu leito, e anda” (Jo 5.11).

4. A INTIMIDADE NA ADORAÇÃO INDEPENDE DAS CIRCUNSTÂNCIAS
“E, perto da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, e os outros presos os escutavam” (At 16.25).

III – CONCLUSÕES ADVINDAS DA REFLEXÃO.

- Que conteúdo você estará levando hoje.

- Que mudanças Deus está fazendo em sua vida hoje.







FONTE: http://www.mibs12.com.br/portal20/index.php?option=com_content&view=article&id=214:intimidade-na-adoracao&catid=82:adoracao&Itemid=103


######################
#####################
###################
#################



Preocupação

Filipenses 4:6
Não se preocupem com nada, mas em todas as orações peçam a Deus o que vocês precisam e orem sempre com o coração agradecido.




- Dois empresários estavam conversando sobre dificuldades econômicas. Jack disse: "Estou quase a perder o meu negócio e a nossa casa está hipotecada; mas isto não me preocupa". Bob, seu amigo, perguntou: "Como você pode não estar preocupado?"
Jack respondeu: "Contratei um preocupador profissional. Ele se preocupa em meu lugar. Por isso, eu não tenho que pensar nisso!" Bob replicou: "Mas é uma idéia fantástica! Quanto custa contratar um preocupador profissional?" "US$ 50.000 por ano", respondeu Jack. "US$ 50.000! E onde você vai arrumar tanto dinheiro?" Jack respondeu: "Eu não sei. Essa preocupação é dele!"

- Preocupar-se é algo que você aprendeu. Não existe o "preocupado de nascença".

- Preocupação é a resposta às circunstâncias da vida, fruto de um aprendizado.

Você aprendeu a se preocupar a partir de duas fontes:

1 - Através da experiência.

- Após anos de enganos, fracassos e expectativas frustradas, você descobriu que nem sempre as coisas caminham como se espera. A partir destas experiências, você adquiriu o hábito de preocupar-se.

2 - Através de exemplos.

- Existem muitos exemplos à sua volta.

- Estudos mostram que as crianças acostumam captar as preocupações de seus pais. Pais ansiosos geram crianças ansiosas.

- Preocupação pode ser desaprendida. A boa notícia é que, uma vez que a preocupação é fruto de um aprendizado e uma resposta às circunstâncias da vida, ela pode ser desaprendida!

- Para se vencer a preocupação é importante tomar consciência de que ela é inútil. Preocupar-se é deixar-se "cozinhar em banho-maria".

- A preocupação não pode alterar o passado. Não tem poder para controlar o futuro. Apenas faz com que você se sinta miserável hoje.

- Preocupação jamais resolveu um problema ou pagou uma conta. Nunca curou uma doença. Ela apenas o paralisa, impedindo-o de trabalhar para encontrar sua solução.

- A preocupação é como o motor de um carro de corrida em ponto neutro, ele não o leva a lugar nenhum, apenas consome combustível. "A ansiedade no coração deixa o homem abatido" (Provérbios 12,25).

- Preocupação exagera o problema. Ela joga com a imaginação. Você já notou que quando se preocupa acerca de um problema ele se avoluma? A cada vez que você o repete em sua mente, a tendência é acrescentar-lhe detalhes, amplificá-lo, o que faz que você se sinta cada vez pior.

Qual a solução?

- Preocupar significa se ocupar com antecedência. Jesus compartilha com esta visão. Ao abordar o assunto no evangelho de Mateus capítulo seis, Ele declarada uma frase conhecida, “buscai, pois’, em primeiro lugar o Reino de Deus e sua justiça e tudo o mais será acrescentado Mt 6:33”. E disse mais; Mateus 6:34 Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal.


- Este é um grande ensinamento, basta a cada dia seu próprio mal, já tenho minhas ocupações hoje e não preciso antecipar as de amanhã.

- Hoje se diz o mesmo de maneira diferente; viva um dia de cada vez! Muitos não valorizam palavras motivacionais como estas, todavia há pessoas que se suicidam diante de certos problemas e outras que dão a volta por cima e resolvem seus problemas.

- Qual é o diferencial de uma e outra pessoa? Muitas podem ser as respostas, mas uma delas é a cosmo-visão, a maneira de ver o mundo.

- Se você tem visto o mundo sob um prisma negativo em meio a preocupações, tente mudar sua cosmovisão.

Veja as várias maneiras de ver o mundo:

- Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia-noite.

- Minha função é escolher que tipo de dia que vou ter hoje.

- Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a rua.

- Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício.

- Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo.

- Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido.

- Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho.

- Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus por ter um teto que abrigue minha família e meus pertences.

- Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade fazer novas amizades.

- Se as coisas não saíram como planejei, posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar.

- O dia está à minha frente, esperando para ser o que eu quiser.
E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma ao meu dia e ao meu mundo.

Aplicação.

- Tenha foco na solução e não no problema. Viva um dia de cada vez. Olhe para perto de você. Ninguém agrada a todos. Problemas acontecem, sempre é possível recomeçar. Deus tem um projeto de vitória para você

- Se você gastasse tanto tempo orando, quanto gasta se preocupando, teria muito menos com que se preocupar

- Martinho Lutero disse: quando tenho poucas coisas para fazer oro uma ora por dia na madrugada que antecede, porém se tenho muito que fazer oro duas oras por dia.

- Fale com Deus sobre o que o está preocupando. Ele pode fazer algo em relação ao motivo da sua preocupação.



"Não se aflijam com nada; ao invés disso, orem a respeito de tudo; contem a Deus as necessidades de vocês, e não se esqueçam de agradecer-lhe Suas respostas. Se fizerem isto, vocês terão experiência do que é a paz de Deus, que é muito mais maravilhosa do que a mente humana pode compreender. Sua paz conservará a mente e o coração de vocês na calma e tranqüilidade, à medida que vocês confiam em Cristo Jesus" (Filipenses 4:4-7.



AUTOR: Vanderlei Cardoso, pastor.
FONTE: http://www.redeapostolica.com.br/Estudos/cura_interior/Preocupacao/






+++++++++++++++++++

+++++++++++++++++

+++++++++++++++

+++++++++++++

+++++++++++