quarta-feira, 21 de julho de 2010


DIFERENTES FORMAS

DO AMOR COMPLETO


- Relacionamentos humanos, entre um homem e uma mulher podem ser iniciados de diversas formas. No entanto, manter este relacionamento ao longo do tempo e usufruir bem dele na nossa vida pessoal, é uma enorme tarefa para ser compartilhada por um homem e uma mulher.

- Ao deixarmos a casa paterna, estamos deixando para trás uma parte da nossa vida e estamos iniciando uma nova forma de viver e encarar a vida ao nosso redor. Muitas mudanças vão ocorrer nas suas vidas. E todas elas, com certeza, serão para melhor.

- A paixão é um fogo com grandes labaredas. O amor é uma brasa que precisa ser permanentemente cuidada para não se apagar. Para que uma brasa fique acesa, é preciso haver fogo, mas fogo sem brasa não mantém um braseiro acesso por muito tempo.

- Casamento baseado no “fogo da paixão” tem curta duração, tem decepções e fim rápido.

- Casamento construído e alimentado diariamente, pelo amor, é capaz de ser duradouro, feliz, abençoado, dinâmico e sempre renovado.

- Mas, quais áreas da nossa vida o AMOR é expresso e como devemos expressar este amor? 1º Coríntios 13.1-8 esse é o texto para as vossas vidas, hoje.

1. AMANDO FISICAMENTE (RELACIONAMENTO ÍNTIMO)

a) Intimidade (ambos estavam nus e não se envergonhavam..... gênesis)

b) Prazer a dois, complemento, equilíbrio psíquico;

c) Alegria, prazer – benção para as suas vidas;

d) Sexo no casamento envolve, amor, compromisso e paixão

e) Não pode haver negação por nenhuma das partes (1º Co. 7.3-5)

f) Não pode ser egoísta, mas para satisfação mútua

2. AMANDO EMOCIONALMENTE

a) Romântico – o romantismo mantém vivos os nossos sonhos.

b) Empenho na felicidade da pessoa amada (desejo ardente)

c) Não medir esforços para expressar o nosso sentimento;

d) Pressupõe conhecer a nossa estrutura emocional

e) Conhecer e suprir as carências emocionais e afetivas

f) A emoção equilibrada é cura para a nossa mente e alma;

g) A emoção equilibrada faz bem para o nosso trabalho (progredimos)

3. AMANDO NA CONFIANÇA E SEGURANÇA

a) É melhor serem dois do que um (Ec 4.9-12);

b) Ser bem aceito, bem recebido todos os dias –

c) Sentimento de lar = “refúgio”, para ali sermos nós mesmos – um lugar onde somos os que somos, sem máscara, sendo aceito exatamente como somos;

d) Sensação de plenitude e completamento, sem medos e traumas,

e) Isso leva tempo (agir diário) é lento e se expressa pelo: cuidado diário, ambiente de convívio, pelo cuidado mútuo..

4. AMANDO NA CUMPICIDADE DA VIDA

a) Prazer em estar e fazer coisas juntos;

b) Dividir e compartilhar os pensamentos, sonhos, planos;

c) Guardar confidências; superar conflitos;

d) Cada um é o primeiro e maior amigo (Rute 1.16)

e) Não existe mais o EU e o MEU, tudo agora deve ser NOSSO

5. AMANDO SACRIFICIALMENTE

a) Fazer ao cônjuge aquilo que normalmente não faríamos por ninguém;

b) Jamais fazer qualquer coisa motivado pela emoção;

c) Entrega, doação, perdão, cura, restauração

d) O amor não inveja, não ensoberbece, não se irrita, não busca o seu próprio interesse, não suspeita mal (ciúmes), folga com a verdade; não trata com leviandade;

e) O amor tudo suporta, tudo crê, tudo espera;

f) O amor nunca falha (1º

CONCLUSÃO:

- Amar uma pessoa, nosso cônjuge, é de uma complexidade muito grande que muitos não resistem às crises e desistem dos sonhos.

- Mas a Bíblia garante que DEUS, ao estar no centro da nossa vida, nos capacita a viver a cada dia.

- Fiplipenses 2.13: “é Ele quem efetua em vós o querer e o realizar” e o Salmo 37.4 diz: “Agrada-te do Senhor, teu Deus, e ele satisfará os desejos do seu coração” – duas promessas para as vossas vidas.

Vivam intensamente este sonho e realizem tudo que está nos vossos corações!


FONTE:
http://www.ibivitoria.org/mt/52.html



=============

++++++++++++

Nenhum comentário:

Postar um comentário