quinta-feira, 5 de novembro de 2009


Santificação,
a vontade de Deus
para sua vida



- O propósito de Deus para sua vida é a santificação.

- A santificação é uma doutrina bíblica, no entanto esquecida em nossos dias. Mas é preciso dizer que, sem ela somos privados de várias benesses espirituais.

- Outra coisa que precisa ficar claro: a santificação é a vontade de Deus revelada tanto no Antigo Testamento quanto no Novo Testamento.

- E mais, ela difere da justificação. Enquanto a justificação é um ato único, a santificação é um processo contínuo que perdurará até a volta de Cristo.

- A primeira diz respeito ao nosso status, a segunda ao nosso caráter. Na santificação, Deus trabalha em nós, pois somos transformados de glória em glória para sermos conforme à imagem do seu Filho (Rm 8).

- Também somos responsáveis em desenvolvê-la. Existem varias razões que poderíamos destacar acerca da santificação como a vontade de Deus para nossa vida.

Porém, veremos apenas três:

1 - Porque ela evidencia a eleição

- Uma das evidências de que uma pessoa é eleita em Cristo é a santificação.

- Deus nos escolheu para sermos santos e irrepreensíveis (Ef 1. 4). É um engodo e uma falácia considerar-se um eleito e viver na prática do pecado (1Jo 3. 9).

- A vontade de Deus para nossa vida é que nos revistamos, "como eleitos de Deus, santos e amados, de ternos afetos de misericórdia, de bondade, de humildade, de mansidão, de longanimidade" (Cl 3. 12).

- Precisamos ser diligentes em obedecer a vontade de Deus no que tange a santificação, pois Ele quer que confirmemos a nossa eleição (2Pe 1. 10).

- Não se comprova a eleição com verborragia, mas com atos e atitudes. Pelos frutos se conhece a árvore. Fomos eleitos na eternidade, "pela santificação do Espírito e fé na verdade" (2Ts 2. 13).

2 - Porque ela autentica a regeneração

- O novo nascimento é a mola propulsora para a santificação, visto que após a regeneração as disposições carnais são suplantadas pelas disposições espirituais, as quais são percebidas através da fé e de uma vida santa.

- "E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas" (2Co 5. 17).

- Deus quer que evidenciemos a nossa filiação por meio da santificação. Qualquer pessoa que nasceu da água e do Espírito desejará ardentemente a santificação e a buscará.

3 - Porque ela prepara para a glorificação

- O escritor aos Hebreus nos exorta: "Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor" (Hb 12. 14).

- O Senhor Jesus disse: "Bem-aventurados os limpos de coração, porque verão a Deus" (Mt 5. 8).

- Nossa pátria é o céu de glória (Fl 3. 20). O projeto final de Deus para nossa vida é a glorificação.

- Por isso, Deus exige de nós a santificação, porque ela nos prepara para a glorificação. Ele não abre mão de vivermos uma vida para o louvor de sua glória. "Sede santos, porque eu sou santo", diz o Senhor (1Pe 1. 16).

- No céu não entra pecado. A Bíblia diz que na cidade santa, "nunca jamais penetrará cousa alguma contaminada, nem o que pratica abominação e mentira, mas somente os inscritos no livro da vida do Cordeiro" (Ap 21. 27).

- Se quisermos andar com Deus e desfrutar de sua presença gloriosa, então precisaremos trilhar esse caminho, pois é a santificação que pavimenta o caminho da glorificação.

- Você é um eleito de Deus? Então, procure evidenciá-la.

- Você já nasceu de novo? Então, busque a santificação.

- Você foi chamado e justificado? Então, o seu destino é a glória. Nosso destino é o céu de gloria, onde Deus "enxugará dos nossos olhos toda lágrima, e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor" (Ap 21. 4).

- Levantemos bem alto o estandarte da gloriosa doutrina da santificação e ouçamos o conselho do apóstolo Paulo: "Pois esta é a vontade de Deus: a vossa santificação (1Ts 4. 3).

Que o Deus Eterno e santo nos ajude a fazer a sua vontade. Amém!


AUTOR: Rev. Fabio de Jesus Caetano