quarta-feira, 31 de agosto de 2011



COMENDO NA
MESA DO REI

II Sm.9:1


- Quem já recebeu um convite para sentar-se e comer na mesa de uma grande autoridade?

- A mesa é um lugar privativo, exclusiva para alguém da família e convidados ilustres. JESUS sentou-se a mesa ladeada pelos seus 12 apóstolos.

- O rei Davi faz um convite irrecusável a um jovem chamado MEFIBOSETE, filho de um grande amigo, o qual morrera no campo de batalha, antes, porém ambos tinham feito uma aliança perpetua em que nem mesmo a morte romperia os vínculos familiares. Davi convida o filho de o seu amigo comer na sua mesa todos os dias.

+ Quais as Três Maravilhosas PROMESSAS de Davi a Mefibosete?

I. DAVI USARIA DE BONDADE PARA COM MEFIBOSETE POR AMOR A JÔNATAS

1. Davi havia feito uma Aliança com Jônatas – A Bíblia diz que “Jonatas o amava com a sua própria alma” - Sm.18:3;

2. É saudável fazer amizade e conservá-la;

3. Mefibosete era filho de um grande amigo de Davi com o qual Davi pretendia firmar uma Aliança inarredável;

4. DEUS fez uma Aliança Inarredável com o homem pecador por intermédio do Seu Filho JESUS! – João 3:16;

5. DEUS usa de Bondade para com o pecador pelos Méritos de JESUS – “DEUS prova o seu amor para conosco em que CRISTO morreu por nós, sendo nós ainda pecadores” – Rm. 5:8;

6. Como DEUS usa de Bondade para o Pecador?

· Fazendo dele Um filho – Jo.1:12;

· Fazendo dele Herdeiro de DEUS – Rm.8:17 – “E, se somos filhos, somos , logo, herdeiros também, herdeiros de DEUS e co-herdeiros de CRISTO; se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados”;

7. Você poderá se torna na noite de hoje Herdeiro de uma grande Herança;

8. Torne-se um filho de DEUS!

+ Qual a 2° Maravilhosa Promessa de Davi a Mefibosete?

II. DAVI PROMETEU RESTITUIR A HERANÇA QUE PERTENCIA A MEFIBOSETE

1. Disse Davi a Mefibosete – “Te restituirei todas as terras de Saul, teu pai...” – II Sm.9:7b;

2. Disse Davi a Ziba – “Tudo o que pertencia a Saul e de toda a sua casa tenho dado ao filho de teu senhor” – II Sm.9:9;

3. Esta PROMESSA Profética é pra você nesta noite;

4. O que você tem Perdido digo durante semanas, meses e anos e deseja que DEUS Restitua?

5. A Promessa de DEUS a Mefibosete foi esta: “Te restituirei...”;

6. DEUS quer Restituir tudo que você perdeu:

· Seu Namoro;
· Seu Casamento;
· Sua Paz Interior;
· Seus Bens Materiais;
· Sua Alegria Espiritual;
· Sua Felicidade;
· Seu Retorno a Igreja;
· Sua Liderança de um Pequeno Grupo;
· Sua Auto-baixa Estima;

7. Se Você acredita nisto diga Amém!

+ - Qual a 3° Maravilhosa Promessa de Davi a Mefibosete?

III. É QUE MEFIBOSETE SERIA HÓSPEDE PERMANENTE NA MESA DO REI

1. Disse o rei Davi a Mefibosete – “E tu de continuo comeras pão na minha mesa” – II Sm.9:7b;

2. Mefibosete a parti daquele Momento:

· Comeria TODOS os Dias na Mesa do Rei - A Convite do Próprio Rei – II Sm.9:7b;

· Que HONRA!

· Que PRIVILÉGIO!

3. Que disse Mefibosete ao Receber o Convite do rei? – “Quem é teu servo, para tu teres olhado para um cão morto tal como eu?” – II Sm.9:8;

4. MEFIBOSETE:

· Achava-se INDIGNO de comer na Mesa do rei;

· Via-se como um CÃO Sarnento digno de morte;

· Encontrava-se numa BAIXO-AUTO ESTIMA;

5. Na Verdade nem VOCÊ nem EU somos dignos de Comer na MESA do Rei JESUS;

6. Porém Ele Olha para nós com Misericórdia e nos Convida para um Banquete Real - “Eis que estou a porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e com ele cearei, e ele, comigo” – Apc.3:30;

CONCLUSÃO:

1. Meu Nobre Visitante DEUS fará Três Promessas Maravilhosas para VOCÊ nesta noite:

1° - ELE Usará de Misericórdia para com você por amor a JESUS;

2° - ELE Restituirá o que é seu por Direito;

3° - ELE fará de você um Hospede Permanente para Comer em sua Mesa;

2. Você quer agora mesmo que DEUS Restitua o que Você Perdeu?

3. Você quer Comer na Mesa do Rei?

4. Então feche seus olhos e ore comigo silenciosamente;

ORAÇÃO:

SENHOR JESUS reconheço que não sou digno das tuas Misericórdias, nem de receber a Herança celestial que tu nos tens preparado para aqueles que te amam, muito menos de Assentar a mesa para cear contigo, porém eu abro a porta do meu Coração para que Tu entres na minha vida e tenha morada eterna. Eu te Confesso agora como meu Salvador e Senhor da minha Vida.



Floriano, 14 de junho de 2011 – maf – dedica ao irmão PAULO HENRIQUE com muita estima.

AUTOR E FONTE:
Escrito por Pr. Manoel Antonio de Freitas / http://batistasfloriano.org/principal/index.php?option=com_content&view=article&id=466:comendo-na-mesa-do-rei&catid=40:sermoes&Itemid=69







+++++++++++
++++++++++++
+++++++++++++
++++++++++++++++



FALA SENHOR

Heb.1:1 e 2





+ De que Maneira DEUS nos Fala?



DEUS nos Fala de varias Maneiras:

I. DEUS NOS FALA POR INTERMÉDIO DA SUA PALAVRA

1. Por Intermédio da Bíblia Sagrada – Disse o salmista – “A exposição das tuas palavras dá luz e dá entendimento aos simples” – Sal.119:130

· “Desvenda os meus olhos, para que veja as maravilhas da tua lei” – Sal.119:18;

2. O salmista Confessou sua Intimidade com DEUS e com Sua Palavra ao dizer: “Oh! Quanto amo a tua lei! É a minha meditação em todo o dia!” – Sal.119:97;

· “Sou mais prudente que os velhos, porque guardo os teus preceitos” – Sal.119:100;

IL. Disse o Rev. Havner Vence – “A Bíblia é uma janela de esperança através da qual contemplamos a eternidade”

II. DEUS NOS FALA ATRAVÉS DO SERMÃO

1. A Multidão após ouvir o Sermão pregado por Pedro interrogou: “Que faremos varões irmãos? E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de JESUS CRISTO para perdão dos vossos pecados, e recebereis o dom do ESPIRITO SANTO” – At.2:37 e 38;

2. Eis os Frutos deste Sermão: “De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e, naquele dia, agregaram-se quase três mil almas” – At.2:41;

IL. Em abril de 1971 ouvir sermão cujo tema não esqueci até hoje: SAUDADE DO CÉU, pregado pelo Pr. Adésio Chede, sermão inesquecível, arrebatador.

3. E você amigo e irmão, qual o sermão que lhe tocou profundamente o qual você não esquece até hoje?

4. Creio que DEUS está lhe tocando por meio deste Sermão, Fala Senhor!

III. DEUS NOS FALA ATRAVÉS DO SEU ESPÍRITO

1. Isso por que:

· Ele GUIA em toda Verdade“Mas, quando vier aquele ESPÍRITO de verdade, ele vos guiará em toda a verdade, porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido vos anunciará o que há de vir” – Jo.16:13;

· Ele CONVENCE o Pecador“E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo” – Jo.16:8;

· Ele SONDA“...porque o ESPÍRITO penetra todas as coisas, ainda as profundezas de DEUS... Assim também ninguém sabe as coisas de DEUS, senão o ESPÍRITO DE DEUS” – I Cor.2:10 e 11;

· Ele HABITA no Coração do Crente“Ou não sabeis que o vosso corpo é templo do ESPIRITO SANTO, que habita em vós, proveniente de DEUS, e que não sois de vós mesmos?” – I Cor.6:19;

IL. Disse Eleonor L. Doen – “Construir Templo é mais difícil que ser Templo do ESPÍRITO SANTO”

· Ele FALA ao Pecador“Quem tem ouvidos ouça o que o ESPÍRITO diz às igrejas: Ao que vencer, dar-lhe-ei de comer da arvore da vida que está no meio do paraíso de DEUS” – Apc.2:7;

2. Creio que DEUS está lhe falando pelo Seu ESPÍRITO;

IL. Li a historia de um JOVEM que movido por uma experiência desesperadora adentrou numa igreja, a qual nunca tinha entrado antes, sentou-se e atentamente acompanhava todo o culto. O pregador assomou a plataforma, olhou o santuário que estava literalmente cheio e numa inspiração divina trouxe um poderoso sermão subordinado ao tema: COMO ESCAPAREMOS NÓS. Enquanto ele pregava o jovem sentiu-se incomodado, inquieto, pois tudo quanto ele falava tinha a ver com sua vida. O jovem se perguntava como isso é possível; ele não me conhece, eu nunca estive aqui! O Convite a salvação é feito e aquele jovem com os olhos cheios de lagrimas vai à frente confessando JESUS como seu Salvador.

DEUS falou aquele Jovem por intermédio do Seu ESPIRITO!

IV. DEUS NOS FALA ATRAVÉS DO SEU FILHO JESUS

1. Seu Filho JESUS:

· Que Habitou entre Nós“O Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos a sua gloria, como a gloria do Unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade” – Jo.1:14;

· Que Vimos Sua Gloria Quando:

* - Curava;

* - Ressuscitava;

* - Salvava o pecador;

· Quando se Identificou como o Único Caminho – Jo.14:6;

IL. Estava um velho sentado no muro de pedra, em frente à Casa Branca, nos EUA, nos tenebrosos dias da Guerra Civil. Lagrimas lhe deslizavam pelas faces. As mãos, calejadas e tremulas enxugava os olhos. Passou um menino a correr, tangendo um arco. Ao avistar o velhinho, parou e perguntou o motivo de sua tristeza. Disse o velhinho – “Não querem deixar-me entrar, para ver o presidente, meu filho vai ser fuzilado! O Presidente Lincoln é o único capaz de salva-lo”. Disse o menino: “Vou levá-lo para dentro, eles não podem impedir que eu entre. O senhor venha comigo!” O velho e o pequeno Tad entraram, passando corajosamente diante de carrancudos guardas, até a presença daquele que, só, poderia salvar o filho.

V. DEUS NOS FALA TAMBÉM ATRAVÉS DO SOFRIMENTO

1. Foi assim com:

· O Paralitico de Cafarnaum“Levanta-te, e toma a tua cama, e vai para tua casa” – Mc.2;11;

· A Mulher do Fluxo de Sangue – Doze anos enferma - “Tem bom animo filha, a tua fé te salvo; vai em paz” – Lc.8:48;

· Filha de Jairo“Não choreis, não está morta, mas dorme... pegando-lhe na mão, clamou dizendo: Levanta-te menina!” Lc.8:52 e 54;

2. Talvez DEUS esteja lhe Falando neste Exato Momento Através;

· Da Dor;

· De Choro;

· De uma Crise Financeira;

· De uma Decepção na Vida;

· De uma Enfermidade;

· De uma Perda;

IL. Lembre-se: “Os raios de esperança chegam sempre através dos nevoeiros” – Vasconcelos Jr.

3. Peça pra DEUS: F A L A S E N H O R!

F A L A C O M I G O!

4. Estou pronto para ACATAR Tua Voz!


AUTOR E FONTE: Escrito por Pr. Manoel Antonio de Freitas / http://batistasfloriano.org/principal/index.php?option=com_content&view=article&id=474:fala-senhor&catid=40:sermoes&Itemid=69





===
=====
========
===========
==============
==================
======================
=======================

terça-feira, 30 de agosto de 2011



As Características
das Promessas de Deus

Todos estes morreram na fé, sem terem recebido as promessas; mas vendo-as de longe, e crendo-as e abraçando-as, confessaram que eram estrangeiros e peregrinos na terra - Hebreus 11.13.

Os quais pela fé venceram reinos, praticaram a justiça, alcançaram promessas, fecharam as bocas dos leões... - Hebreus 11.33.




I. TODAS AS PROMESSAS TÊM NELE "O SIM"

"Pois todas quantas forem as promessas de Deus, nele está o sim; portanto é por ele o amém..." - 2 Coríntios 1.20.

1. As promessas de Deus estão fundamentadas no caráter do próprio Deus;

2. Ele jurou por si mesmo que cumpriria todas as suas promessas - Hb 6.16,16;

3. Deixar de cumprir uma promessa, para Deus, seria como se Ele pudesse negar a Si mesmo, o que Ele jamais o fará.

II. TODAS AS PROMESSAS DE DEUS SERÃO CUMPRIDAS NO KAYRÓS

Kairos (καιρός) é uma antiga palavra grega que significa "o momento certo" ou "oportuno".

- Os gregos antigos tinham duas palavras para o tempo: chronos e kairos.

- Enquanto o primeiro refere-se ao tempo cronológico, ou sequencial, esse último é um momento indeterminado no tempo em que algo especial acontece.

- É usada também emteologia para descrever a forma qualitativa do tempo, o "tempo de Deus", enquanto chronos é de natureza quantitativa, o "tempo dos homens".

1. No Versículo 13 e no 33 de Hebreus 11, citados no início deste sermão, diz que:

a) Não alcançaram, mas viram de longe

b) Creram, abraçaram e confessaram...

2. A verdadeira fé não se baseia no que está ao alcance dos olhos

a) Exemplos: Moisés e Davi

3. Quem confia no Senhor sabe que mesmo que venha a morrer, Deus cumprirá suas promessas, no tempo dEle -

"Ainda que ele me mate, nele esperarei; contudo os meus caminhos defenderei diante dele" - Jó 13.15

III. AS PROMESSAS DE DEUS SE TORNAM UMA HERANÇA PARA A FAMÍLIA

"Para que vos não façais negligentes, mas sejais imitadores dos que pela fé e paciência herdam as promessas". - Hebreus 6.12

1. A promessa feita para um pai alcança, por herança aos seus filhos - Hb 11.9;

2.Quem se enquadra no perfil, ou quem faz jus, quem permanece, se torna herdeiro - 2 Co 7.1

3. Somos uma geração que desfruta das promessas de Deus feitas aos pais da igreja no início do século passado.


Em Cristo, Pb. Sandoval Juliano.






+++++++++
+++++++++++
++++++++++++++
++++++++++++++++
++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++
+++++++++++++++++++++++




AS 03 PROPOSTAS
DE ACABE
PARA NABOTE


I Rs 21.1 - E SUCEDEU depois destas coisas que, Nabote, o jizreelita, tinha uma vinha em Jizreel junto ao palácio de Acabe, rei de Samaria.

1 Rs 21:2 - Então Acabe falou a Nabote, dizendo: Dá-me a tua vinha, para que me sirva de horta, pois está vizinha ao lado da minha casa; e te darei por ela outra vinha melhor: ou, se for do teu agrado, dar-te-ei o seu valor em dinheiro.

1 Rs 21:3 - Porém Nabote disse a Acabe: Guarde-me o SENHOR de que eu te dê a herança de meus pais.




1ª PROPOSTA DE ACABE:

I. DÁ-ME TUA VINHA PARA QUE A TRANSFORME EM HORTA

1. Ao longo das Escrituras, a vinha sempre foi utilizada por Deus como figura de linguagem para representar a obra e o Reino de Deus;

a. Isaías 5:1 - "AGORA cantarei ao meu amado o cântico do meu querido a respeito da sua vinha. O meu amado tem uma vinha num outeiro fértil".

b. Isaías 5:7 - "Porque a vinha do SENHOR dos Exércitos é a casa de Israel, e os homens de Judá são a planta das suas delícias; e esperou que exercesse juízo, e eis aqui opressão; justiça, e eis aqui clamor".

c. Mateus 20:1 - "PORQUE o reino dos céus é semelhante a um homem, pai de família, que saiu de madrugada a assalariar trabalhadores para a sua vinha".

2. No Novo Testamento, Deus é chamado de "O Senhor da vinha" - Mateus 20.8 - "E, aproximando-se a noite, diz o senhor da vinha ao seu mordomo: Chama os trabalhadores, e paga-lhes o jornal, começando pelos derradeiros, até aos primeiros".

3. Vinha, na Bíblia é sinônimo de lavoura, de plantação, de seara, de ministério, de obra, de realização. Fala daquilo que o Senhor colocou em nossas mãos para fazermos;

4. O diabo quer transformar a igreja em horta!

a. Existem igrejas hoje que não parecem mais vinha do Senhor, mas parecem-se mais com a horta de Acabe.

5. O obreiro deve defender a vinha do Senhor que lhe foi dada por herança, mesmo que isto lhe custe a vida.

2ª PROPOSTA DE ACABE:

II. TE DAREI POR ELA OUTRA VINHA MELHOR

1. O inimigo tem propostas, aparentemente, mais rentáveis para o obreiro do Senhor;

2. Quantos obreiros têm deixado de cuidar da vinha do Senhor para cuidar de empresas, para cuidar de projetos políticos, para cuidar de associações, de Conselhos disto ou daquilo;

3. "... Simão, filho de Jonas, amas-me?... - Apascenta as minhas ovelhas" - João 21.16;

4. O Senhor não te chamou para cuidar de outras vinhas. Por mais interessante que seja o projeto e por mais parecido que seja com a vinha do Senhor, não vale à pena!;

5. O inimigo fará tudo o que for preciso para te ver fora do projeto de Deus para tua vida!

3ª PROPOSTA DE ACABE:

III. SE FOR DO TEU AGRADO, DAR-TE-EI O SEU VALOR EM DINHERO

1. Veja que Acabe tem argumentos convicentes. Ele melhora cada vez mais a proposta;

2. Se você não aceita sua vinha ser transformada em horta; Se você não troca a sua vinha por outra melhor, então venda-a;

3. Quanto vale o teu chamado? Quanto vale a vinha do Senhor que está sob tua responsabilidade?



Obs: Esta mensagem foi pregada pelo Pr. Lázaro Filho na congregação da QNQ 02, por ocasião da confraternização das irmãs e dos varões no mês de novembro de 2009.

Fonte: http://www.sandovaljuliano.com.br/site/estudos-biblicos/22-esbocos-de-sermoes/324-as-03-propostas-de-acabe-para-nabote






==================
=================
================
===============
==============
=============
============










quinta-feira, 25 de agosto de 2011





ENQUANTO TIVER
VASOS TEM AZEITE


Texto: II Reis 4:6






Introdução:

- Quando Eliseu operou o milagre da multiplicação do azeite da viúva, ele pediu que se trouxessem muitos vasos vazios.

- Se fosse hoje, traríamos muitas panelas de alumínio, ou de ferro, mas, naquele tempo, eram vasos de barro.

- O azeite só parou de jorrar quando os vasos acabaram. Embora Deus pudesse agir de tantas maneiras, ele decidiu usar os vasos que estivessem disponíveis. Assim também, ele deseja nos encontrar à sua disposição para que milagres aconteçam.

- Deus busca homens e mulheres que sejam vasos de barro, portadores do precioso tesouro, da unção poderosa, do unguento supremo, do azeite da unção...

I. Características dos vasos que Deus usa.

1. Os vasos que Deus usa, são vasos comuns. Isaias 64:8

a. A mulher enviou seus filhos para buscar vasos emprestados

b. Se alguém te pede um vaso emprestado, você não empresta o melhor vaso, empresta o vaso comum.

c. Estes vasos não eram especiais, eram vasos comuns.

d. Deus não procura vasos especiais, Deus procura vasos comuns, para que a excelência do poder seja dele e não nosso.

2. Todos os vasos eram diferentes em sua forma, mas eram feitos do mesmo material. I Coríntios 12:14-17

a. Naquela época não havia maquinas para fazer vasos, por mais profissional que fosse o oleiro na arte de fazer vasos, jamais poderia fazer um vaso exatamente igual ao outro. O único que estes vasos tinham em comum é que eram feitos do mesmo material.

b. Da mesma maneira, você e eu, somos diferentes, não existe um ser humano exatamente igual ao outro.

c. Esta é a grandeza de Deus, que de milhões e milhões de pessoas que já nasceram não há nenhum exatamente igual ao outro, até os gêmeos idênticos sempre tem uma diferença, somos como flocos de neve, que não tem nenhum igual ao outro.

d. Por esta razão podemos formar o corpo de Cristo, todos nós somos diferentes, temos distintas funções, precisamos uns dos outros, mas somos feitos do mesmo material, barro.

e. Brancos, negros, amarelos, morenos, somos feitos do mesmo material, e pela mesma mão, e ninguém é melhor do que o outro.

f. Todos nós somos importantes, mas ninguém é indispensável, todos os órgãos do corpo são necessários, mas nenhum é indispensável. A não ser a cabeça. De todos os órgãos do corpo já se fazem transplante, o único que não tem como fazer transplante é o cérebro.

g. A cabeça é Cristo, nós, a igreja; somos o corpo, se não faltar a cabeça, o corpo pode continuar vivendo.

3. Deus procura vasos de barro para depositar o tesouro da unção. II Coríntios 4:7

a. Deus não procura vasos de ouro para depositar sua unção, Deus procura vasos de barro que sejam conscientes do que são e para que são. (propósito)

b. Deus quer depositar a unção sobre sua vida, não é necessário ser alguém especial, não é necessário ser alguém com muitas habilidades, só é necessário ser um vaso de barro, e disposto para que Deus te encha.

II. As causas porque o azeite deixa de fluir

1. Quando não tem mais vasos

a. Ou seja, quando não existem mais corações dispostos a buscar o Senhor, e serem cheios da sua presença.

b. Um avivamento acaba, quando os corações dispostos não são encontrados.

c. Acabaram se os vasos, então parou o azeite.

2. Quando abrimos as portas

a. Quando se abre as portas para o pecado, para as más atitudes, o azeite deixa de fluir.

b. Eliseu disse: “entra e fecha a porta...”.

3. Quando os vasos estão sujos

a. Deus não pode derramar algo santo em algo imundo, porque o que é santo não pode conviver com o que é profano.

b. É preciso limpar o vaso

c. Quando há pecado, não pode haver unção de Deus.

4. Quando os vasos estão trincados.

a. Quando existem feridas, falta de perdão, quando te fizeram algo e não perdoaste, a ferida está aí aberta, é necessário fechar a ferida, porque se não todo azeite sairá pelas rachaduras.

b. É preciso restaurar o vaso, para que Deus encha do seu azeite santo.

III. O que fazer quando o azeite deixa de fluir?

1. Ter um coração disposto para Deus

a. Quando acabaram os vasos, o azeite parou de fluir, seja um vaso de barro disposto para a honra e a glória de Deus, para que ele deposite seu tesouro em você, Deus procura vasos dispostos.

2. Feche toda a porta para o inimigo

a. O profeta Eliseu disse: “fecha a porta”, Paulo disse: “não deis lugar ao Diabo”.

b. Se algo te faz cair, foge, deixa, não permita que o Diabo tire vantagens em tua vida.

3. Permita que Deus limpe teu coração

a. Com arrependimento e com o sangue de Jesus, o qual é eficaz para limpar-nos de todo o pecado e de toda maldade.

4. Permita que Deus restaure o seu coração

a. Se tiveres que perdoar, perdoa, se não consegues, peça a ajuda de Deus.
b. Deixa que Deus restaure tua vida, sare tuas feridas e derrame o azeite em você.

5. Dê o primeiro lugar para Deus

a. Lembre-se da viúva que iria morrer de fome, pois só tinha um pouquinho de farinha e um pouquinho de azeite para fazer um bolo, Elias lhe disse: “faz primeiro para mim”, assim ela fez, e o azeite nunca mais parou de fluir.
Conclusão:

- Pode ser que o vaso não seja perfeito, que não seja especial, não importa.
O importante é que esteja disposto, que não abra a porta para o Diabo, que não esteja sujo com pecados, que não esteja trincado com magoas ressentimentos. Deus derramará o azeite e te usará para glória e honra do nome dele.


AUTOR: Pr. Aldenir Araújo

Leia mais http://opregadorfiel.blogspot.com/2011/08/enquanto-tiver-vasos-tem-azeite.html#ixzz1W2r9cbKT








====================
===================
==================
=================
================
===============


quarta-feira, 24 de agosto de 2011



CONSEQUÊNCIAS
POR RIDICULARIZAR
OS PAIS







INTRODUÇÃO:

Texto bíblico principal: Provérbios 30:17

1. Vivemos num século em que o desrespeito aos pais e aos seus conselhos é demasiadamente grande.

2. Vivemos em uma sociedade incomparável à qualquer geração, em que a maioria dos filhos desprezam a obediência aos seus pais.

3. Vivemos numa época em que os filhos são turbulentos, rebeldes e estúpidos com os pais. Portanto, é principalmente para a atualidade que mais se aplica os ensinamentos de Provérbios 30:17.

I. OS FILHOS QUE ZOMBAM DOS PAIS SERÃO ZOMBADOS PELA SOCIEDADE – Provérbios 30:17

- A palavra “zombar” significa menosprezar, ignorar e ridicularizar aos pais. Os pais desejam o melhor para seus filhos, enquanto estes, muitas vezes desejam o pior para seus pais. Eles serão zombados (Juízes 16:23-27).

1. Filhos rebeldes crêem que sabem mais que seus pais, por isso os ignoram como no caso de Sansão:

a) Sansão se apaixonou por uma mulher pagã, filistéia, que não amava a Deus; e, desejou-a para si (Juízes 14:1-2).

b) Sansão rejeitou firmemente o conselho de seus pais; ignorando-os, seguiu suas próprias paixões (Juízes 14:3).

c) Sansão, consequentemente, teve seus olhos furados e a vida arruinada, vindo a falecer antes que seus pais (Juízes 16:21, 29-31).

2. Filhos zombam dos pais quando lhes trazem tristezas, desgostos e problemas.

3. Filhos que zombam de seus pais terão um péssimo comportamento. E, por isso são rotulados de “mal criados” ou “mal educados” – uma referência negativa aos pais.

II. OS FILHOS QUE DESPREZAM A OBEDIÊNCIA À SUA MÃE SERÃO DESPREZADOS PELA SOCIEDADE – Provérbios 30:17

- A palavra “desprezar” neste versículo é o contrário de honrar (Êxodo 20:12).

- Desprezar é tratar com desprezo, considerar insignificante e sem valor aos pais; portanto, desprezar aos pais é desprezar ao mandamento de Deus e perder a bênção dEle.

1. A mãe que pede ajuda aos filhos e estes não lhe dá ouvidos, desprezam a obediência e sofrerão suas conseqüências.

2. A mãe que aconselha e orienta aos filhos que a ignoram, verá a ruína de sua descendência.

3. A mãe que tem filhos desobedientes, que não ouve suas sábias instruções, terá tristezas incalculáveis na vida.

III. OS FILHOS REBELDES TERÃO SEUS OLHOS ARRANCADOS E DEVORADOS – Provérbios 30:17

- Os “corvos” e “pintãos” da águia são metáforas ou símbolos do que podem destruir os filhos rebeldes e negligentes. Desta forma, honrar pai e mãe traz bênçãos; desprezá-los traz maldição.

1. Filhos desobedientes não têm sabedoria nem discernimento, pois são cegados pela paixão desenfreada da natureza pecaminosa.

2. Filhos desobedientes aos conselhos dos pais sofrem as conseqüências que Sansão sofreu fisicamente, psicologicamente e espiritualmente.

3. Filhos que se dirigem aos pais com grosseria, sarcasmo ou estupidez; ou, olham-nos com desprezo, raiva ou ódio serão destruídos pelos vícios, drogas ou cadeia por mau comportamento que terão na sociedade.

CONCLUSÃO:

1. Filhos que honram os pais seguem as sábias orientações para a vida, porém os filhos que os desonram sofrem as consequências.

2. Filhos que honram aos pais não acham exageradas as palavras bíblicas em Provérbios 30:17, mas os que desprezam seus pais perceberão que seu fim será ainda mais exagerado.

3. Filhos que honram os pais serão abençoados pelo Senhor com vida longa (Êxodo 20:12); entretanto, os desobedientes e rebeldes sofrerão em sua vida curta.

APELO:

Cuide de tuas atitudes na infância e na vida adulta; pois, segundo Aristóteles, “O nosso caráter é o resultado de nossa conduta”.


AUTOR: Pastor Heber Toth Armí
FONTE: http://portal-biblico.blogspot.com/2011/08/consequencias-por-ridicularizar-os-pais.html








###
#####
########
###########
###############
####################
######################



SERVIR A DEUS
PODE SER
DECEPCIONANTE




INTRODUÇÃO:

Texto bíblico principal: Malaquias 3:13-18

1. É possível servir a Deus de maneira errada e se chegar a decepcionar-se com Ele.

2. É possível ter uma visão distorcida de Deus e julgá-lO injusta e erroneamente.

3. É possível ver, mais cedo ou mais tarde, a grande diferença entre os que servem a Deus de coração e os que não servem.

I. QUANDO ANDAR COM DEUS É DECEPCIONANTE E MOTIVO DE RECLAMAÇÕES – Malaquias 3:13-14

1. Servir a Deus por interesses egoístas é inútil, sem nenhuma recompensa.

2. Guardar os mandamentos esperando bênçãos, fama e riquezas é ilusão e não traz nenhuma vantagem.

3. Morrer para o mundo esperando barganhar com Deus é errado e leva ao desapontamento.

II. QUANDO SE DECEPCIONA COM DEUS A PERCEPÇÃO FICA INVERTIDA – Malaquias 3:15

1. A decepção conduz à reclamação, a qual é uma visão negativa ou invertida de quem serve a Deus por interesses egoístas.

2. A decepção conduz à inveja, não dos bons, mas dos maus, soberbos e arrogantes. Os que dizem estar decepcionados com Deus estão, na verdade, decepcionados consigo mesmos.

3. A decepção conduz o interesseiro a afirmar que o certo é errado e o errado é certo, que o ímpio tem mais vantagens que os justos.

III. QUANDO MUITOS SE DECEPCIONAM COM DEUS AINDA RESTAM OS QUE O TEMEM – Malaquias 3:16

1. Os que temem a Deus tem o privilégio de falar com os que se decepcionaram com Deus, alertando-os.

2. Os que temem a Deus tem o privilégio de que certamente Deus ouve suas orações e súplicas neste mundo de injustiças.

3. Os que temem a Deus têm seus nomes gravados no memorial de Céu, para que no grande dia da volta de Jesus, sejam recolhidos pelos anjos (Mateus 24:30-31).

IV. QUANDO DEUS AGIR TODOS VERÃO A DIFERENÇA ENTRE OS ÍMPIOS E OS JUSTOS – Malaquias 3:17-18

1. Os que servem a Deus será possessão particular dEle quando for destruído o pecado, enquanto que os ímpios serão possessão do pecado (Malaquias 4:1)

2. Os que servem a Deus serão poupados como filhos nos braços divinos, mas os ímpios não terão ninguém por eles.

3. Os que servem a Deus e os que não servem verão, no fim, que vale a pena servir a Deus; mas para os ímpios será tarde demais.

CONCLUSÃO E APELO:

1. Não há tempo a perder, comece já a servir a Deus de todo coração, sem buscar vantagens. Não dê ouvidos aos decepcionados! Dê ouvidos a Deus!

2. Não há uma idade para começar a servir a Deus, comece hoje mesmo; pois verás que vale a pena.

3. Não há motivos para esperar acontecer alguma coisa para servir a Deus, o momento é agora; amanhã pode ser tarde demais.


AUTOR: Pr. Heber Toth Armí
FONTE: http://portal-biblico.blogspot.com/search/label/SERM%C3%83O%20EXPOSITIVO






==================
==================
===================
====================
=====================







segunda-feira, 22 de agosto de 2011



A SEGUNDA VINDA
DE JESUS – MARANATA!

Ap.1:7





Conta-se a historia de um homem muito rico, que após contratar um caseiro para cuidar de sua casa e de seu jardim, viajou, não dizendo quando retornaria; porém, pediu ao caseiro que cuidasse bem da casa e do jardim pois são sabia quando retornaria. Nos primeiros anos aquele caseiro recebia correspondência do patrão, quase que mensalmente, porém ao passar o tempo as correspondências foram diminuindo a ponte de não recebe-las mais. Por outro lado aquele caseiro, continuava zelando pelo patrimônio do patrão, e cuidando com desvelo do jardim todos os dias. - Um dia alguém aciona a campainha, aquele caseiro já idoso dirige-se ao portão e pergunta ao visitante: “Que deseja?” Aquele ilustre visitante filho do patrão disse: “Por favor deixe-me entrar nesta casa”. Ao entrar foi surpreendido com o zelo, os cuidados daquele caseiro, que cuidava do lustres, da casa e do jardim com uma singeleza profunda. Perguntou o filho do patrão: “Por que tanto zelo, tanto cuidado, quando já se passaram tantos anos do último contato com o meu pai?” – Respondeu o velho caseiro: “É verdade, já se passaram muitos anos desde o último contato, porém eu cuido, eu zelo esta casa e este jardim, todos os dias, como se eu tivesse a certeza que o meu patrão chegará amanhã”.

+ Chamo sua atenção para algumas perguntas:

I. É VERDADE QUE CRISTO VOLTARÁ?

1. É tão certo como foi a sua primeira vinda.

2. Existem mais de 300 referencias proféticas no NT sobre a Segunda Vinda.

· Em João 14:3 – “E quando eu for...voltarei e vos receberei para mim mesmo...”

· Em Ap.3:11 – “Venho sem demora”.

· Em Mt.24:30 – “Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem”.

3. Os Sinais Proféticos Apontam para este Advento.

· Em Dn.12:4 – “A ciência se multiplicará”- Vivemos o séc. da Cibernética, do Genoma Humano, das Buscas Cientificas.

· Em Mt.24:4,5 – “Falsos profetas” – O Ocultismo, o Espiritismo, o Satanismo, Esoterismo, etc.

· Em Mt.24:6,7 - “Guerras...fomes, pestes, terremotos”.

· Em Mt.24:12 – “O amor de muitos esfriará” – Na Família, na Sociedade, na Igreja.

4. É hora de está espiritualmente preparado.

II. POR QUE CRISTO VOLTARÁ?

1. Na sua Segunda Vinda ELE Vira:

· Como Rei Exaltado.

· Como Senhor dos Senhores.

· Como Juiz de toda a terra.

· Como Leão de Judá.

· Assentará no Trono.

· Julgará as Nações.

· Todo joelho se dobrará diante dEle.

2. ELE Julgará as Nações “E quando o Filho do Homem vier em sua glória, e todos os santos anjos, com ele, então, se assentará no trono da sua glória; e todas as nações serão reunidas diante dele, e apartará uns dos outros, como o pastor aparta dos bodes as ovelhas” Mt.25:31,32. Mt.25:31.

· ELE julgará os ímpios.

· ELE enviará seus anjos para recolher os ímpios e lança-los na fornalha de fogo ardente. “Apartai-vos de mim malditos...”

· Os que escaparem da justiça terrena não escapará da ira do Cordeiro.

3. ELE Julgará os Cristãos Nominais:

· Mt.7:21 a 23 – “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! Entrará no Reino dos céus... Muitos me dirão naquele Dia: Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome? E, em teu nome, não expulsamos demônios? E, em teu nome, não fizemos maravilhas? E, então, lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade”.

4. ELE Julgará as Forças Espirituais do Mal

· A Falsa Religião – Ap.18:2,20.

· O Anticristo – Ap.19:20.

· O Diabo – Ap.20:10.

5. ELE Julgará a Igreja – II Cor.5:10 – “Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de CRISTO”.

III. COMO CRISTO VOLTARÁ?

1. Voltará Visivelmente – Ap.1:7 – “Eis que vem nas nuvens, e todo olho o verá; até os mesmos que o transpassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre Ele”.

2. Voltará Gloriosamente – Mt.25:31 – “E, quando o Filho do Homem vier em sua glória...”

3. Voltará Repentinamente – Mt.24:27 – “Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do Homem”.

CONCLUSÃO:

1. Naquele Dia DEUS julgará os Segredos os Corações dos homens.

2. Os Livros serão abertos.
3. Não haverá defesa.
4. Não haverá desculpas.
5. Quem não estiver escrito no Livro da Vida será lançado no lago de fogo.

Il. Há se eu tivesse ouvido.


AUTOR: Escrito por Pr. Manoel Antonio de Freitas






#################
################
###############
##############

domingo, 21 de agosto de 2011



JESUS ESTÁ VOLTANDO
Mat.24:36





- Depois de ouvir um ministro pregar sobre a Segunda Vinda, a Rainha Vitória declarou: “Meu desejo é que ELE venha enquanto eu estiver viva, de modo que eu possa tomar minha coroa e deposita-la a Seus pés”. Cita Matthew Heny.

- Disse Willam Harrison – “A única esperança para um mundo de paz será a vinda de JESUS CRISTO”. Porém, quanto o ano, o mês, a semana, o dia, a hora, o segundo não sabemos; mas cremos que ELE está de volta.

+ Chamo sua atenção para algumas Perguntas Salutares:

I. É CERTO QUE CRISTO VOLTARÁ?

1. A Vinda de CRISTO é tão certa como foi a sua Primeira Vinda.

2. As profecias bíblicas sobre o nascimento, morte, ressurreição e ascensão de JESUS se cumpriram literalmente no tempo determinado por DEUS.

3. Existem mais de 300 referencias proféticas só no NT sobre a SEGUNDO VINDO.

· Em João 14:3 – “E quando eu for...virei outra vez e vos levarei para mim mesmo...”

· Em Mat.24:30 – “Então aparecerá no céu o sinal do Filho do Homem”.

· Em II Ped.3:10 – “Mas o dia do SENHOR virá como um ladrão de noite...”

· Em Ap.3:11 – “Venho sem demora”.

4. Os Sinais Proféticos Apontam este Advento:

· Em Dn.12:4 – “A Ciência se multiplicará” - O século da Cibernética, do computador, da energia genética, do genoma, da tecnociencia. Célula Tronco.

· Em Mat.24:4,5 – O Engano Religioso – O Ocultismo, Nova Era, o Misticismo, Fogos Estranhos pra todo o Lado, etc.

· Em Mat.24:6,7 – Guerras, Fomes, Pestes, Epidemias, Terremotos, etc.

· Em Mat.24:12 - Multiplicação da Iniqüidade – A Imoralidade, a Pornografia, a Maldade, a Violência.

· Em II Ts.2:3 – A Apostasia.

5. Os Sinais estão ai, basta averigua-los para ver que JESUS está Voltando.

II. POR QUE CRISTO VOLTARÁ?

1. Na sua Primeira Vinda CRISTO se Esvaziou:

· Nasceu humilde – berço de palha.

· Cresceu pobre.

· Veio como servo.

· Foi humilhado, cuspido, surrado, preso, traído, xingado e pregado na cruz.

2. Na Sua Segunda Vinda virá:

· Virá como Rei exaltado.

· Como Senhor dos Senhores.

· Como Juiz de toda a terra.

· Como Leão de Judá.

· Assentará no seu Trono.

· Julgará as Nações.

· Todo joelho se dobrará diante Dele.

3. Ele Julgará as Nações“E quando o Filho do Homem vier em sua gloria, e todos os santos anjos com Ele, então se assentará no trono da sua gloria”. Mt.25:31.

· ELE Julgará os Ímpios e dirá“Apartai-vos malditos para o fogão eterno, preparado para o diabo e seus anjos” – Mat.25:41.

· ELE Julgará os Cristãos Nominais:

(a) – Mat.7:21-23 - “SENHOR, SENHOR...”

(b) – Mat.25:11,12 – As Virgens loucas –

“SENHOR, abre-nos a parta...”

· ELE Julgará a Igreja – II Cor.5:10 – “Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de CRISTO”

(a) – CRISTO virá para galardoar os santos.

(b) – Virá para nos dar corpos glorificados.

(c) P R E P A R E M O – N O S!!!!!!!!!!!!!!

III. QUANDO CRISTO VOLTARÁ?

1. Não sabemos o dia nem a hora – Mt.24:36.

2. O que sabemos é que será de Surpresa – Mt.24:45-51; 25:1-13; 25:14-30.

IL. Perguntaram para JOÃO WESLEY – “O que o senhor gostaria de está fazendo quando CRISTO voltar? – Disse ele: - O que faça todos os dias”.

IV. COMO CRISTO VOLTARÁ?

1. Voltará Pessoalmente, fisicamente – At.1:11 – “Varões Galileus, por que estais olhando para o céu? Esse JESUS, que dentre vós foi recebido no céu, há de vir assim como o céu o vistes ir”.

2. Voltará Visivelmente – Ap. 1:7 – “Eis que vem com as nuvens e todo o olho o verá, até os mesmos que o trnaspassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim, Amém”.

3. Voltará Repentinamente – I Co.15:52 – “Num momento, num abrir e fechar de olhos”.

4. Voltará Gloriosamente – Mt.25:31 – “E quando o Filho do homem vier na sua gloria, e todos os santos anjos com Ele, então se assentará no trono da sua gloria”.

· Virá Acompanhado pelos anjos.

· A terra e o céu fugirão da sua presença.

· Diz a Bíblia que “Todos os povos da terra se lamentarão” - Mt.24:30.

CONCLUSÃO:

1. Naquele dia DEUS julgará o segredo do coração dos homens.

2. Os Livos serão abertos.

3. Não haverá defesa - Não haverá desculpas.

4. Quem não estiver no Livro da Vida será lançado no lago de fogo.

5. Mas para os Remidos será Dia de Gloria, de Coroação, de Recompensa, de Banquete – Dia Eterno com JESUS.

IL. A história do jardineiro – Um homem muito rico, após construir uma casa muito linda, viajou deixando a casa na responsabilidade de um jardineiro que deveria cuidar dos jardins todos os dias. Passaram-se semanas, meses e anos e o dono daquela casa não fazia qualquer contato com o jardineiro. Porém ele cuidava com desvelo. Muitos o criticavam pelos cuidados, pelo zelo que fazia, porém ele dizia: “Não sei o dia e a hora que vai chegar o meu patrão, porém ao chegar-lo, vai encontrar a casa arrumada e o jardim florido” .


Escrito por Pr. Manoel Antonio de Freitas






======================
=====================
====================
===================
==================










quinta-feira, 18 de agosto de 2011



A morte de
uma igreja




- As sete igrejas da Ásia Menor, conhecidas como as igrejas do Apocalipse, estão mortas. Restam apenas ruínas de um passado glorioso que se foi. As glórias daquele tempo distante estão cobertas de poeira e sepultadas debaixo de pesadas pedras.

- Hoje, nessa mesma região tem menos de 1% de cristãos. Diante disso, uma pergunta lateja em nossa mente: o que faz uma igreja morrer?

Quais são os sintomas da morte que ameaçam as igrejas ainda hoje?

1. A morte de uma igreja acontece quando ela se aparta da verdade.

- Algumas igrejas da Ásia Menor foram ameaçadas pelos falsos mestres e suas heresias. Foi o caso da igreja de Pérgamo e Tiatira que deram guarida à perniciosa doutrina de Balaão e se corromperam tanto na teologia como na ética.

- Uma igreja não tem antídoto para resistir a apostasia e a morte quando a verdade é abandonada.

- Temos visto esses sinais de morte em muitas igrejas na Europa, América do Norte e também no Brasil.

- Algumas denominações histórias capitularam-se tanto ao liberalismo como ao misticismo e abandonaram a sã doutrina. O resultado inevitável foi o esvaziamento dessas igrejas por um lado ou o seu crescimento numérico por outro, mas um crescimento sem compromisso com a verdade e com a santidade.

2. A morte de uma igreja acontece quando ela se mistura com o mundo.

- A igreja de Pérgamo estava dividida entre sua fidelidade a Cristo e seu apego ao mundo.

- A igreja de Tiatira estava tolerando a imoralidade sexual entre seus membros. Na igreja de Sardes não havia heresia nem perseguição, mas a maioria dos crentes estava com suas vestiduras contaminadas pelo pecado.

- Uma igreja que flerta com o mundo para amá-lo e conformar-se com ele não permanece. Seu candeeiro é apagado e removido.

3. A morte de uma igreja acontece quando ela não discerne sua decadência espiritual.

- A igreja de Sardes olhava-se no espelho e dava nota máxima para si mesma, dizendo ser uma igreja viva, enquanto aos olhos de Cristo já estava morta.

- A igreja de Laodicéia considerava-se rica e abastada, quando na verdade era pobre e miserável.

- O pior doente é aquele que não tem consciência de sua enfermidade.

- Uma igreja nunca está tão à beira da morte como quando se vangloria diante de Deus pelas suas pretensas virtudes.

4. A morte de uma igreja acontece quando ela não associa a doutrina com a vida.

- A igreja de Éfeso foi elogiada por Jesus pelo seu zelo doutrinário, mas foi repreendida por ter abandonado seu primeiro amor. Tinha doutrina, mas não vida; ortodoxia, mas não ortopraxia; teologia boa, mas não vida piedosa.

- Jesus ordenou a igreja a lembrar-se de onde tinha caído, a arrepender-se e a voltar à prática das primeiras obras.

- Se a doutrina é a base da vida, a vida precisa ser a expressão da doutrina. As duas coisas não podem viver separadas.

- Uma igreja viva tem doutrina e vida, ortodoxia e piedade.

5. A morte de uma igreja acontece quando falta-lhe perseverança no caminho da santidade.

- As igrejas de Esmirna e Filadélfia foram elogiadas pelo Senhor e não receberam nenhuma censura. Mas, num dado momento, nas dobras do futuro, essas igrejas também se afastaram da verdade e perderam sua relevância. Não basta começar bem, é preciso terminar bem.

- Falhamos, muitas vezes, em passar o bastão da verdade para a próxima geração.

- Um recente estudo revela que a terceira geração de uma igreja já não tem mais o mesmo fervor da primeira geração.

- É preciso não apenas começar a carreira, mas terminar a carreira e guardar a fé!

É tempo de pensarmos:

- como será nossa igreja nas próximas gerações?
- Que tipo de igreja deixaremos para nossos filhos e netos?
- Uma igreja viva ou igreja morta?






============
=============
===============
=================
====================
=====================




Jesus,
o remédio para
uma igreja enferma





- Alguns estudiosos da Bíblia, dentre as fileiras do Dispensacionalismo, afirmam que as setes igrejas da Ásia Menor são um símbolo dos sete períodos da história da igreja, assim classificados:


- Éfeso simboliza a igreja apostólica;

- Esmirna, a igreja dos mártires;

- Pérgamo, a igreja oficial dos tempos de Constantino;

- Tiatira, a igreja apóstata da Idade Média;

- Sardes, a igreja da Reforma;

- Filadélfia, a igreja das missões modernas e Laodicéia, a igreja contemporânea.


Essa classificação, entretanto, não tem qualquer amparo histórico nem qualquer fundamentação bíblica.

- Jesus elogia duas dessas igrejas: Esmirna e Filadélfia, mesmo sendo a primeira pobre e a segunda fraca.

- Quatro delas recebem elogios e censuras: Éfeso, Pérgamo, Tiatira e Sardes. A última, Laodicéia, só recebe censuras e nenhum elogio.

Algumas lições podemos aprender com essas igrejas:

1. Jesus conhece profundamente a sua igreja.

- Jesus está no meio da igreja e anda no meio dela.

- Para cinco dessas igrejas (Éfeso, Tiatira, Sardes, Filadélfia e Laodicéia) Jesus disse: “Eu conheço as tuas obras”. Para a igreja de Esmirna Jesus disse: “Eu conheço a tua tribulação” e a para a igreja de Pérgamo, Jesus disse: “Eu conheço o lugar onde habitas, onde está o trono de Satanás”.

- Jesus conhece as obras da igreja, os sofrimentos da igreja e o lugar onde a igreja está estabelecida.

2. Jesus não se impressiona com aquilo que impressiona a igreja.

- O diagnóstico de Jesus difere da nossa avaliação.

- O que nos impressiona, não impressiona a Jesus.

- À pobre igreja de Esmirna Jesus disse: “Tu és rica”; mas à rica igreja de Laodicéia Jesus disse: “Tu és pobre”.

- A riqueza de uma igreja não está na beleza do seu santuário nem na pujança de seu orçamento, mas na vida espiritual de seus membros.

- À igreja de Sardes que dá nota máxima para sua espiritualidade, julgando-se uma igreja viva, Jesus diz: “Tu estás morta”.

- À igreja de Filadélfia que tinha pouca força, Jesus diz: “Eu coloquei uma porta aberta diante de ti”.

3. Jesus não se contenta com doutrina sem amor nem com amor sem doutrina.

- Jesus elogia a igreja de Éfeso por sua fidelidade doutrinária, mas a reprova pelo abandono do seu primeiro amor.

- A igreja de Éfeso era ortodoxa, mas faltava-lhe piedade. Tinha teologia boa, mas não devoção fervorosa.

- Por outro lado, Jesus elogia a igreja de Tiatira pelo seu amor, mas a reprova pela sua falta de zelo na doutrina.

- A igreja tinha obras abundantes, mas estava tolerando o ensino de uma falsa profetisa.

- Não podemos separar a ortodoxia da piedade nem a doutrina da prática do amor.

4. Jesus sempre se apresenta como solução para os males da igreja.

- A restauração da igreja não está na busca das novidades do mercado da fé, mas em sua volta para Jesus.

- Ele é o remédio para uma igreja enferma, o tônico para uma igreja fraca e o caminho para uma igreja transviada.

- À igreja de Sardes, onde havia morte espiritual, Jesus se apresenta como aquele que tem os sete Espíritos de Deus, para reavivá-la.

- À igreja de Esmirna que enfrenta a perseguição e o martírio, Jesus se apresenta como aquele que venceu a morte.

- Jesus é plenamente suficiente para suprir as necessidades da sua igreja, plenamente poderoso para restaurar a sua igreja e plenamente gracioso para galardoar a sua igreja.

5. Jesus se apresenta à sua igreja para fazer alertas e também promessas.

- Para todas as igrejas Jesus faz solenes alertas e também generosas promessas.

- Andar pelos atalhos da desobediência é receber o chicote da disciplina e permanecer no pecado é receber o mais solene juízo. Mas permanecer na verdade é ser vencedor.

- Arrepender-se e voltar-se para Deus é receber do Filho de Deus as mais gloriosas promessas de bênçãos no tempo e na eternidade, na terra e no céu!


AUTOR: Rev. Hernandes Dias Lopes
FONTE: http://hernandesdiaslopes.com.br/2011/08/jesus-o-remedio-para-uma-igreja-enferma/






####################
###################
##################
#################
################
###############




terça-feira, 16 de agosto de 2011



PROMESSAS PARA
QUEM TEM O
CORAÇÃO AFLITO




INTRODUÇÃO:

Texto Bíblico: João 14:1-3

1. Nesse texto Jesus se refere à Sua partida e ao propósito da mesma; e, também ao destino dos que O aceitarem. Ele não prometeu riquezas e bens materiais aqui na terra, mas um luxuoso Céu àqueles que nEle crêem.

2. Nesse texto Jesus usa palavras amorosas e esperançosas ordenando aos cristãos a não darem lugar ao medo, ansiedade e preocupação – “Não se turbe o vosso coração”.

3. Nesse texto Jesus exorta os cristãos a crerem em Sua promessa, pois a certeza de um lar celestial no fim da estrada da vida nos permite suportar com alegria os obstáculos e desafios ao longo da jornada cristã.

I. A PROMESSA DE JESUS É REAL E VERDADEIRA – João 14:1-2

Jesus diz a quem tem o coração turbado por esta vida: “Credes em Deus, crede também em mim”.


- Ele afirma: “Na casa de meu Pai há muitas moradas”.

- Ele fala francamente: “Se assim não fora, eu vo-lo teria dito”.

- Ele confirma e enfatiza: “Pois vou preparar-vos lugar”.

1. A promessa precisa ser literal para ter sentido aos que sofrem com o coração turbado.


2. A promessa precisa ser verdadeira para que seja possível confiar e crer em Jesus.

3. A promessa precisa ser real, como a realidade é em Jesus, e Jesus não falha.

II. A SEGUNDA VINDA DE JESUS AO MUNDO É REAL E VERDADEIRA – João 14:3

Jesus ainda diz: “E, quando eu for e vos preparar lugar, voltarei...”


- Depois de cumprir a promessa de preparar lugar, Jesus prometeu vir outra vez a este mundo, enfatizado na Bíblia mais de 2500 vezes.

1. A segunda vinda de Cristo não deve ser espiritualizada, ou afirmar que acontece quando o cristão morre. Jesus voltará visivelmente ao mundo para buscar os salvos.

2. A segunda vida de Cristo é a mais importante promessa que Jesus garantiu cumprir. Na primeira vinda, Jesus veio para libertar o ser humano do pecado; na segunda, Ele virá libertá-lo do mundo de pecado.

3. A segunda vinda de Cristo é o evento que culminará com o sofrimento do coração dos que crêem.

III. A CASA DO PAI PREPARADA POR JESUS É REAL E VERDADEIRA – João 14:2-3

- Jesus declara: “voltarei e vos receberei para mim mesmo, para que, onde eu estou, estejais vós também”.


- Jesus virá outra vez para levar consigo os que crêem para morar no Céu, na casa do Pai, onde Ele sempre estará com aqueles por quem Ele deu a vida.

1. A casa do Pai é real porque os discípulos de Jesus eram judeus, não gregos e platônicos. No pensamento judaico não existe o abstrato; mas tudo é real.

2. A casa do Pai é real porque Jesus não falou de um mero além celestial, mas de moradas, mansões e quartos reais.

3. A casa do Pai é real e verdadeira porque Jesus prometeu prepará-la. Embora já estivesse pronta, precisava ser preparada para receber os cristãos.

CONCLUSÃO:

Crer em Deus e confiar em Jesus é um antídoto para o coração aflito. Porém, Jesus complementa com a descrição da vida que aguarda àqueles que abrigarem no coração a crença na volta de Jesus.

1. O céu é um lugar real e verdadeiro: Jesus atualmente está preparando moradas para os salvos na própria casa de Deus, o Pai.

2. O Céu é um lugar perfeito e maravilhoso: As moradas já existem – “Na casa de meu pai há muitas moradas”, Jesus foi prepará-las (ornamentar, decorar) – “vou preparar-vos lugar”.

3. O Céu é um lugar especial e exclusivo: Nem todos irão morar no Céu, apenas os que crêem de coração em Deus e no Seu Filho Jesus.

APELO:

1. Viva crendo na maior promessa proferida por Jesus a você.

2. Viva sem desesperar-se com os obstáculos e desafios desta vida porque o Céu está sendo preparado para você.

3. Viva esperando ardentemente pela segunda vinda de Jesus.


AUTOR E FONTE: Pr. Heber Toth Armí / http://portal-biblico.blogspot.com/search/label/SERM%C3%83O%20EXPOSITIVO





============
=============
===============
=================
===================
======================












A GRANDE ESPERANÇA
DE MORAR NO CÉU




INTRODUÇÃO:

Texto Bíblico: João 14:1-3




1. Antes de ir para a cruz, Jesus reuniu Seus discípulos e falou sobre um lugar na casa do Pai.

2. Antes de deixar aos cristãos, Jesus deixou a promessa de que iria à frente para preparar um lugar.

3. Antes de subir ao Céu, Jesus prometeu àqueles que deixarem casas e famílias por Sua causa, que o sofrimento aqui na terra é passageiro, depois irão para o lar eterno, onde não haverá corações turbados.

I. O LAR CELESTIAL É UM LUGAR PREPARADO POR JESUS – João 14:1, 2

1. O lar celestial não é simbólico, é real, pois Jesus subiu ao Céu para prepará-lo.

2. O lar celestial não é ilusório, pois Jesus afirmou que ele existe.

3. O lar celestial não é amórfico, é real, concreto e preparado por Jesus.

II. O LAR CELESTIAL É NO PALÁCIO DE DEUS – João 14:2, 3

1. Jesus disse que iria preparar moradas na própria casa do Pai (Deus) para os que crêem (crentes).

2. Jesus garantiu que na casa do Pai (a qual é uma mansão ou palácio), há muitas moradas àqueles que crêem.

3. Jesus declarou que virá buscar os que crêem a fim de estar onde Ele sempre estiver.

III. O LAR CELESTIAL SERÁ PARA SEMPRE A MORADA DOS CRENTES – João 14:1, 3

1. Quem crê em Deus e também em Jesus tem a promessa do Céu e aguardam entrar no lar celestial.

2. Quem crê em Deus e também em Jesus viverá no Céu sem ver a morte, pois lá todos viverão eternamente.

3. Quem crê em Deus e também em Jesus estará sempre com Jesus, os salvos terão relacionamentos imortais.

CONCLUSÃO E APELO:

O texto apresenta três apelos (imperativos) que, ao serem atendidos, será garantida a recompensa de morar no Céu:

1. Primeiro imperativo: Não se turbe o vosso coração – Enquanto que aqui neste mundo tudo é passageiro, Jesus deixou o Céu, vindo aqui para criar oportunidade e possibilitar a saída dos cristãos para um lar eterno, real e perfeito no Céu.

2. Segundo Imperativo: Credes em Deus – Jesus exorta, em primeiro lugar, a ter fé em Deus, quem O enviou.

3. Terceiro imperativo: Credes também em Jesus – Jesus não se limita a dizer, “Credes em Deus”, mas ainda declarou “crede também em mim”; pois é Ele quem prepararia lugar e voltaria para buscar os salvos a fim de conduzi-los ao Lar Celestial.


AUTOR E FONTE: Pr. Heber Toth Armí / http://portal-biblico.blogspot.com/search/label/SERM%C3%83O%20EXPOSITIVO





####################
#####################
######################
#######################


segunda-feira, 15 de agosto de 2011



OS VERDADEIROS HERÓIS



Hebreus 12: 1-3





Introdução:

- Quem é o seu herói?

- Todos nós precisamos de homens e mulheres que nos inspirem e sejam referencia de vida.

O texto que lemos nos ensina quem são os verdadeiros heróis segundo a Palavra de Deus, vejamos:

I - OUSAM CONFIAR EM DEUS


“Pela fé ...”

- Nas mais diversas circunstâncias os verdadeiros heróis da fé (cap.11) venceram o medo e ousaram confiar em Deus.

- Quando minoria, a exemplo de Noé; em situação confortável e estável a exemplo de Abraão; quando cercado de altíssimos privilégios e vantagens como Moisés no Egito ou quando encurralado no deserto perseguido pelos inimigos e diante de uma “mar de incertezas”; quando provados, zombados, presos, apedrejados, serrados pelo meio; ou quando diante de impossibilidades como Josué.

- Reconheceram a insuficiência de seus recursos para salvarem suas vidas e se entregaram corajosa e inteiramente a Deus numa relação de confiança.

- Reconheceram sua necessidade de um Salvador e “pela fé” corajosamente renderam suas vidas a Jesus como único e suficiente Salvador.

II - DESEMBARAÇAM SUAS VIDAS DO PECADO

“desembaraçando-nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia”.

- O pecado é o terrível inimigo intimo que o herói precisa vencer todos os dias.

- O herói Davi nos ensina isso no Salmo 51 “Compadece-te de mim, ó Deus, segundo a multidão das tuas misericórdias, apaga as minhas transgressões”.

“Pois eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim”.

- O pecado tem o poder de nos separar da comunhão com Deus, mas o verdadeiro herói reconhece sua situação de pecado, vence seu orgulho, e confessa seus pecados a Deus.

“O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançara misericórdia“. Pv.28:13

III - PERSEVERAM NA CARREIRA DA FÉ

“...corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta“.

- Quando corajosamente nos rendemos a Jesus em confiança começamos a carreira da fé. Nem sempre será fácil caminhar pela fé.

- Os desafios, as provações, as tentações, circunstancias adversas estarão sempre em nosso caminho. Mas os verdadeiros heróis nunca desistem. Perseveram no propósito maior de glorificar a Deus através de suas vidas.

- Em Marcos 5 temos o exemplo de um verdadeiro herói. Jairo mesmo depois de receber de seus amigos a noticia a morte de sua filha não desistiu de confiar. Jesus na sua misericórdia olha para Jairo e diz: “Não temas, crê somente”. Jairo continua caminhando com Jesus e no final recebe a recompensa de sua perseverança. Jesus ressuscita sua filha. Oh gloria!!!.

- Infelizmente muitos estão perdendo a benção porque não perseveram na realização de seus alvos. Começar é fácil o difícil é permanecer.

IV - OLHAM FIRMEMENTE PARA JESUS.
”...olhando firmemente para o autor e consumador da fé, Jesus“


- Os olhos são a “janela da alma”. Disse Jesus “se os teus olhos forem bons todo o seu corpo será bom”.

- Aonde colocamos os nossos olhos faz toda a diferença.

- Ao tirar os olhos de Jesus e reparar nas ondas o nosso herói Pedro afundou.

- Infelizmente muitos heróis estão feridos porque tiraram os olhos de Jesus.

Por que olhar firmemente para Jesus?
- Porque Ele é o autor e consumador de nossa fé.
- Porque ele em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz por nossa causa.

- Jesus nos iniciou na carreira da fé, Ele nos manterá na carreira da fé, Ele nos recompensará no final da carreira da fé.

- O verdadeiro herói considera atentamente a Jesus e por isso não “desmaia e nem se fatiga na caminhada”. Aleluia!!!

APLICAÇÃO.

Compartilhe com sua célula quem é seu herói?

Que semelhanças tem seu herói com os “heróis da fé” em Hebreus 11?

O que esta mensagem falou ao seu coração?


FONTE: http://www.pipci.org.br/pastor-honorio/os-verdadeiros-herois






===================
==================
=================
================
===============




PORQUE FALTA PAIXÃO
PELA CAUSA DE JESUS


JOÃO 15:8; MATEUS 5:16




- Nisto é glorificado meu Pai, em que deis muito fruto; e assim vos tornareis meus discípulos.

- Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem o vosso Pai que está nos céus.

OBJETIVO: MOTIVAR VIDAS PARA A CAUSA DE JESUS

INTRODUÇÃO:

- Hoje vemos crentes sem compromisso com a causa do evangelho. Crentes preocupados com a auto – existência (Materialidade).

- O uso de Jesus como fonte de lucratividade e satisfação pessoal. Deixam de buscar o Jesus “Senhor” para buscarem o Jesus “dono da bênção”

- A igreja é hoje como um grande guarda-chuva. Na hora dos problemas, serve de abrigo e proteção. Solucionados os problemas se esquecem do que Jesus fez na cruz em favor na humanidade, falta gratidão, vemos claramente isto no exemplo dos dez leprosos (Lc 17: 11- 19).

Respostas para falta de paixão pela causa de Jesus.
1º - FALTA DE CONVERSÃO AO EVANGELHO


- Não existe Evangelho sem mudança de vida, transformação de caráter e principalmente dos valores e princípios pautados na Bíblia. Vemos um apelo exterior não interior.

- Arrependimento, Conversão e Regeneração (Novo Nascimento) são extremamente necessários para a causa de Jesus Cristo. Ef. 2:1- 6; Ef 4:17 – 32

2º - FALTA DE COMPREENSÃO DA CAUSA DE JESUS
- Jesus veio ao mundo para ser o nosso exemplo de vida, morreu pelos nossos pecados, ressuscitou para nos santificar, subiu ao céu para preparar um lugar onde moraremos com Ele e voltará par nos buscar. I Cor 15:1-3

A – Objetivo de Jesus (Salvar a Humanidade) I Tim 1:15; Hb 9:28

B – Trazer o reino de Deus entre os homens; o domínio total de Deus II Cor. 2:14 – 17; 4: 1- 7

3º - FALTA DA PREGAÇÃO DO EVANGELHO DO REINO

- As boas Novas do Evangelho de Jesus Cristo colocam o homem, diretamente em contato com seu Criador.

- O objetivo do Evangelho não é melhorar o homem. Mas sim transformá-lo, recria-lo no objetivo em que foi criado “para a Glória de Deus”.

- Nos nossos dias a ênfase é material, não espiritual, vemos claramente que é anunciado dois Evangelhos:

A – Hoje o evangelho da prosperidade, a ênfase no bem estar do homem (humanista) Jo. 6: 1 – 2 ;6:22 – 27

B – O Evangelho do Reino, a ênfase esta no domínio total de Deus através de Cristo Mt. 4:23 – 25; Fil 2: 5 - 11

4º - FALTA DE UMA LIDERANÇA REFERÊNCIA – (PADRÃO)


- Os líderes se conformam com outro evangelho (Gl 1:6-9), por ser mais conveniente e menos trabalhoso.

- A conformidade com o mundo e o falar o que as pessoas querem ouvir, formam líderes fracos e sem propósito.

- Temos a oportunidade de participar da maior causa do mundo, seguirmos o maior líder do mundo.

“Liderar é influenciar outros a um objetivo proposto (visão)”.

“Fazer com que as pessoas siga uma causa”

A - Visão de Jesus – Salvar a humanidade de seus pecados, reconciliar o homem com Deus através do Evangelho e dizer como Deus quer que o homem viva. II Cor 5:17 - 21

B – A estratégia – Escolha de Homens, para andar com Ele. Mc 3:19, 14; Mc 6:7
João 15:1 – 17. O Contexto de João era de falsas doutrinas, relaxamento espiritual e perseguição. Seguir a Jesus naqueles dias exigia risco de vida.

C – O poder do Espírito Santo (At. 1:1 – 8). É o Espírito Santo que nos capacita para uma obra de poder. “Devemos ir, os resultados são obra do Espírito Santo”.

CONCLUSÃO:

- Vemos nos nossos dias “cristãos” militando com muita determinação por partidos políticos, times de futebol, religiosidade, profissionalidade e filosofias humanistas. Mas quando se trata da causa do Mestre deixamos a desejar.

Esta mensagem é dirigida a Cristãos:

- Conversão genuína ao Evangelho,
- Compreensão e estudo da causa de Jesus,
- Pregação do Evangelho do Reino,
- Liderança comprometida com Jesus e não nos seus próprios interesses.

São essenciais para um Cristianismo bíblico e saudável. Creio que se estes pontos fossem analisados e aplicados com determinação, com certeza teremos Cristãos motivados pela causa de Jesus Cristo.


AUTOR: Pr. Eliseu Ribeiro





####################
####################
####################
####################