sexta-feira, 3 de dezembro de 2010


O que

te interessa?

Texto Chave: Atos 5: 1 -11


Introdução:

 A igreja evangélica brasileira tem recebido muito nesses últimos anos, nunca se viu tanto crescimento, milagres, curas, prosperidade, bênçãos, expansão do mercado evangélicos, evangélicos sendo reconhecido em vários cantos do país. (Colocar fotos, revistas falando dos evangélicos).

 Em meio a toda essa realidade, uma coisa me preocupa. Qual é o real interesse de virmos à igreja?

 É importante pararmos para pensar, porque quando não assumimos o real motivo, fazemos as coisas com outros interesses e acabamos tendo uma fé sem fundamento.

 Vamos analisar a história de Ananias e Safira, e ver o que eles fizeram para que eles morressem.

Desenvolvimento:

1. Interesse –
Versos 1 e 2

 Ananias e Safira fingiram que haviam doado a importância total do campo deles que tinham vendido.

Vamos ler Atos 4: 32 a 37 para entender melhor o contexto deste texto.

=> Todos davam as suas propriedades

=> Barnabé deu todo seu dinheiro (venda do campo)

=> Ajudar aos outros e dar suas propriedades, era algo que ardia no coração de todos da igreja primitiva.

 Ananias e Safira em meio a todo esse mover, queriam fazer a mesma coisa. Só que eles tinham basicamente dois problemas:

1 - Empolgaçãoeles estavam empolgados porque todos estavam fazendo.

2 - Motivação errada – eles queriam aparecer.

 Eles desejavam compartilhar da glória e da atitude da generosidade dos cristãos, mas não eram generosos em seus corações.

 Queriam a glória e o prestigio de quem tinha feito um “grande sacrifício”.

Aplicação:

 Algumas pessoas que vem a igreja, tem os mesmos problemas que eles, principalmente adolescentes e jovens.

Empolgação

 É levado pelo momento.

 Não sabe o que quer.

 Onde os amigos estão ele (a) está.

 Se todos estão crente ele também está (vai na onda da galera)

 Pessoas assim são levadas facilmente, não tem raiz profunda.

Motivação

 Quero começar com a mesma pergunta do começo do sermão. O que te motiva a vir à igreja?

Qual é o seu real interesse?

 Amigos? Mulheres? Homens? Bênçãos? Prosperidade? Ser bem visto? Religiosidade? Medo ser mal falado? Medo de ir para o inferno? Programações? Porque todos estão indo?

 Quando sua motivação é errada, tudo está errado.

 Jesus deve ser a motivação.

Tudo que eu faço é por amor a Deus. Essa deve ser a verdadeira motivação de todo cristão.

2. Ninguém esconde de Deus
(Versos 3 e 4)

 Ananias e Safira acharam que podiam esconder o seu segredo, que era guardar parte do valor do campo. E Falar que deu tudo.

 O problema não foi ter dado parte do dinheiro, mas a mentira.

 Eles podiam ter ficado com todo o dinheiro da venda do campo, mas problema estava no coração.

 A atitude deles de reter demonstra o que estava no coração deles. No fundo não queriam dar.

 A intenção deles era aparecer, mostrar para todos o que eles tinham feito.

Aplicação

 As pessoas acham que escondem de Deus. Sempre foi assim, desde o Éden.

 Esconder às vezes é melhor, mais fácil. Pois não passamos vergonha, por aquilo que fizemos, e acabamos saindo bem com todos (político).

 No fundo o coração está bem longe daquilo que é o certo.

Quem você é de verdade?

Você vive de aparências, mascaras, faz média com outros. Exemplos.

 Quem você quer agradar?

 Vamos ler 4b.

3. A morte ( versos 5, 9 e 10)

 A penalidade para eles foi a muita alta.

 Suas atitudes tiveram um preço muito alto

 Não adiantava voltar mais atrás.

 Eles deveriam ter pedido perdão e se reconciliado. Pedro dá a eles essa oportunidade quando pergunta, sobre qual era o valor do campo?

Aplicação

 O interesse errado leva as pessoas a destruição.

 Quando não temos o Senhor como real motivação e interesse perdemos o foco e por isso não temos fundamento.

 Dinheiro, amigos, lideres, grupos, culto, igreja, tudo isso passa, mas o relacionamento com Deus nunca passa, levamos para a eternidade.

 Pessoas erram (lideres, pastores, pais, amigos), isso acontece. Por isso nunca apóie sua fé nas pessoas.

 Firme sua fé em Cristo. Então você estará firmado na rocha.

Conclusão

 Avalie suas motivações e interesses.

Lembre-se tudo que fazemos, Deus está vendo. Não escondemos nada Dele.

Tudo isso é importante para que vejamos se temos a nossa fé firme em Deus, e nas coisas passageiras.


Autor do texto: Pr. Bruno Bacelar Dias
FONTE:
http://www.lagoinha.org.br/redeadolescentes/esbocos_03bruno-oqueinteressa.htm




++++++++

+++++++++

++++++++++

+++++++++++

++++++++++++

+++++++++++++

++++++++++++++

+++++++++++++++


A CASA

FAVORITA

DE DEUS

- João 11:1-5


- Que alegria não seria poder receber a visita do Senhor em nosso lar. Sabemos que ele sempre esta conosco na pessoa do Espírito Santo que habita em nós, mas a manifestação da presença, nem sempre é percebida.
- Nós somos a casa de Deus, e Deus está aqui, mas não queremos apenas crer, saber, queremos perceber.

- Queremos a manifestação da sua Glória! Já reparou que há pessoas que facilmente você consegue perceber a presença do Altíssimo nela, e outras, mesmo sendo cristãos, às vezes dá a impressão que parece uma pessoa normal.

- Já reparou que há igrejas que ao você entrar, colocar os pés no prédio, é perceptível a presença manifesta de Deus e outras, pode haver o louvor mais afinado, a melhor pregação, mas é também perceptível a ausência da presença de Deus!

- Sabe por que há essa diferença? Porque Deus está em todo lugar, mas a manifestação sua manifestação somente acontece onde Ele tem prazer de habitar.

- Deus é uma pessoa, e como nós, sempre daremos preferência em visitar casas onde somos bem recebidos.

- Há igrejas que Deus tem prazer de visitar, assim como Jesus certamente tinha alegria em visitar a casa de Marta, Maria e Lázaro.

- O que transformou a casa de Marta, Maria e Lázaro em sua CASA FAVORITA?

- Quais são as qualidades de uma igreja que consegue atrair a visitação de Deus?

1. IGREJA DE AMIGOS – LÁZARO ERA AMIGO!
João 11:11; Mateus 7: 22-23; João 15:14

- Jesus tem prazer de visitar somente aqueles que são seus amigos.

- Veja a declaração de Jesus a respeito de Lázaro. Só após a ressurreição de Jesus que os discípulos foram chamados de amigos. Quem é amigo, também é intimo!

- A declaração nunca vos conheci, quer dizer nunca fui íntimo, amigo, pois certamente esses que pregavam o evangelho, mas não obedeciam totalmente a palavra, por isso foram rejeitados.

2. IGREJAS QUE OFERECEM A MELHOR HOSPITALIDADE – MARTA ERA HOSPITALEIRA - Lucas 10:38-42 ; João 11:5 Ora, amava Jesus a Marta, e a sua irmã, e a Lázaro.

- Jesus visitou várias casas durante seu ministério por vários motivos:
- Zaqueu para trazer salvação;
- Simão Pedro para curar a sogra;
- Jairo para trazer vida;
- em Caná da Galiléia para levar alegria; etc.

- Mas quando Jesus entrou na casa de Marta, foi para repousar, e ali foi cuidado em sua essência humana e honrado em sua essência divina.

“João nos conta imediatamente após Jesus ter recebido uma mensagem de que Lázaro estava doente, que ‘Jesus amava Marta, a irmã dela e Lázaro”.

- Quando Jesus chegava a Betânia e entrava na casa de Maria e Marta, elas não sabiam se era hora de alimentar a sua parte humana ou de adorar a Sua divindade.

- Algumas vezes Marta supria a necessidade mais urgente do Filho do Jesus Homem oferecendo uma comida caseira, acomodações confortáveis e um ambiente de casa em ordem e em paz para a Sua parte humana.

- Outras vezes, o Filho de Deus ansiava mais pelo ministério de Maria, que tinha o dom de entreter a Sua parte divina.

- Obras são as qualidades de uma igreja que serve o corpo de Cristo hoje. Marta representa as obras, e como a bíblia diz: a fé sem obras é morta.

3. IGREJAS QUE AMAM SUA PRESENÇA – MARIA ESCOLHEU A MELHOR PARTE

- Se você quiser mesmo que sua cidade, igreja, escola ou lar tenham uma visitação de Deus, então alguém tem que aprender como hospedar o Espírito Santo.

- Isto significa que você deve providenciar as acomodações tanto para o homem quanto para Deus.

- Geralmente encontramos Marias de joelhos diante do Senhor. Sua principal marca de distinção é a posição do seu coração.

- Na casa de Marta, vemos a postura de Maria na adoração aos pés de Jesus, descobrindo segredos.

- A mesma coisa acontece mais tarde durante a refeição preparada na casa de Simão, o leproso, em Betânia.

- Cada vez ela suportou a crítica e a gritaria para assumir a sua posição e derramar seu presente para o Senhor.

- Maria queria estar diante de Jesus, para aprender, para ouvir, para adorar, para alegrar-se, para se aconselhar expondo os seus sentimentos abrindo a sua alma perante o Senhor.

Conclusão:

Lázaros, Martas e Marias são bem diferentes uns dos outros, mas precisamos de ambos em nossas igrejas.


- Todas as igrejas que se tornam casa favorita de Deus, possuem pessoas comprometidas com a palavra, são amigos de Deus.

- São igrejas que servem o corpo de Cristo com esforço e dedicação e possuem um coração inclinado à adoração.

- Nestas igrejas, Deus encontra as qualidades essências para uma hospedagem agradável, prazerosa, de honra e satisfação, se tornando assim as casas favoritas de Deus!


Fonte: Pr. Rogério Braga /


=============

==============

POR FAVOR, DÊ UM CLIC

EM QUALQUER ANÚNCIO

AO LADO OU ABAIXO
DESTES ESBOÇOS.

Conto com vc!


No amor do Rei das Nações

=============

==============



QUANDO

PERDEMOS

A GLÓRIA

DE DEUS

- 1 Samuel 4: 5-11



=> A coisa mais importante em nossas vidas é a Glória da presença de Deus!

 Aquela unção que nos alimenta nos purifica, nos enche de poder e quebra todo o jugo.

 Neste período da historia de Israel, havia um sumo sacerdote chamado Eli, ele era o juiz de Israel que julgava as causas do povo.

 Nesta época eles estavam enfrentando os inimigos chamados filisteus. Aconteceu que, os filisteus estavam pelejando contra Israel, e o povo de Deus percebendo que iriam perder a batalha, disseram para os filhos do sumo sacerdote, que trouxessem de volta a arca da aliança.

 O que é Arca da Aliança? Na palavra de Deus, a arca da aliança simboliza a presença manifesta de Deus.

• Deus é onipresente, está em todos os lugares ao mesmo tempo.

• Todavia, embora o Senhor esteja em todos os lugares ao mesmo tempo, Ele não se manifesta em todos os lugares.

• Ele se manifesta apenas em alguns lugares e em algumas pessoas.

• E quando a sua presença se manifesta nós dizemos que a sua Glória está se manifestando.

• É difícil explicar como a Glória de Deus se manifesta, mas podemos experimentá-la com reações diferentes.

• A Gloria de Deus é tão importante na vida de um homem, que Moisés apesar de ter visto o poder de Deus operando em várias situações, com sinais e prodígios, desejava mesmo era a Glória de Deus. (Ex 33:18)
Neste texto que acabamos de ler, é narrado um dos piores momentos da história de Israel, pois eles haviam perdido a Glória de Deus.

QUANDO PERDEMOS A GLÓRIA DE DEUS?
1 - Perdemos a glória quando Deus não é colocado em primeiro lugar
– I SM 2: 29 – 30

• O Senhor jamais aceitará ser o segundo em sua vida, Ele não divide Sua Glória com ninguém, uma vez que só o Senhor é Deus. Is 42.8

• Quando colocamos coisas ou pessoas antes de Deus, perdemos a sua Glória.

• Quando buscamos primeiro os nossos interesses, como tempo, dinheiro e pessoas, também perdemos a sua Glória. Mt 6:33 • Quando honramos ao Senhor, mantemos a sua Glória sobre nós, e nada nem ninguém poderá nos separar dela.

• O exemplo de Abraão e Isaque: O Senhor disse que Isaque era o único filho de Abraão, o que significa que Ismael não foi contado.

• Sendo o único, ele era também o primeiro, e sabemos que todo o primeiro pertence a Deus. (Gn 22:2-12).

• Deus poderia exigir o primeiro de Abraão, e quando ele resolveu dá-lo, sua fé foi comprovada.

• Dar o Isaque não significa, portanto, dar o melhor ou o sacrifical, mas significa dar o primeiro.

O princípio do primogênito: (Lv 27:26-28).

Deus não queria a ovelha mais gorda ou a mais bonita, ele queria a primeira. Não poderia ser a segunda ou a oitava, pois assim ele não seria o primeiro.

• Deus somente é Deus se ele for o primeiro.

QUANDO PERDEMOS A GLÓRIA DE DEUS?

2 - Perdemos a glória quando trocamos a unção do senhor por estratégias humanas – II CR 12: 5,9-10

• Podemos manter todos os nossos hábitos religiosos e ainda apartarmos do Senhor, se o nosso coração não estiver Nele. Mt 6.21

• Israel deixou o Senhor e então o inimigo veio e roubou o ouro do templo e o rei colocou bronze no lugar do ouro.

• O ouro simboliza a Glória de Deus.

• E o que significa trocar ouro por bronze?

• Trocamos ouro por bronze quando arrumamos substitutos humanos para a Glória de Deus.

• Já não temos o mesmo louvor cheio de unção, mas procuramos manter o mesmo barulho e animação natural.

• Trocamos ouro por bronze quando mantemos a aparência sem a realidade do ouro.

• Deus abomina aparência sem realidade.

• É por isso que Deus rejeita a religião humana. Mc 7.6

• Trocamos ouro por bronze quando tudo continua funcionando como antes, mas sem Glória alguma. Ex 34.29,35; II Co 3.13

• É incrível como podemos continuar fazendo todas as coisas sem a presença manifesta de Deus.

QUANDO PERDEMOS A GLÓRIA DE DEUS?

3 - Perdemos a glória quando ficamos satisfeitos com a nossa mediocridade espiritual. 1 Sm. 4:4

• Dois tipos de insatisfação: insatisfação humana que traz melancolia, tristeza; e insatisfação que vem de Deus.
Devemos ser insatisfeitos espirituais - Deus coloca em nosso coração para que tenhamos fome e sede pela sua presença.

• Esta insatisfação é para tirar da mediocridade, da mesmice e levá-lo a um novo nível.

• Muitos vivem em uma eterna mediocridade espiritual, ao menos que Deus tire as escamas dos olhos, jamais enxergarão a sua própria realidade.

• Às vezes você esta 80% cheio do espírito e estufa o peito todo satisfeito, olhando para o irmão que esta ao seu lado que tem 40%, 20%, 10%, 5%.

• Ainda que estes 80% sejam benção de Deus mais acabam virando maldição porque você acaba se acostumando e nunca vai trabalhar para chegar aos 100%.

• Pessoas assim nunca vão transbordar nem da gloria, unção, poder de Deus.

Conclusão:

Que esta mensagem sirva para nós como advertência para que não venhamos perder a Glória que Deus tem nos dado. E não só isso, mais crescer com mais fogo, mais paixão e mais Gloria. Assim também acontecerá com a nossa igreja neste dias, a Glória de Deus vai encher este lugar, vai encher as células, vai encher as pessoas, e muitos como os sacerdotes não conseguirão ficar de pé ao ver a Gloria de Deus manifestada.

AUTOR: Pr. Silvio Galli /




==========

===========

============