terça-feira, 20 de outubro de 2009


SUA POSIÇÃO EM CRISTO

1 Samuel 17:45

“Tu vens contra mim com espada, e com lança, e com escudos, eu porém vou contra ti em nome do Senhor dos Exércitos, o Deus de Israel, a quem tens afrontado



* Quando imaginamos essa cena é algo tremendo!

* Davi, um garoto de apenas 15 anos, acostumado com uma vida pacata, cuidando de ovelhas, e de repente se vê diante de um gigante temido por todo um exército, diante de um gigante armado da cabeça aos pés com espada, lança, escudo.... e Davi naquela hora não olhou para o perigo, não se importou com o tamanho do gigante, não mediu e comparou as armas de seu adversário com as suas, até porque ele não tinha armas, mas Davi tomou a arma do posicionamento no Senhor, confrontou, matou e degolou o gigante Golias, porque ele conhecia o Deus a quem ele servia.

* Um dos maiores desafios que a igreja do Senhor enfrenta nos dias de hoje, é o de se posicionar verdadeiramente em Cristo Jesus, diante do mundanismo que tem entrado pelas portas da igreja, disfarçado de psicologia, de filosofia, de neurolinguística, de doutrinas humanistas e de muitas atividades e passatempos que são trazidos para dentro da igreja, e que de maneira sutil, vem roubando do povo de Deus o tempo de dedicação à oração.

* Que vem sorrateiramente roubando a santidade em nome de uma falsa liberalidade por não se adotar usos e costumes, roubando a fidelidade à Palavra de Deus, que vem minando a fé do povo, trazendo assim a incredulidade e a apostasia, e em alguns casos até mesmo roubando a honra e a glória que devem ser dadas ao Senhor, em virtude das honras que tem sido dadas ao homem.

* Quando buscamos na Palavra de Deus subsídios para entendermos como de fato devemos nos posicionar com relação a esta grande batalha que enfrentamos, vemos homens e mulheres que nos dão grandes exemplos de servos de Deus que souberam se posicionar com firmeza diante das adversidades, e saíram vencedores como Noé, Davi, Elias, Ruth, Éster.

* Vemos também no Apóstolo Paulo um grande exemplo, quando ele enfrentava na Igreja de Corinto uma oposição ferrenha à sua autoridade apostólica, e, seus adversários tentavam persuadir a igreja a rejeita-lo.

* E o apóstolo defende sua autoridade apostólica, e permanece firme na posição à qual o Senhor Jesus o havia chamado e comissionado.

* Satanás não está brincando de matar, roubar e destruir. Esta é a sua missão, e ele é obstinado por ela.Não podemos nos iludir, achando que ele vai desistir de nós porque isso não é verdade, ele vai sempre e todos os dias tentar minar as forças da igreja de Jesus Cristo, e com isso o que mais temos visto, são lares, casamentos, ministérios, projetos e sonhos sendo totalmente destruídos e arrasados, porque na hora da batalha não temos nos posicionado em Cristo.

* Precisamos assumir nossa posição diante do mundo espiritual. Temos que saber quem somos em Cristo para usarmos os direitos e privilégios decorrentes da autoridade conquistada por Ele na cruz do calvário.

* Jesus morreu na cruz no meu lugar. Então é como se eu tivesse sido crucificada juntamente com Ele.

Quando Ele ressuscitou, eu ressuscitei com Ele.

Quando Ele se assentou à direita do Pai nos lugares celestiais, Ele me levou juntamente com Ele. Portanto, eu estou assentada nos lugares celestiais com Ele. Essa é a minha posição em Cristo Jesus!!! Aleluia!!!

● Fomos resgatados das trevas para sua maravilhosa luz

● Ele nos tirou de uma lago horrível, de um charco de lodo

● Nos colocou na rocha e firmou nossos passos Salmo 40:2

● Perdoou nossos pecados Cl 1:14

● Nos adotou como filhos Ef 1:5

● Nos deu direito de chamar a Deus de Aba-Pai Rm 8:15

● Nos selou com Espírito Santo Ef. 1:13

● E nos fez templo do Espírito Santo I Co 3:16

● Nos constituiu Embaixadores de Cristo II Co 5:20

● Povo eleito, Nação Santa, povo adquirido.....

● Somos propriedades exclusivas de Deus
Como se não bastasse tudo isso, Ele ainda compartilhou conosco a autoridade que Ele recebeu do Pai. e quando cremos nele, nos também recebemos essa autoridade.

* Em Cristo temos autoridade para:

1. Pisar em serpentes e escorpiões e sobre o poder do inimigo (Lc. 10:19)

2. Temos autoridade para: expelir demônios (Mc 3:14)

3. Curar todos os tipo de enfermidade (Mt. 10:1)

* Quando assumimos nossa posição em Cristo, e recebemos dele autoridade, estamos prontos para enfrentar qualquer tipo de desafio que aparecer na nossa frente.

* Estamos prontos para enfrentar qualquer nível de batalha com as trevas.

* Como soldados do maior exército que existe sobre a face da terra, ao nos posicionarmos em Cristo, estaremos prontos para guerrear, e com certeza sairemos vitoriosos.

* A palavra nos ensina: “Sujeitai-vos pois a Deus e resisti ao diabo e ele fugirá de vós”Se você não se posiciona, o medo toma conta de você. E Se você tem medo, o diabo te derrota. Eu não estou lhe amaldiçoando não. Se você não resistir ao diabo ele não vai fugir.

* Então nossa primeira arma contra as astutas ciladas do inimigo é nos posicionarmos em Cristo. Quando nos posicionamos, nos sujeitamos a Deus e quando nos sujeitamos o diabo foge de nós.

* Sempre que surgir um desafio, devemos enfrentar agressivamente as forças das trevas, tendo sempre em mente, que quando confiamos no Senhor, Ele nos mostra a estratégia e a solução correta.

* Deus é um Deus de relacionamento, é um Pai apaixonado por sua família, e é justamente o nosso relacionamento com Cristo que nos prepara para as batalhas; sejam elas grandes ou pequenas, sempre sairemos vitoriosos, desde que usemos a arma certa, no local certo, e na hora certa.

* Portanto amados, quando o adversário surgir na nossa frente com qualquer tipo de confronto, devemos fazer como Davi fez:

Ele buscou direção de Deus, recebeu dele a estratégia (use a sua funda e algumas pedras) e gritou em alta voz:

Golias: “Tu vens contra mim com espada, e com lança, e com escudos, eu porém vou contra ti em nome do Senhor dos Exércitos, o Deus de Israel, a quem tens afrontado”

Reflexão:

Como você tem se posicionado diante dos desafios do dia-a-dia?

Você tem enfrentado os problemas ou tem fugido e se escondido deles atrás de desculpas e argumentos?

O mundanismo tem assolado a sua casa a sua família seus filhos e você por estar fora da posição tem se acovardado e tem deixado o tempo resolver as coisas?

Deus espera de nós apenas a decisão de tomarmos a nossa verdadeira posição em Cristo para nos fazer vencedores em todas as áreas de nossa vida. Amém.


AUTORA: Missionária Vânia Cardoso


O SIGNIFICADO
DA INTERCESSÃO
1 Timóteo 2.1



Introdução

* Vamos entrar agora em um estudo muito importante sobre o tema que vocês propuseram para este dia: o tema da INTERCESSÃO.

* Quero adiantar que a Intercessão é a chave que move ou retém a mão de Deus.

* O apóstolo Paulo declarou que interceder é uma prática que deve ocupar o primeiro lugar em importância na vida da igreja.

* Ele falou: “Antes de tudo, recomendo que se façam súplicas, orações, intercessões e ações de graças por todos os homens”.

* Não há registro de Jesus ter ensinado os seus discípulos a pregar, a adorar... mas ensinou-os a orar.

* Há pelo menos três pontos básicos sobre Intercessão, que importa conhecermos bem, a fim de praticarmos com êxito este ministério.

...O primeiro ponto básico sobre o tema “Intercessão”, é este:
O QUE É INTERCESSÃO

* Interceder significa literalmente “mediar”, significa fazer mediação.

* Interceder é você se colocar no lugar do outro e pleitear, defender, a causa dele.

* O intercessor levanta as mãos para Deus e diz: “Senhor, eu me coloco diante do Senhor para lutar em favor de Fulano. Eu apresento a minha vida, a minha fé, a minha insistência como um argumento para que o Senhor abençoe a ele”.

* Portanto, o intercessor é alguém que, com humildade, mas com ousadia, “compra briga com Deus”, por assim dizer, em favor de seu semelhante....

...0 segundo ponto básico que importa conhecer bem é:
A NECESSIDADE DE INTERCESSORES

* É necessário haver intercessores pelo fato de Deus, Santo como é, punir o pecado.Deus é bom, mas Ele é também Santo e Justo...então, quando o homem peca, Deus o reprova.

* A santidade de Deus O leva a punir o pecado, por outro lado, o Amor de Deus O leva a abençoar o pecador com misericórdia. E aí é que entra a necessidade do intercessor... a necessidade de alguém que se apresente diante do Senhor para fazer com que venha mais graça do que juízo sobre o que pecou.

* A mão de Deus pesa sobre o pecador, mas ela pode também ser estendida para abençoar o pecador... portanto, o ministério do Intercessor é precisamente fazer isto: que a mão de Deus venha sobre o pecador para o abençoar.

* Se não houver o intercessor, então o que ocorre é que o pecador fica só e debaixo do juízo de Deus.

...O terceiro ponto básico sobre Intercessão, que importa conhecermos bem, a fim de praticarmos este ministério, é que:
DEUS PROCURA INTERCESSORES

* Os intercessores são, muitas vezes, tudo o que Deus precisa para ser movido a abençoar uma pessoa.

* Deus é Amor, mas ao mesmo tempo é Santo e Justo... por isso, tem que punir o pecado, tem que condenar o pecado... mas, ainda assim, Deus espera para ter misericórdia.

* Vamos ler Ez 22.23-31 a fim de conhecermos o que se passa no coração de Deus: “De novo a palavra do SENHOR veio a mim. Disse ele: 24 “Filho do homem, diga a esta terra: Você é uma terra que não tem tido chuva nem aguaceiros no dia da ira. 25 Há nela uma conspiração de seus príncipes como um leão que ruge ao despedaçar sua presa; devoram pessoas, apanham tesouros e objetos preciosos e fazem muitas viúvas. 26 Seus sacerdotes cometem violência contra a minha lei e profanam minhas ofertas sagradas; não fazem distinção entre o sagrado e o comum; ensinam que não existe nenhuma diferença entre o puro e o impuro; e fecham os olhos quanto à guarda dos meus sábados, de maneira que sou desonrado no meio deles. 27 Seus oficiais são como lobos que despedaçam suas presas; derramam sangue e matam gente para obter ganhos injustos. 28 Seus profetas disfarçam esses feitos enganando o povo com visões falsas e adivinhações mentirosas. Dizem: ‘Assim diz o Soberano, o SENHOR’, quando o SENHOR não falou. 29 O povo da terra pratica extorsão e comete roubos; oprime os pobres e os necessitados e maltrata os estrangeiros, negando-lhes justiça. 30 “Procurei entre eles um homem que erguesse o muro e se pusesse na brecha diante de mim e em favor desta terra, para que eu não a destruísse, mas não encontrei nenhum. 31 Por isso derramarei a minha ira sobre eles e os consumirei com o meu grande furor; sofrerão as conseqüências de tudo o que fizeram. Palavra do Soberano, o SENHOR”.

* Nesta passagem, Deus fala sobre o pecado que havia dominado todos os níveis da nação... os profetas, os príncipes, os sacerdotes, e por fim, todo o povo haviam se corrompido.

* Então, nos v.31-31, Deus desabafa: “Procurei entre eles um homem que erguesse o muro e se pusesse na brecha diante de mim e em favor desta terra, para que eu não a destruísse, mas não encontrei nenhum. 31 Por isso derramarei a minha ira sobre eles e os consumirei com o meu grande furor; sofrerão as conseqüências de tudo o que fizeram. Palavra do Soberano, o SENHOR”.

* Que declaração chocante! Deus buscou um (apenas um!) homem que intercedesse por aquela gente... como não encontrou, Ele teve que descarregar Seu juízo sobre o povo.

* Hudson Taylor, soube dessa busca de Deus e fez o compromisso de interceder. Ele declarou: “Durante mais de quarenta anos, o sol nunca se levantou na China, sem me encontrar de joelhos, em oração”.

* Outra passagem muito forte é Is 59.12-16: “12 Sim, pois são muitas as nossas transgressões diante de ti, e os nossos pecados testemunham contra nós. As nossas transgressões estão sempre conosco, e reconhecemos as nossas iniqüidades: 13 rebelar-nos contra o Senhor e traí-lo, deixar de seguir o nosso Deus, fomentar a opressão e a revolta, proferir as mentiras que os nossos corações conceberam. 14 Assim a justiça retrocede, e a retidão fica à distância, pois a verdade caiu na praça e a honestidade não consegue entrar. 15 Não se acha a verdade em parte alguma, e quem evita o mal é vítima de saque. Olhou o Senhor e indignou-se com a falta de justiça. 16 Ele viu que não havia ninguém, admirou-se porque ninguém intercedeu; então o seu braço lhe trouxe livramento e a sua justiça deu-lhe apoio”.

* Esse texto revela que o errado era tratado como sendo o correto naqueles dias (e a coisa não mudou muito...), e termina descrevendo a reação de Deus, no v.16: “Ele viu que não havia ninguém, admirou-se porque ninguém intercedeu”.

* Estas duas passagens (Ez 22 e Is 59) nos mostram com clareza, como Deus precisa de intercessores para abençoar vidas, e como é frustrante para Ele, em muitas ocasiões, quando os intercessores não são encontrados....havendo considerado os pontos básicos, importa agora, conhecermos o maior de todos os intercessores: Jesus

* Jesus foi e continua sendo o maior de todos os intercessores... Ele se apresentou diante do Pai, em nosso lugar, e fez isto não apenas com palavras e orações, mas com o próprio sangue.

* Jesus, enquanto estava vivendo na terra, praticou muita oração, especialmente intercessão.

* Na Bíblia, nós encontramos Jesus, por exemplo, chorando sobre Jerusalém.

* Em Lc 19.41, lemos isto: “Quando se aproximou e viu a cidade, Jesus chorou sobre ela”.

* Em Jo 17, lemos de Jesus intercedendo intensamente pelos discípulos que haveriam de passar por muita tribulação.

* Mas o ponto alto da intercessão de Jesus teve lugar na cruz, quando Ele, literalmente, ofereceu a Sua vida em favor da nossa... e até hoje, Jesus continua no ministério de intercessão!

* Lemos em Hb 7.24-25: “...visto que vive para sempre, Jesus tem um sacerdócio permanente. 25 Portanto, ele é capaz de salvar definitivamente aqueles que, por meio dele, aproximam-se de Deus, pois vive sempre para interceder por eles”.Falando profeticamente, Isaías anunciou: “ele derramou sua vida até a morte, e foi contado entre os transgressores. Pois ele levou o pecado de muitos, e pelos transgressores intercedeu” (Is 53.12).

* Com Jesus, aprendemos algumas verdades muito importantes sobre o Ministério de Intercessão.

* Jesus é o nosso principal modelo em tudo... no que diz respeito ao Ministério da Intercessão, a vida de Jesus nos ensina vários princípios:

1 - A INTERCESSÃO REQUER UM ENVOLVIMENTO DE CORAÇÃO

* Jesus não se apresentava friamente diante de Deus para pedir por outros... Ele envolvia o coração nisso.

* Em Jo 11.35-36, nós lemos de Jesus derramando lágrimas pelos que sofrem, está escrito: “Jesus chorou. 36 Então os judeus disseram: “Vejam como ele o amava!”

* Em Mc 8.2, Jesus foi movido de íntima compaixão pela multidão; lemos isto: “Tenho compaixão desta multidão; já faz três dias que eles estão comigo e nada têm para comer”.

* Em Jo 17.1-26, Jesus orou de maneira emocionada pelos discípulos!

* Juan Bunyan dizia: "as melhores orações tem muitas vezes mais gemidos que palavras".

* John Knox fez, apaixonadamente, fazia a seguinte oração: "Ó Deus, dá-me a Escócia ou eu morrerei!".

* O intercessor não pode ser como aquele menino que, num dia de pique-nique na praia, viu a mãe, que tudo preparara com cuidados especiais, entrando na água, e que instantes depois, começou a se afogar. Então, o filhinho que brincava na areia, ouvindo os gritos de socorro da mãe, andou uns passos para perto do pai, que estava distraído com algumas coisas e falou: “Papai, mamãe está lá na praia. Eu acho que ela está se afogando”. O homem largou as coisas que estava fazendo, deu um salto, saiu a toda pressa a fim de resgatar a esposa...

* Muitas vezes, clamamos ao Senhor com a calma daquele menino, oramos sem pressa, sem urgência nenhuma, sem coração.

* Quem vai compor o Ministério de Intercessão precisa envolver o coração nesse ministério.

* Tem que ser como Jesus!

...o próximo princípio é esse:
A INTERCESSÃO PROFUNDA EXIGE SENSIBILIDADE À VOZ DE DEUS

* Muitas vezes, para um intercessão profunda, precisamos conhecer a intimidade de Deus.

* Quando Jesus alertou a Pedro sobre as lutas que ele teria que passar, Suas palavras foram (Lc 22.31-32): “Simão, Simão, Satanás pediu vocês para peneirá-los como trigo. 32 Mas eu orei por você, para que a sua fé não desfaleça. E quando você se converter, fortaleça os seus irmãos”.

* Note que Jesus havia recebido uma revelação do Pai, ficou sabendo o que estava para acontecer e já havia orado por Pedro.

* Essa qualidade é muito importante na vida de um intercessor: ele precisa estar em sintonia com o Espírito Santo... muitas vezes o intercessor vai orar antes que os fatos aconteçam, e com sua oração, evitará tragédias e conquistará bênçãos!

* Então, o intercessor precisa ser sensível à voz de Deus.

* Você deve se preparar para ouvir a voz de Deus... todos os crentes querem ouvir a voz de Deus, mas Deus não vai falar mais alto que a televisão, Deus não vai falar mais alto que as suas músicas...

Outro dia eu li isto: "Deus fala não com os que têm orelhas, mas com os que têm ouvidos". Mas tem havido mais orelhas do que ouvidos na igreja...

* Lemos na Bíblia que Samuel disse ao Senhor: "Fala, Senhor, porque o teu servo ouve".

* Mas hoje, a igreja parece estar dizendo: "Ouça, Senhor, porque o teu povo fala".

* Você precisa ter ouvidos para ouvir o que o Espírito diz à Igreja... seja sensível à voz de Deus!

...da vida de Jesus aprendemos ainda este princípio:
A INTERCESSÃO NÃO LEVA EM CONTA O MÉRITO DO SEU OBJETO

* O objeto da intercessão pode ser desprezível.... você pode interceder por um rebelde, por vilão, por um criminoso, não importa.

* Da cruz do Calvário, no seu maior sofrimento e humilhação, Jesus fez uma oração por aqueles que O estavam matando.

* A oração de Jesus foi (Lc 23.34): “Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que estão fazendo”.

* Isso revela um coração movido pelo amor... apesar da maldade, da crueldade, o intercessor clama a benção de Deus... Ali na cruz, banhado em sangue, foi o que Jesus fez!

...e, finalmente, há também o seguinte princípio:
A INTERCESSÃO DEVE SER UM ESTILO DE VIDA

* Em Hb 2.17, Jesus é apresentado como nosso Sumo Sacerdote: “...sumo sacerdote misericordioso e fiel com relação a Deus”.

* Isto significa que, como Sacerdote, Jesus permanece diante do Pai em intercessão por nós. Isto é muito significativo porque, nós também somos designados como sacerdotes.

* Em 1Pe 2.9 lemos que somos “sacerdócio real” – ou seja, todo crente tem uma responsabilidade sacerdotal.

* Quer significa isso? Significa que temos a obrigação de trazer a verdade de Deus aos homens e levar as necessidades dos homens a Deus... essa é a função básica de um sacerdote.

* O sacerdote vive para isto, é o seu estilo de vida: representar Deus diante do povo e o povo diante de Deus.

* Se o sacerdote deixa de fazer isso, ele está pecando, como declarou o sacerdote e profeta Samuel: “E longe de mim esteja pecar contra o SENHOR, deixando de orar por vocês. Também lhes ensinarei o caminho que é bom e direito” (1Sm 12.23).

* E tal consciência era tão forte na vida de Jesus, que nós sempre lemos dEle nos Evangelhos, buscando um lugar de oração, apesar de sua vida cheia de compromissos.

* Os discípulos, compreenderam a importância disto. Pedro declarou: “...nos dedicaremos à oração e ao ministério da palavra”.

* "Em Atos 2, os crentes oraram 10 dias; a seguir, Pedro pregou 10 minutos e 3 mil pessoas foram salvas.

* Hoje, as igrejas oram 10 minutos, pregam 10 dias, e três pessoas são salvas".

Ministração

* Deseja ser usado ou abençoado sobrenaturalmente pela intercessão?

* Esteja aberto para receber revelação de Deus para orar por alguém (mas antes, quero orar por você).

Momento de ministração individual.

Momento de intercessão, lembrando que a intercessão requer um envolvimento de coração.



AUTOR: Pr Walter Pacheco da Silveira, baseado em material da Comunidade Cristã de Ribeirão Preto, SP




O PERIGO DE SER
DO CONTRA

1 Samuel 15.23

“A revolta contra o Senhor é tão grave como a feitiçaria, e o orgulho é pecado como é pecado a idolatria...”.



Introdução

* Certa vez um cidadão desembarcou num Estado distante e foi logo perguntando: “Tem governo nesse Estado?” Alguém respondeu imediatamente: “Tem sim! Claro que tem!” E o cidadão declarou: “Pois diga que eu sou contra”.

* O perigo de ser do contra. Este é o tema do sermão.

* A Bíblia nos ensina isto: “A rebelião é como o pecado da feitiçaria”.

* Estudando a Bíblia, nós não encontramos nenhum outro tipo de desobediência, que seja tratada com tanta severidade pelo Senhor, como esta: a rebelião, a revolta contra o Senhor.

* Na Bíblia, lemos de pessoas ficando gravemente enfermas (Nm 12:10)... lemos de reis perdendo o trono (I Sm 13:13,14)... e de gente sendo morta, simplesmente pelo fato de que se levantaram contra a autoridade de Deus (Nm 16:1-33).

* Trago, portanto, um assunto muito sério. E o mais chocante, porém, é que a rebelião não acontece só quando alguém se levanta contra o Senhor. A verdade é que, todas as vezes que o homem se levanta contra autoridades constituídas e ungidas por Deus, ele também é tratado como um rebelde.

* Agora, por que isso acontece?

* Por que o Senhor usa de tanta severidade para com este tipo de pecado?

Em primeiro lugar, é porque: Deus não tolera a rebelião

* Você sabe que Deus criou e sustenta o Universo... Se há algo que Deus não pode abrir mão é do governo sobre todas as coisas.

* Quando Deus criou o homem e o colocou no Jardim do Éden, com todo o respaldo para viver feliz e desfrutar da Terra, Deus deixou bem claro que a única condição para que tudo permanecesse bem, era que Adão e seus descendentes, se sujeitassem a Ele. Aquela árvore do conhecimento do bem e do mal, colocada no meio do jardim com seu fruto proibido, era um aviso para o homem.

Deus dizia: “Você pode dominar sobre tudo, mas quem manda em você sou Eu, o sou o Senhor”.Mas, ao comer daquele fruto, Adão e Eva estavam se levantando contra o senhorio de Deus... eles estavam proclamando independência e, como resultado, receberam a maldição do pecado, que é a morte, não somente sobre si mesmos, mas também sobre toda a raça humana.

* Deus não tolera a rebeldia à Sua autoridade.

O segundo motivo pelo qual Deus trata severamente a rebelião é porque: Ela leva o homem a ficar parecido com Lúcifer, o querubim corrompido, que é Satanás.

* Foi exatamente o ser contra a soberania de Deus, que fez com que Lúcifer e um terço dos anjos, fossem expulsos do céu e se tornassem um reino asqueroso, infestado de demônios sobre a Terra.

* Quando nós nos rebelamos contra uma autoridade, nós que fomos feitos para manifestar o caráter de Jesus, assumimos uma postura diferente, tornando-nos parecidos com aquele que se tornou o maior inimigo de Deus, o diabo.

* É por isso que Deus é severo com a questão da rebeldia: quando você se rebela contra as autoridades, você se torna parecido com o diabo.

* Misericórdia! Agora, o terceiro motivo porque Deus trata a rebelião com tanta severidade, é que: A rebelião possui um terrível poder de contaminação.

* Pessoas rebeldes são como o estopim de uma grande bomba.

* Ao lado de um rebelde, logo se levantarão muitos outros... por isso, os rebeldes não podem ser deixados à revelia...

* Deus é severo com os rebeldes. Talvez você ache desnecessária esta palavra. Afinal, estamos numa igreja e todos têm consciência destas verdades... Infelizmente, não é bem assim... pessoas mal informadas podem abrir brechas... sem falar nos que não se convertem ao Senhor, mas que se infiltram no meio da igreja, com aparência de bom crente, mas que na verdade nunca se converteu ao Senhor e que seduz os crentes desprecavidos.

* A rebeldia, tão severamente tratada por Deus, nem sempre é explícita. Muitas vezes ela se apresenta sutil e traiçoeira.

* É uma discordância aqui... uma crítica ao líder ali, uma acusação, uma palavra de murmuração... isso pode ser a ponta de um iceberg.

Conclusão

* Deus não tolera a rebeldia... ela leva o homem a ficar parecido com Satanás, e possui um terrível poder de contaminação.

* Portanto, é um fruto proibido, que não podemos tocar.

* É um perigo ser “do contra”... então, é bom a gente ponderar: com quem vamos nos assemelhar: Lúcifer ou Jesus?



AUTOR: Pr Walter Pacheco da Silveira


===============

===================


COMO VIVER
ACIMA DA MÉDIA
1 Crônicas 4.9-10



Introdução

* Todas as pessoas gostam de ser reconhecidas. Não somente você quer reconhecimento, como você precisa de reconhecimento.

* As crianças demonstram isso naturalmente, revelando esta tendência que existe em nós.

Ilustr.:

Menino não queria ser "cordeirinho" da mamãe, mas o "tigrezinho".

* I Cr 4:9,10 "...Foi Jabes mais ilustre do que seus irmãos; sua mãe chamou-lhe Jabes, dizendo: Porque com dores o dei à luz. Jabes invocou o Deus de Israel, dizendo: Oxalá me abençoes e me alargues as fronteiras, que seja comigo a tua mão e me preserves do mal, de modo que não me sobrevenha aflição! E Deus lhe concedeu o que lhe tinha pedido..."

* No contexto, muitos nomes são citados, aproximadamente 600 nomes, e só o de Jabes recebe destaque. Neste texto você descobre a vida de um homem que recebeu destaque no meio de 600 nomes!

* O que o fez tão notório assim?

* Vamos analisar 3 SEGREDOS na vida deste homem:

Jabes teve ambição pela bênção de Deus; ele confiou em Deus, e pediu pelo poder de Deus na sua vida.



I - COMECE A SONHAR, POIS DEUS TE FEZ PARA CRESCER

* Quem disse que ambição é somente negativa?

* Por que não podemos ter grandes sonhos?

* Podemos convergir esse sentimento e atitude pelas coisas certas.

* No caso de Joabe, SUA AMBIÇÃO ERA PELA BENÇÃO DE DEUS!!

* Muitas pessoas erram quando dizem: "Senhor, abençoe o que eu estou fazendo" O correto seria dizer: "Senhor, eu gostaria de estar naquilo que o Senhor está abençoando!"

* Quando você começa ter uma "santa ambição" pelas coisas que Deus coloca em seu coração, você sai do ordinário e entra para o campo do Extra-Ordinário!

* Quando não se têm alvos, não têm ambições, as pessoas somente existem! VOCÊ PRECISA TER UM SONHO!

* Deus te fez para crescer! Tudo o que é saudável cresce! Plantas crescem, crianças crescem, igreja cresce, indivíduos crescem! Você pode crescer em relacionamento, financeiramente, pessoalmente, ministerialmente, profissionalmente. Mas, cresce!

* Os desafios de sua vida, te ajudarão a crescer. Uma vida sem desafios e sem crescimento é se torna chata e insossa!

* TRÊS GRANDES ERROS QUE NOS IMPEDEM NUMA GRANDE E SANTA AMBIÇÃO:

1. Confundir humildade com medo - "Oh, eu nunca vou conseguir fazer isto" "Se é o que Deus está querendo, eu vou conseguir!"

2. Confundir contentamento com preguiça - Paulo disse: "Eu aprendi a viver contente em toda e qualquer situação" (Fp 4:11)

Ele não esta dizendo para você não ter alvos! Mas, ainda que meus alvos não foram alcançados, eu aprendi como extrair o melhor desse momento!

"Eu estou feliz hoje, ainda que todos os meus alvos não foram alcançados!" Se o contentamento for desculpas para a preguiça, nossos filhos nunca se formarão numa faculdade.

3. Confundimos pensar pequeno com espiritualidade. "Eu sirvo a Deus do meu jeitinho" Por que você não o serve de uma maneira melhor e maior?

Existem mais coisas que você pode fazer por ele.

II - COMECE A CRER, POIS DEUS TE CHAMA PARA VENCER

Uma fé crescente Alguns fatos acerca de Jabes:

1. Não existe aqui nenhuma menção especial a um talento, dom ou habilidade em Jabes.

a. Não fala dele ser rico ou com ótima escolaridade.

b. Ele era um homem comum com uma fé incomum.

c. Não se preocupe com o que você não tem quando você tem fé!

2. A fé de Jabes o levou a alcançar seus sonhos e visões.

Mais importante do que habilidade ou formação é FÉ !

É crer que DEUS pode fazer algo significante através de você

3. Ele aparentemente tinha alguma marca em sua vida.

* Jabes significa DOLOROSO. Ele causou tantas dores à sua mãe quando nasceu, que ela o chamou de "o doloroso".

* Talvez ele até foi rejeitado, não muito querido, não muito amado. (E quantos de vocês não foram também assim?)

* O seu nome o lembrava a vida toda que ele tinha sido um peso para a vida de alguém!Mas, APESAR de sua EXPERIÊNCIA DOLOROSA de vida, este homem foi levado pela sua fé a crer em grandes coisas para o futuro!

* Qual é sua marca? Algo físico? Algo espiritual? Frustração no trabalho? Problemas no casamento? Rejeição na infância?

* Tome posse de uma grande fé para vencer na vida!

III - COMECE A ORAR, POIS DEUS TE MOTIVA A SER UM CONQUISTADOR

* Oração genuína e transparente O terceiro segredo da vida de Jabes era sua vida de oração.

* Foi a oração simples deste homem que o levou a ser um homem ilustre, ter o seu exemplo registrado na Bíblia e ainda ter pessoas falando dele quase 3 mil anos depois!

* Talvez você tem receio de pedir algumas coisas em oração.

1. Ele pediu pelo poder de Deus na sua vida O que faz a motivação de um homem ser boa ou ruim?

- SUA MOTIVAÇÃO! Às vezes, a questão por detrás de você não pedir alguma coisa a Deus não é humildade, é falta de Fé! E o que não provém de fé é pecado!

* PECADO = Errar o alvo! Deus quer que você acerte!!

* Você talvez nunca solucionou alguns problemas crônicos em sua vida, como a falta de realização emocional, ou seu casamento, porque você nunca o pediu sincera e abertamente isto!!

2. "Seja a Tua mão comigo!"

* Jabes queria a presença de Deus com Ele! Aí está uma oração que Deus gosta de responder!

* E este é o elemento que surpreende o mundo [vejo esse elemento de surpresa quando Jesus disse "vós sois a luz... - que é aquela luminosidade lá no meio daquele monte escuro... é um filho de Deus! - sal...".]

3. "Me preserves do mal, de modo que eu seja livre da dor"

* Fugir da tentação e pedir a Deus por isso. "Não nos deixe ENTRAR em tentação"

* A tentação vem sobre aqueles que estão fazendo coisas significantes.

* Quanto maiores coisas você fizer, mais será atacado e tentado.

* Deus quer que você dependa dele para se livrar do Maligno! É Sua especialidade fazer isso!

Conclusão:

Quer viver acima da média?

Os três princípios:

1. Uma Grande ambição. Sonhar os sonhos de Deus! Um flash do que Deus quer fazer em sua vida se re-descubra em Deus! Por que você esta cursando a faculdade? Por que você esta trabalhando nesta área? O que mais você pode fazer?

2. Uma Grande Fé. Esperar o impossível! Os recursos virão. Quando Deus envia, Deus providencia!

3. Uma vida de oração genuína e transparente.

Alguém que depende de Deus para alcançar tudo na vida.

Ter vida de Oração. Oração diária, devocional, aberta, desejosa.

Por que não começar agora?


AUTOR: Pr Walter Pacheco da Silveira




++++++++++++++