terça-feira, 20 de julho de 2010


SEJA UM CRISTÃO
DE VERDADE





INTRODUÇÃO
- Na igreja é comum ver gente muito inteligente, talentosa, mas que nunca “decolou” na vida cristã. Estão sempre em um patamar muito baixo na escala de maturidade e experiências de fé e produção de frutos.

- Essas pessoas nunca atingiram “a estatura de varão perfeito”. Na verdade, elas não vivem uma vida cristã de verdade. Vivem uma meia vida.

- É triste ver esse tremendo desperdício. Pessoas que poderiam fazer grande diferença no Reino de Deus, mas que nunca produzem nada de significativo na igreja.

- Por que isso acontece? Por que alguns vão para frente e outros ficam para trás? A resposta principal está na formação do caráter.

- Existem muitas explicações para isso. Muitos ainda estão presos ao passado. Alguns mantêm pecados não confessados na vida. Outros estão debaixo de opressão maligna.

- Durante esta série vamos abordar vários aspectos do caráter cristão que são decisivos para a frutificação do cristão.
Uma vida cristã bem sucedida é fruto de um CARÁTER CRISTÃO. Dons, recursos, experiências, etc. ajudam, mas não determinam o sucesso.
- Nossa oração é que essa série contribua para que você identifique possíveis falhas em seu caráter cristão e se torne um cristão cada vez mais autêntico.

Nosso tema hoje é:
SEJA UM CRISTÃO DILIGENTE

- Watchman Nee – autor do livro de apoio desta série e um dos maiores evangelistas e escritores do início do século XX – define a diligência como VONTADE DE TRABALHAR.
- Portanto, o estudo de hoje fala da vontade de trabalhar na igreja, da vontade de servir, da ação, da atividade, da pró-atividade, do esforço, do sacrifício, etc.

- O oposto da diligência é a indolência, a preguiça, a apatia, a desídia e o descaso com a obra da igreja.
O TRABALHO É UMA CRIAÇÃO DE DEUS
- A preguiça é diabólica – é contrária à imagem de Deus em nós. Fomos criados para trabalhar. Logo após a Criação, antes do pecado entrar no mundo, Deus já ordenou que o homem trabalhasse.

- Gn 1.27-28 Criou Deus o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. Deus os abençoou, e lhes disse: "Sejam férteis e multipliquem-se! Encham e subjuguem a terra! Dominem sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu e sobre todos os animais que se movem pela terra".
- Trabalhar é bom e essencial para a vida humana. Ninguém pode ser plenamente feliz sem trabalho. Eu vou trabalhar até morrer.

- Muitos sonham com ganhar na loteria, ganhar uma herança, se aposentar, conseguir um emprego onde se trabalhe pouco, etc. Isso é ilusão.

- Quem fica no ócio a vida toda se expõe ao pecado. Como diz o ditado “mente vazia é oficina do Diabo”.

- Preste atenção no que vou te falarsem trabalhar você nunca será realmente feliz. O que você precisa é trabalhar fazendo o que gosta, de acordo com a sua vocação, talentos e personalidade (MOLDE DO MINISTRO).
- Todos os heróis da féreis, sacerdotes, generais, profetas, apóstolos, etc. foram homens de ação e trabalho. Deus não convoca preguiçosos. A vida cristã autêntica é fruto da disciplina e do trabalho.
- A pessoa diligente é automotivada. Não depende de muitas ordens, cobranças ou elogios para trabalhar.
- A consciência do estado de pecado do mundo deveria nos conduzir a uma vida diligente.

- Uma pessoa diligente não coloca a culpa nas circunstâncias ou nas outras pessoas. Ao contrário, ela usa isso para trabalhar ainda mais. O apóstolo Paulo escreveu 30% de suas cartas quando estava preso. Ao invés de usar a prisão como desculpa para não trabalhar, ele trabalhou ainda mais.

- Mas atenção: não estou falando de ativismo, pois este é esforço sem frutos. É trabalho sem direção, sem resultado. Estou falando de um trabalho sob a direção do Espírito Santo.

- Outra coisa importante: junto com o trabalho, é necessário o descanso semanal (sábado) e anual (sabático). Precisamos repor energias, mas nunca pensar em parar de trabalhar.

Vamos analisar uma passagem bíblica que fala da diligência:
MATEUS 25.14-3014 "E também será como um homem que, ao sair de viagem, chamou seus servos e confiou-lhes os seus bens. 15 A um deu cinco talentos, a outro dois, e a outro um; a cada um de acordo com a sua capacidade. Em seguida partiu de viagem. 16 O que havia recebido cinco talentos saiu imediatamente, aplicou-os, e ganhou mais cinco. 17 Também o que tinha dois talentos ganhou mais dois. 18 Mas o que tinha recebido um talento saiu, cavou um buraco no chão e escondeu o dinheiro do seu senhor. 19 "Depois de muito tempo o senhor daqueles servos voltou e acertou contas com eles. 20 O que tinha recebido cinco talentos trouxe os outros cinco e disse: 'O senhor me confiou cinco talentos; veja, eu ganhei mais cinco'. 21 "O senhor respondeu: 'Muito bem, servo bom e fiel! Você foi fiel no pouco, eu o porei sobre o muito. Venha e participe da alegria do seu senhor!' 22 "Veio também o que tinha recebido dois talentos e disse: 'O senhor me confiou dois talentos; veja, eu ganhei mais dois'. 23 "O senhor respondeu: 'Muito bem, servo bom e fiel! Você foi fiel no pouco, eu o porei sobre o muito. Venha e participe da alegria do seu senhor!' 24 "Por fim veio o que tinha recebido um talento e disse: 'Eu sabia que o senhor é um homem severo, que colhe onde não plantou e junta onde não semeou. 25 Por isso, tive medo, saí e escondi o seu talento no chão. Veja, aqui está o que lhe pertence'. 26 "O senhor respondeu: 'Servo mau e negligente! Você sabia que eu colho onde não plantei e junto onde não semeei? 27 Então você devia ter confiado o meu dinheiro aos banqueiros, para que, quando eu voltasse, o recebesse de volta com juros. 28 " 'Tirem o talento dele e entreguem-no ao que tem dez. 29 Pois a quem tem, mais será dado, e terá em grande quantidade. Mas a quem não tem, até o que tem lhe será tirado. 30 E lancem fora o servo inútil, nas trevas, onde haverá choro e ranger de dentes.
SEJA DILIGENTE

PORQUE DEUS TE CONFIOU TALENTOS15 A um deu cinco talentos, a outro dois, e a outro um; a cada um de acordo com a sua capacidade
PORQUE VOCÊ TEM CAPACIDADE PARA ISSO
15 A um deu cinco talentos, a outro dois, e a outro um; a cada um de acordo com a sua capacidade
PORQUE DEUS ESPERA RESULTADOS
19 "Depois de muito tempo o senhor daqueles servos voltou e acertou contas com eles.
PORQUE DEUS NÃO IRÁ ACEITAR DESCULPAS
26 "O senhor respondeu: 'Servo mau e negligente! Você sabia que eu colho onde não plantei e junto onde não semeei.
PORQUE DEUS É JUSTO
27 Então você devia ter confiado o meu dinheiro aos banqueiros, para que, quando eu voltasse, o recebesse de volta com juros.
PORQUE DEUS RECOMPENSA A DILIGÊNCIA
21 "O senhor respondeu: 'Muito bem, servo bom e fiel! Você foi fiel no pouco, eu o porei sobre o muito. Venha e participe da alegria do seu senhor!' 22 "Veio também o que tinha recebido dois talentos e disse: 'O senhor me confiou dois talentos; veja, eu ganhei mais dois'. 23 "O senhor respondeu: 'Muito bem, servo bom e fiel! Você foi fiel no pouco, eu o porei sobre o muito. Venha e participe da alegria do seu senhor!' 24 "Por fim veio o que tinha recebido um talento e disse: 'Eu sabia que o senhor é um homem severo, que colhe onde não plantou e junta onde não semeou. (...) 28 " 'Tirem o talento dele e entreguem-no ao que tem dez.
PORQUE DEUS PUNIRÁ A INDOLÊNCIA
30 E lancem fora o servo inútil, nas trevas, onde haverá choro e ranger de dentes
CONCLUSÃO
Pessoas diligentes fazem acontecer
Pessoas indolentes reclamam

Pessoas diligentes são realizadas
Pessoas indolentes são frustradas

Pessoas diligentes são felizes
Pessoas indolentes são infelizes

Pessoas diligentes deixam um legado
Pessoas indolentes nada deixam

Pessoas diligentes assumem responsabilidade
Pessoas indolentes culpam as outras pessoas por seus fracassos

Pessoas diligentes são corajosas
Pessoas indolentes têm medo


Pessoas diligentes confiam em Deus
Pessoas indolentes não confiam


Pessoas diligentes serão recompensadas
Pessoas indolentes serão punidas

AUTOR: Pr. Ricardo Aurino



:::::::::::::::::::::::::::

#############


============

+++++++++++

:::::::::::::::::::






ALIMENTANDO
DE DEUS
Texto Bíblico: Isaias 58: 9,10

I – O que precisamos para sermos despenseiros de Deus?
1) Precisamos ser de muita oração (Então clamaras, e o Senhor te responderá).
2) Precisa haver uma grande renuncia do mundo (Se tirares do meio de ti o julgo).
3) Não pode ser juiz do próximo (Se tirares o estender do dedo).
4) Tem que ter uma palavra santificada na boca. (Se tirares o falar vaidade).
5) Qual será o resultado dessa renuncia de vida (O Senhor dirá eis-me aqui).

II – Existe uma realidade eminente no mundo, a humanidade está com muita fome de Deus.
1)- O homem tem fome da justiça de Deus.
2)- O homem tem muita fome da verdade.
3)- Quando está na angustia, na tribulação tem fome de paz.
4)- Na tristeza tem fome de alegria.
5)- Quando estamos em luta temos fome de vitória.
6)- Na enfermidade temos fome de cura para o nosso corpo físico.
7)- Por causa do pecado o homem tem fome da salvação.
8)- Na vida espiritual tem sede de Deus na vida.

III – É dando que se recebe.
1) O que fazermos para as pessoas, fazemos pra Deus e Ele nos pagará com certeza.
2) Somos bem aventurados quando atendemos ao pecador, Deus nos
guardará do mal. Salmos. 41: 1
3) Devemos defender aqueles que precisam do socorro de Deus.
4) A igreja tem obrigação de fazer a obra de caridade para não ser reprovada. Tito. 3: 14

FONTE:
http://www.ministeriofama.org/portal/esbocos/alimentando-de-deus.html?Itemid=56




:::::::::::::::::::::::::::

=============


#############

============