quinta-feira, 28 de abril de 2011



UMA CORDA

CHAMADA JESUS



Mc. 4.35-41






Int.



- Esse dia no Ministério de Jesus, foi um dia de grandes milagres. Jesus havia passado a noite no Monte, orando ao Pai, Jesus buscava a Graça do Pai para realizar a sua missão na terra.


- Quando Jesus desceu do Monte, segui-o uma grande multidão. E um leproso chegou de repente e o adorou, dizendo: Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo. E Jesus estendendo a mão, tocou-o e disse: Quero, sê limpo. E logo ficou purificado da lepra.


- E Jesus seguindo o seu caminho entrou em Cafarnaum, e chegou a Ele um centurião, rogando-lhe pelo seu criado que jazia em casa paralítico e endemoniado.


- E Jesus disse: Eu irei e lhe darei saúde. E o centurião cheio de fé disse a Jesus: Senhor eu não sou digno que entres debaixo do meu telhado, mas dize somente uma palavra, e o meu criado sarará.


- E Jesus disse ao centurião: Vai, e como creste te seja feito. E, naquela mesma hora, o seu criado sarou.

- Jesus depois entrou na casa de Pedro e curou a sogra de Pedro, que estava jazendo com febre. E ali na casa de Pedro, Jesus libertou muitos endemoniados e curou muitos enfermos.

- Como a multidão crescia, Jesus saiu da casa de Pedro e foi até a margem do Mar da Galiléia e ensinava a multidão com muitas parábolas: Como a parábola do semeador, a parábola da candeia, a parábola da semente e a parábola do grão de mostarda.

- E como já estava tarde o dia, Jesus disse aos discípulos: Passemos para a outra margem.

- Os discípulos com Jesus entraram no barco, e como Jesus estava cansado daquele longo dia, Jesus foi para a popa do barco, pegou uma almofada e dormiu.

- E a Bíblia fala: Levantou-se um grande temporal de vento, e subiam as ondas por cima do barco, de maneira que já se enchia de água.

I - O Grande Temporal.

- A tempestade chegou de repente no Mar da Galiléia sobre o barco. Não teve nenhum aviso que ela ia chegar. Pegou todos de surpresa.

- Assim acontece em nossa vida, as tempestades chegam de repente sem nos avisar.

- Na hora dos ventos contrários, os discípulos tiveram uma corda para se agarrar, uma corda segura: A corda chamada Jesus.

- Jesus estava no barco com eles na hora da tempestade.

- A humanidade nos dias de hoje naufraga no desespero, pelos problemas que lhes sobrevêm. Ondas gigantes que lhes acometem, a fúria do vento que lhes assopram. E procuram segurar em alguma corda que lhes dê segurança.

1 - Muitos Seguram na Corda Chamada Religião.

- Mas religião é uma corda apodrecida. Tem uma boa aparência, nomes bonitos e pomposos. Promete mundos e fundos e promete segurança. Na hora, porém, do vendaval, quando os ventos contrários começam a soprar, quando o mar se agita e as ondas se encapelam, e aquele que confiou nela e agarra-se a ela, ela se parte. Não tem nenhuma segurança. Podre, enganadora. E a vitima naufragou, e afogou-se.

- Amado religião não salva ninguém.

- Quem salva é Jesus.

- Nicodemos era príncipe dos judeus, era um grande religioso, mas tinha um vazio muito grande no coração, e foi procurar Jesus.

2 - Muitos Seguram na Corda Chamada Dinheiro.

- Maior número de pessoas hoje agarram-se firmemente a esta corda. Aparentemente é a mais firme, a mais resistente. No seu embalo, abre portas para os prazeres da carne, para comprar justiça, comprar honra, comprar privilégios e títulos.

- Parece garantir até o céu para quem o possui. Mas quando vai enfrentar a dura realidade e encarar o Deus que não se deixa levar pelos respeitos humanos; quando vai enfrentar o mar revolto e encapelada ondas, a mais podre de todas as cordas, nada resiste e por isso se parte.

- Em Lc.18.18-30- Um jovem rico, príncipe veio até Jesus em busca de Salvação, mas os seus bens materiais lhe impediram de ser salvo.

- Em Lc. 19.1-10- Zaqueu, publicano, que era rico, subiu a uma árvore para ver Jesus passar. Jesus foi a sua casa, e seu coração foi tocado, ao ponto de abrir mão de sua fortuna, ao ponto de Jesus dizer: Hoje entrou salvação nessa casa.

3 - Muitos Seguram na Corda Chamada Sexo.

- O sexo é de Deus; o abuso dele é do diabo. A presente geração, se entrega a um sexo liberal, a tal ponto, que o sexo chega a ocupar o lugar de Deus em muitas vidas

- Parece realmente que o sexo é tudo e vem a ser uma corda firme, capaz de suportar os vendavais do mundo. No entanto, é o contrário: Todos os que se aventuraram a atravessar o revolto mar da vida seguros nessa corda pereceram. A corda do sexo partiu-se.

4 - Muitos Seguram na Corda dos Prazeres.

- Quantos seguram na corda do cigarro.
- Outros numa corda chamada bebidas alcoólicas.
- Outros seguram na corda das drogas.

- Mas esta corda dos prazeres só tem nome pomposo, mas não resiste aos vendavais da vida. Essa corda também partiu-se.

II - A Corda da Salvação.

- Em que corda vamos segurar na hora do perigo, do vendaval e do encapelado mar?

- Há uma corda, uma corda que nunca partiu, nunca decepcionou ninguém; nunca falhou na hora do perigo.

- Essa corda chama-se Jesus Cristo.

- At. 4.12 - E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos.

- Maria Madalena segurou nessa corda que é Jesus, recebeu o perdão pelos seus pecados e alcançou a salvação eterna.

- A mulher samaritana que viveu com muitos homens, um dia encontrou-se com Jesus no poço em Sicar, em Samaria, ela segurou-se nessa Corda, foi perdoada de todos os seus pecados e alcançou a salvação eterna.

- Um leproso samaritano, que vivia longe da sua família, numa aldeia em Samaria só para os leprosos; um dia viu Jesus passar, clamou por Ele, segurou na Corda que é Jesus, foi curado da lepra e alcançou a salvação eterna.

- Zaqueu, publicano, cobrador de impostos, rico e que vivia sem alegria; um dia Jesus passando em Jericó, Zaqueu subiu em uma árvore; Jesus o viu no seu estado, foi a sua casa; Zaqueu segurou nessa corda, seus pecados foram perdoados e alcançou a salvação eterna.

- Bartimeu, o cego, afundado na pobreza e na tristeza; soube que Jesus estava passando, segurou nessa corda, foi curado da sua cegueira e alcançou a salvação eterna.

- Ap.3.20 - Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e com ele cearei, e ele, comigo.

Conclusão:



- Você que tem sofrido a muito tempo; que tem procurado solução para os seus problemas em muitos lugares, e que a cada dia tem se afundado mais; esta noite é lhe oferecido a solução de todos os seus problemas; segure na corda que é Jesus, e você encontrará paz, alegria, segurança, esperança e solução de todos os seus problemas.

- Jo.14.27 - Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.

- Jesus é a Corda da nossa benção, da nossa vitória, da nossa esperança, da nossa salvação.

Hb.13.8 - Jesus Cristo é o mesmo ontem, e hoje, e eternamente.




AUTOR: Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo - Brasil

Fonte: http://www.adjabaquara.com.br/mensagens/20.02.2011.html




=======================
=======================
=======================
=======================

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.